«

»

out
19

É possível dominar o coração?

“Mais vale o homem que domina a si mesmo, do que aquele que conquista uma cidade” (Pro 16, 32)

Dar controle aos sentimentos, refrear as emoções quando estas podem machucar alguém é de verdade exercer a caridade. Não mandamos em nossos sentimentos, mas podemos escolher as reações que teremos diante deles. Não é porque estou sentindo raiva que devo agir de forma agressiva com as pessoas que estão por perto e que as vezes não tem nada a ver com a situação que me deixou irado. Não é porque de repente me descubro apaixonada por alguém que vou sair falando pra todo mundo e expondo meus sentimentos, pois corro grande risco de me machucar. É preciso dar tempo, deixar a poeira baixar, acalmar as emoções e aí sim reagir. Não estou falando de se reprimir, mas de exercer uma capacidade linda que nos foi dada por Deus: a de fazer escolhas, de dar uma resposta diferente. Isso sim faz toda diferença num mundo, que a cada dia mais, parece ser guiado por seus instintos, como se fôssemos bichos. É possível dominar o coração porque somos gente e quando vivermos como tal, daremos conta dessa missão.

Deixo como sugestão pra vc curtir o clipe “Quem realmente eu sou” cujo refrão diz: “Vamos caminhando, vamos dominando, mas tudo isso é em vão, se eu não domino o próprio coração”

Por: Déia Camargos

 

1 comentário

  1. Maria Clara disse:

    Hahahahahaha… Usei a tag errado. Vivendo e aprendendo…
    😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄😄
    Amo a galera BDH. 😉😜

    Bjs, Maria
    💋💋💋

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>