Direcionamento 55 – A oração e a renúncia são as chaves para o novo derramamento espiritual.

O coração dos que clamam por Avivamento pulsa ofertando cada batida por ele. A mente, mesmo descansando, está pensando no Espírito Santo; às vezes, basta ouvir alguém citar o seu nome para alegrar o seu dia, mesmo que tenha vivido uma recente tristeza e grande combate.
A obra do Espírito Santo em nós, a oração abre-nos, por Cristo e em Cristo, à contemplação do rosto do Pai. (São João Paulo II – Novo Millennio Ineunte)

O Avivamento é obra do Espírito Santo em nós, obra livre de impedimento. O centro é a vontade do Cristo que soprou sobre nós e disse: “Recebei o Espírito Santo” (Jo 20, 22).
Antes mesmo dos Apóstolos receberem aquele profético sopro na sala do Cenáculo, eles puderam contemplar o rosto resplandecente e luminoso do Ressuscitado.

O Avivamento faz com que, antes de você proferir qualquer palavra, quem olhar para o seu rosto identifique nele o mesmo brilho do Ressuscitado. É isso que tem acontecido em seus dias?
O profeta João Batista, que foi chamado pelo Senhor de “o maior entre todos os profetas”, em sua trajetória, preparando a chagada daquele que batizaria com o fogo e com o Espírito, foi abundantemente usado em palavras. Contudo, o que mais marcou seu ministério não foram as palavras firmes e até duras aos ouvidos que o escutavam, mas o gesto profético de apontar com convicção irreversível: “Eis o Cordeiro de Deus, aquele que tira o pecado do mundo” (Jo 1, 29). Esse gesto foi a sua maior pregação!

O período quaresmal de 2005 em Medjugorje foi marcado por uma mensagem muito convidativa da Virgem Rainha da Paz:
Queridos filhos, neste tempo de graças quaresmal, convido-os a abrirem seus corações aos dons que Deus deseja lhes dar; não se fechem, mas, com a oração e a renúncia, digam “sim” a Deus e Ele lhes dará em abundância, Assim como, na primavera, a terra se abre à semente e produz cem por um, também o seu Pai Celestial lhes dará em abundância. (25/02/2005).

Por mais que essa mensagem tenha sido entregue há mais de uma década, ele se torna imensamente atual – é para hoje, é para nós. Façamos uso de todos os recursos espirituais para umedecermos a terra de nosso corações e recebermos a semente do Espírito. A oração e a renúncia são as chaves para o novo derramamento espiritual.
Hoje, tomado dessa proposta, volte a fazer jejum, por tudo que cerca o desejo do Espírito em conceder o Avivamento.
Vamos jejuar pelos que não jejuam, orar pelos que não oram, renunciar pelos que não renunciam, É tempo de se levantar uma geração que esteja disposta a colaborar entusiasmadamente com o Espírito.

Lectio Divina: Efésios 2, 11-22

Por isso, vós que antes éreis pagãos de corpo, chamados incircuncisos por aqueles que se chamavam circuncidados de corpo, recordai que naquele tempo vivíeis sem Messias, excluídos da cidadania de Israel, alheios à aliança e suas promessas, sem esperança e sem Deus no mundo. Agora, graças a Cristo Jesus e em virtude do seu sangue, vós, que antes estáveis longe, agora estais perto.

Ele é a nossa paz, Ele que de dois fez um, derrubando com seu corpo o muro divisório, a hostilidade, anulando a lei com seus preceitos e cláusulas, criando assim, em sua pessoa, de duas uma só e nova humanidade, fazendo as pazes.
Por meio da cruz, matando em sua pessoa a hostilidade, reconciliou os dois com Deus, tornando-os um só corpo. Veio e anunciou a paz a vós, os que estão longe, a paz aos que estão perto.

Ambos com o mesmo Espírito e por meio dele, temos acesso ao Pai. De modo que já não sois estrangeiros sem adventícios, mas concidadãos dos consagrados e da família de Deus; edificados sobre o alicerce dos Apóstolos e profetas, com Cristo Jesus como pedra angular. Por Ele todo edifício bem coeso cresce até ser templo consagrado ao Senhor, por Ele vós entrais com os outros, na construção, para serdes morada espiritual de Deus.

Veja também:

Devocionário Profecia do Avivamento

Follow @avivamentocn

 

 

Share and Enjoy:
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *