755219Também o Arcebispo de Tegucigalpa, Honduras, Cardeal Oscar Andrés Rodríguez Maradiaga, deplorou as ameaças do Presidente Hugo Chávez contra os bispos da Venezuela e advertiu que nesse país sul-americano “poderia desatar uma perseguição religiosa” (acidigal.com – 23 nov 07).
Disse o cardeal hondurenho em Roma, ao “Rome Reports”: “Quando se ameaça assim à Igreja se trata de uma perseguição. Não seria estranho que se iniciasse uma perseguição religiosa sob qualquer pretexto porque os totalitarismos assim começam”. Os bispos venezuelanos expressaram sua preocupação pelo projeto de reforma constitucional que imporia o socialismo em seu país e o qualificaram que “moralmente inaceitável” porque recortaria os direitos dos venezuelanos.

Através de um relatório da Conferência Episcopal da Venezuela, os bispos denunciaram que a proposta constitucional “limita a liberdade dos venezuelanos, incrementa excessivamente o poder do Estado, elimina a descentralização, e o governo controla muitíssimos espaços da vida cidadã”.

O Presidente Hugo Chávez reagiu furioso, e num linguajar chulo e destemperado declarou  que “se Cristo estivesse vivo aqui, tiraria os bispos a chicotadas. Novos Judas, converteram-se em Judas Iscariotes”.

Para o Cardeal Arcebispo hondurenho, esta situação revela que “na Venezuela há pessoas que perderam seu equilíbrio mental”. E pediu aos bispos da Venezuela para manter a unidade e não render-se ante as provocações de Chávez. “Devem procurar a coesão, o diálogo e o respeito sem permitir que o regime os corrompa usando a técnica de sempre o suborno ou a chantagem”.

O Cardeal de Honduras também expressou sua preocupação pela aliança de Hugo Chávez com o presidente do Irã Ahmed Ahmadinejad. “Há algo suspeito é tipo de aliança, porque são (Irã e Venezuela) duas culturas muito diferentes. Provavelmente o que os une é seu ódio comum por outros países ou um país particular. Isso significa que não procuram a paz”.

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, insultou e ameaçou na sexta-feira (16 nov 07) à noite enviar para a prisão os principais religiosos do país, caso se envolvam em ações que desestabilizem seu governo, em mais uma polêmica de seu governo. Ameaçou o Padre Luiz Ugalde, reitor da Universidade católica e o Cardeal de Caracas:”Reitor Luis Ugalde, uma vez o perdoei, mas se o fizer outra vez vai parar na prisão Yare, com batina e tudo. E você também cardeal”, disse Chávez, a respeito de declarações do reitor da Universidade Católica Andrés Bello e do cardeal Jorge Urosa Sabino contra a reforma constitucional.

Hugo Cháves chamou de “vagabundos”, “meliantes”, “aduladores”, “estúpidos” e “retardados mentais”, entre outras coisas, a hierarquia da Igreja, que criticou em um documento público a proposta de mudança da Constituição, que será submetida a um referendo no dia 2 de dezembro. “São o demônio, defensores dos mais podres interesses, são uns verdadeiros vagabundos, do cardeal para baixo”, disse Chávez em um polêmico programa noturno da televisão estatal. Na verdade, Hugo Cháves deixou aparecer de vez as garras do lobo comunista e marxista, que deseja impor à Venezuela um regime ditatorial, totalitário e socialista nos moldes de Cuba, “a Ilha Prisão”, retirando do povo toda a liberdade de expressão e reduzindo a vida política a um Partido Único (o seu!), como em todos os paises comunistas.

A Igreja, que conhece as barbaridades dos antigos regimes comunistas (URSS, China, Cuba, Cambodja, Viet-Nam, Coréia do Norte, etc.) com mais de 100 milhões de vitimas (Stéphane Courtois), não pode se calar diante das barbaridades de Hugo Cháves. Pior ainda quando ele usa os petro-dólares venezuelanos para fomentar o marxismo em outros paises da América Latina.

A Bolívia já sente o efeito “Caracas” e o povo se degladia nas ruas; irmãos matando irmãos. É um crime um governo dividir o povo e jogar uns contra os outros para impor um regime ideológico fracassado e cruel.

Que Nossa Senhora de Guadalupe; padroeira e protetora das Américas nos socorra!

Prof. Felipe Aquino

3 Comentários

  1. Francivaldo

    Religiosos tem que ser responsáveis nas atitudes como qualquer outro cidadão. Estive na Venezuela e alguns Religiosos, que defende os exploradores, contra um governo legitimamente eleito. Que propõe grandes mudanças. Como podem falar que o Hugo e ditador, se no seu goveno teve 3 plebicisto. Ditador é Alkimin, ACM(que o diabo otenha) FHC e o Felipe Aquino.

    Francivaldo

  2. O que é mais triste é que nosso presidente defende esta pessoa, e o que é mais triste, em uma defesa de nosso presidente (Lula) ao dizer que o Hugo Chavez tem o direito de mudar a constituição para se perpetuar no poder pois houve governos como na Inglaterra, Espanha e Alemanha em que os governantes ficaram vários anos no poder, Lula demonstrou sua enorme ignorância, pois estes paises predomina os parlamentarismo, e no parlamentarismo o 1º ministro pode ficar vários anos no poder desde que se faça um bom trabalho, caso contrário ele pode perder o cargos e convocar novas eleições para o parlamento, portanto um 1º ministro pode ficar vários anos como nos paises citado como podem ficar até pouco mais de um ano como acontecei diversas vezes com a Itália que desde o final da 2º guerra mundial houve diversos 1º ministros que ocuparam o cargo de chefe de governo daquele pais, portanto se o Hugo Chavez tivesse um pouco de inteligência e quisesse se perpetuar no governo do pais ou ter um tempo de governo mais longo poderia mudar o sistema de governo da Venezuela de presidencialismo para parlamentarismo, mas como ditadores tem pouca inteligência e seus comparsas e mui amigos também, esta idéia não passou pelas suas cabeças, não adianta, socialistas, comunistas, marxistas só querem poder para submeter os povos aos seus comandos, podem até chegar de maneira democrática ao poder, mas chegado lá vão fazer de tudo para ficar por lá por muito tempo.

  3. Li no site Portal Anjo que um convento de irmãs foi invadido pela policia de Chaves e as pobres irmãs foram insultadas com palavrões e odio no olhar. Essas irmãs temem pela situação da Igreja na Venezuela. Uma Igreja foi profanada o Cardeal Insultado. È preoculpante porque na historia da humanidade não é a primeira vez que isto acontece. Veja o que aconteceu em Cuba , Espanha e outros paises atormentados pelo Comunismo e eles perseguem a Igreja sempre, que é o alvo principal. Começam com insultos, agressoes,até chegar no assassinato de inocentes. Que o Senhor tenha piedade da Venezuela e do Brasil…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *