Aos pés de Jesus, Maria Madalena vê aqueles que a incriminavam soltando suas pedras. E aquela mulher belíssima, suja pela terra e pelo pecado é redimida, erguida pelo Redentor e inicia uma vida nova. Esta cena do Evangelho vivida por Monica Bellucci no filme A Paixão de Cristo, tomou meu coração na Sexta-Feira Santa. A partir daí, ela me acompanhou na meditação do mistério da paixão, morte e ressurreição de Jesus.


Aquela que muito “amou”, amou a Cristo até o fim, até aos pés da cruz ela seguiu fiel e firme junto com Maria, mãe de Jesus e João. Depois de tanta dor, imagino seu coração apertado, entristecido…

Depois de tanta dor ela acorda ( talvez nem tenha dormido) e vai para a porta do sepulcro chorar. Como mulher é curiosa, e aqui assumo, somos mesmo, em meio ao choro ela dá uma espiadinha lá dentro; encontra dois anjos e logo depois o próprio Cristo que depois do martírio da cruz pergunta à Madalena ‘porque choras?’ , depois de uma pergunta dessas eu também deduziria que fosse o jardineiro rsrsr. Quando Ele a chama pelo nome ela cai em si, só Ele a chamava assim, e como é doce nosso nome na boca do Mestre.

“Então Maria Madalena foi anunciar aos discípulos: ‘Eu vi o Senhor!”

Que nesta Páscoa nós também, ouvindo a voz do Cristo que nos chama pelo nome, anunciemos: Eu vi o Senhor!

Feliz Páscoa