Milhares de peregrinos passaram por aqui no último fim de semana para celebrar as vitórias alcançadas em 2011 e retomar a fé e a esperança para 2012.

Durante esses 3 dias fui me recordando das vitórias de Deus em minha vida nesse ano. É incrível a tendência que temos de esquecer as vitórias e recordar as derrotas. E assim o encardido vai minando nossa esperança, alegria…ao longo do ano.

Esse Hosana teve importância vital pra mim, poque me fez lembrar de vitórias que estavam esquecidas e recobrar a esperança diante dos objetivos que preciso alcançar.

Estar com você, te encontrar aqui na Canção Nova é a melhor parte. Já vamos deixar o encontro marcado para o Acampamento de Ano Novo. Vem virar o Ano aqui na Canção Nova!

Comparo cada música que componho como um filho, em escala diferente é claro. Você se dedica, dá o que tem de melhor, deposita amor, investe a vida, mas não tem a imagem adulta dele, só o tempo a revelará.
Esses dias num show do Amor e Adoração em Avaré/SP, depois de 1h30 de um repertório bem agitado, dançando, pulando e louvando com um ginásio cheio de jovens e adolescentes, ouvimos eles pedindo a música Morada Santa que está no nosso segundo cd. Ao cantá-la como a última música daquela tarde tão agitada, vi o Espírito Santo agir no coração daqueles jovens e no meu de uma forma totalmente nova, o Espírito Santo me surpreendeu através da música que eu minitrava com meus irmãos. Nas lágrimas que brotavam dos olhos daqueles jovens e dos meus o Espírito Santo me mostrou que quando nos colocamos em suas mãos, seja pra compôr uma música ou nas tarefas simples do dia a dia,  Ele nos leva sempre além…até a Vontade de Deus.

Me lembrei do dia em que nos reunimos pra compôr essa música. A proposta era fazer uma música sobre Espírito Santo que está dentro de nós. Não pra clamar “Vem Espírito de Deus”, não que isso seja ruim, mas pra que o Espírito Santo que está dentro de mim desde o meu batismo, conduza minha vida e frutifique para o mundo.

Hoje ela é a minha música preferida do nosso cd e cada vez que a cantamos o Espírito Santo continua me surpreendendo.

“Farol a me guiar na imensidão do mar do meu viver.”