No post Celebre a Epifania falamos sobre a manifestação de Deus para os Reis Magos.

A estrela se manifestou para os representantes do paganismo que mudam o seu caminho ao ver o menino Jesus.
O local da manifestação é visitado em Belém, chamado de Campo dos Pastores.
Alguns pastores vigiavam o rebanho nos campos quando um anjo apareceu e disse: “Não temais, eis que vos anuncio uma boa nova que será alegria de todo o povo. Hoje vos nasceu na Cidade de Davi um Salvador, que é Cristo Senhor.” Os anjos se juntaram com uma multidão do exército celeste que louvava a Deus: “Gloria a Deus no mais alto dos céus e na terra paz aos homens.” Lc 2, 10-14
Os pastores foram ao encontro do menino que estava envolvido em faixas e deitado numa manjedoura. Tiveram o privilégio de serem os primeiros para contemplar a glória de Deus, pois eram sempre os últimos, os marginalizados.

A manifestação aconteceu para os que seguiam a lei de Deus e para aqueles que eram pagãos, para os simples e para os diplomatas. O que importa é que o Senhor se manifesta a todos, e nós precisamos corresponder.

Que o nosso coração possa estar aquecido com o nascimento de Jesus, que a sua simplicidade toque em nós.

Que o nosso coração possa estar aquecido com o nascimento de Jesus, que a sua simplicidade toque em nós.

Os pastores foram glorificando e louvando a Deus, pois aguardavam a vinda do Messias durante gerações.
O Campo dos Pastores fica na cidade de Beit Shahour.
Neste local foi construído um Santuário “Gloria in Excelsis”, no ano de 1953 por Antonio Barluzzi e hoje os peregrinos se reúnem para celebrar a véspera do Natal.
Encontramos várias grutas, onde eram guardados os rebanhos que aqueciam os pastores.
Aquele que existia antes de nossos antepassados nasceu, e é filho do Altíssimo.
O menino Deus foi adorado numa manjedoura, na simplicidade de um estábulo.
O Rei Herodes recebeu a manifestação de Deus, mas estava com outra intenção (MT 2,4).
Uma pergunta, em que situação colocamos o nosso coração, na simplicidade do lar de Nazaré ou no fausto Palácio de Herodes?
Que o nosso coração possa estar aquecido com o nascimento de Jesus, que a sua simplicidade toque em nós.