Arquivo

Arquivo de abril, 2012

As mulheres da Paixão de Cristo

7, abril, 2012 1 comentário

O caminho da Paixão do Senhor deixou marcas no coração de várias mulheres.

Quero começar lembrando aquela mulher que entrou na casa de Simão o leproso. Estando Jesus a mesa, ela leva um vaso de alabastro e derrama na cabeça e nos pés de Jesus, ungindo-o com perfume. E fico pensando no despojamento daquela mulher que sabendo que Jesus estava ali, sem respeito humano com um gesto de profunda humildade unge Jesus com o melhor perfume da época. Este exemplo é para nos ensinar a sermos mulheres humildes e desprendidas, que dê o melhor do que tem e de si a Jesus, sem medo e sem reservas.

Oremos: Senhor ensina-se a ser humilde, a te buscar e dá a ti o meu melhor, aquilo que tenho de melhor no meu coração na minha vida eu entregue a ti Senhor, para que tu possas realizar a transformação que eu preciso meu Senhor e meu Deus. Amém

maria e madalena

E neste mesmo capítulo quatorze do Evangelho de Marcos, relata a orientação de Jesus que envia os seus discípulos a uma casa onde Jesus vai passar a festa do pão ázimo. Os discípulos vão e encontra a casa como Jesus falou, e lá preparam as coisas para a ceia. Fico pensando nas tarefas que são próprias das mulheres e que o evangelho não cita e nem precisaria citar. Pois eram as mulheres que limparam a sala, arrumaram a mesa, colocaram os pratos, copos, levaram a jarra de vinho e fizeram o pão ázimo. As mãos que amassaram a farinha colocou o pão no fogo para assar e levou a mesa. As mulheres do altar que preparam tudo para que o Senhor venha a nós e se dê como alimento. Não podemos deixar de cuidar dos pequenos detalhes que fazem parte de nossa vida e que é essencial. Naquela ceia o simples pão, feito pela mão de uma mulher que ninguém nem sabe o nome, foi transubstanciado em Corpo de Jesus. As mãos daquela mulher ou daquelas mulheres fizeram aquele pão e aquele pão tornou-se alimento que nos sustenta para a vida eterna.

Oremos: Senhor dai-me a graça de ser discreta, que realize as coisas com simplicidade, que eu saiba cuidar dos pequenos detalhes. Que eu saiba viver no anonimato, que eu seja uma mulher do Altar. Do Altar de Deus onde Jesus se dá no Pão e no Vinho em seu Corpo e Sangue.

O encontro dos encontros, Jesus encontra-se com sua Mãe que sentido o coração traspassado pela lança ao ver seu Filho Deus redimindo a humanidade carregando a sal cruz em meio a chicotadas, gritos, blasfêmia, e algazarras sofre ainda mais por ver seu coração de mãe doido pelos pobres filhos que são cada um de nós pecadores. Tudo isso porque Jesus partilha a sua dor com sua mãe que guarda tudo no coração.

Oremos: Senhor misericórdia, tende piedade de nós pecadores que não sabemos compartilhar, que reclamamos de tudo e de todos. Ensina-nos, hó mãe a ser silenciosa como tu, com o coração centrado unicamente no Senhor.

Naquele caminho doloroso sem medo dos soldados uma mulher chega perto de Jesus e enxuga seu rosto. Rosto desfigurado, marcado pelo sofrimento e pela dor, era uma ferida só o rosto do Salvador. O significado do nome “Verônica” é “sua marca no mundo”, ai entendemos o porquê que aquela mulher rompeu como o medo, consigo mesma e toca com um pano o rosto de Jesus, e ali fica a marca do Rosto que salvou o mundo.

Jesus encontra as mulheres que chora

Oremos: Senhor dai-me a graça para que eu rompa com o pecado, e que eu possa ser expressão de tua face no mundo. Por isso vem curar o me semblante marcado pelo sofrimento, pela angustia, pela dor e que precisa do teu toque, cura o meu semblante Senhor e que o meu semblante possa está configurado com o Teu.

encontro de maria e jesus

Levando a sua cruz a caminho do calvário, Jesus encontra-se com mulheres que choram ao ver o seu suplício. E Jesus que é consolo, as conforta com o olhar de dor e diz: “não chores por mim, chorai antes por vós e vossos filhos.”

Oremos: Senhor ensinai-me a ter um coração humilde e compassivo, que eu possa Senhor reconhecer os meus pecados e os horrores do mal que pratico. Que eu chore os meus pecados e tenho um sincero arrependimento e busque ir ao teu encontro todos os dias de minha vida.

pietá