7 DICAS PARA VOCÊ NÃO TER DORES NO PESCOÇO!

 

1-Não fique na mesma posição por muito tempo.

É difícil reverter a má postura, mas se você se levantar e mover-se com bastante freqüência , poderá evitar que seu pescoço fique em uma posição não saudável.

2-Fazer alguns ajustes ergonômicos.

Posicione o monitor do computador ao nível dos seus olhos para que você possa vê-lo facilmente.

Use a função “vivavoz” do seu telefone ou um fone de ouvido.

Ao usar um tablet, coloque-o em uma almofada para que ele fique em um ângulo de 45 graus, a fim de que você não precise mexer o pescoço para vê-lo.Nunca o deixe no seu colo!

3- Se você usa óculos, visite regularmente o seu oftalmologista.

Quando a prescrição de óculos não é atualizada, tende-se a inclinar a cabeça para trás para ver melhor, situação que pode ocasionar dores no pescoço.

4-Não use muitos travesseiros.

Dormir com vários travesseiros sob sua cabeça pode prender o pescoço evitando seu movimento durante o sono.

5-Conheça os seus limites.

Por exemplo, antes de mover um grande armário de um lado para outro considere o que isso pode fazer para o seu pescoço e costas.

Tenha uma boa noite de sono.
Problemas de sono aumentam o risco de várias condições diferentes, incluindo a dor músculo-esquelética.

Faça exercícios para os músculos do pescoço
Deite-se com a cabeça fora da cama, de modo que ela fique solta e vagarosamente movimente a sua cabeça de um lado para o outro de 10 a 20 vezes. Se sentir tonturas, pare imediatamente, mas se não faça isso diariamente. Os músculos do seu pescoço irão agradecer

Cinco vantagens de uma caminhada diária

 

 

  1. Neutraliza os efeitos de genes responsáveis pelo aumento de  peso.

 

Pesquisadores de Harvard estudaram  32 genes que promovem a obesidade em mais de 12.000 pessoas para determinar o quanto esses genes realmente contribuiriam  para o peso corporal. Descobriram que, entre os participantes do estudo que caminharam rapidamente por cerca de uma hora por dia, os efeitos desses genes foram reduzidos  pela metade.

 

  1. Reduz ansiedade por docês e chocolates

 

Estudos da Universidade de Exeter descobriram que, uma caminhada de 15 minutos por dia, pode eliminar os desejos de chocolate e até mesmo reduzir a quantidade de chocolate que você come em situações estressantes. Além disso, estudos recentes confirmaram  que a caminhada pode reduzir a ansiedade de ingestão de uma variedade de lanches açucarados.

 

  1. 3. Reduz o risco de desenvolver câncer da mama.

 

Já é de conhecimento científico que  qualquer tipo de atividade física atenua o risco de câncer de mama. Um estudo recente, da  American Cancer Society, revelou  que as mulheres que caminharam sete ou mais horas por semana tiveram um risco 14% menor de câncer de mama do que aquelas  que caminharam três horas ou menos por semana.

 

 

 

  1. Protege as articulações

 

Vários estudos descobriram que a caminhada reduz a dor relacionada com a artrite, e que a caminhada de 8 a 10 quilômetros  por semana pode até mesmo prevenir a artrite. A caminhada protege as articulações – especialmente os joelhos e quadris, que são mais suscetíveis a osteoartrite – por lubrificação das mesmas e fortalecimento dos músculos que as suportam.

 

 

  1. 5.  Protege contra gripes e resfriados

 

Andar a pé pode ajudar a protegê-lo durante a temporada de gripes e resfriados. Um estudo de mais de 1.000 homens e mulheres descobriu que aqueles que caminharam pelo menos 20 minutos por dia, pelo menos 5 dias por semana, tinham 43% menos dias de doença do que aqueles que se exercitavam uma vez por semana ou menos. No caso de ficarem doentes, a duração da gripe foi menor nas pessoas que caminhavam regularmente.