Deixai as crianças virem a mim”.


Jesus se aborrece com os discípulos porque eles não querem deixar que as crianças se aproximem dele. Ah se hoje fosse assim com nossos padres e pastores. É uma boa crítica, a critica de um pai de dois filhos! As crianças são crianças, estão aprendendo, sendo criadas, educadas e descobrindo a cada dia e a cada fase, um mundo de coisas novas e na igreja não será diferente. Se soubermos acolhe-las em nossas missas e grupos elas serão de Deus muito mais rápido e o mundão terá mais dificuldade para desencaminha-las. Quantas vezes os padres olham de cara feia para os pais por causa de criança correndo na igreja (não é para deixar correr, mas criança corre mesmo), padre que para a missa se não segurar a criança, padre que dá bronca nos pais durante a celebração… Afasta os pais, as crianças e não acolhe os pequenos como Jesus o fez. Jesus se aborreceu, ficou bravo com os discípulos e deu-lhes uma ordem: deixai vir a mim as crianças e não as impeçais. Mais ainda: No Reino de Deus só vai entrar quem for como elas. Jesus não as rejeitou, mas usou da presença alegre, espontânea, verdadeira, moleca, das crianças para as abençoar e ensinar aos marmanjos como se deve acolher o Reino de Deus.

Mc 10, 13-16

Ordens

Mc 10, 14

Vendo isso, Jesus se aborreceu e disse: Deixai as crianças virem a mim. Não as impeçais, porque a pessoas assim é que pertence o Reino de Deus.”

Princípio Eterno

Mc 10, 15

Em verdade vos digo: Quem não receber o Reino de Deus como uma criança, não entrará nele!”

Qual a mensagem de Deus para mim hoje?

Em verdade vos digo: Quem não receber o Reino de Deus como uma criança, não entrará nele!”

Como posso pôr isso em prática?

Confiança cega em Jesus, espontaneidade, simplicidade, características da infância que preciso ter no meu relacionamento com Deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>