«

»

out
21

O papo é sobre cultura

O que vem na sua cabeça quando a palavra é cultura? O que te lembra? Você conhece sua cultura?

É através da cultura que povos e civilizações expressam aquilo que são, naquilo que acreditam, suas ideias, seus valores, crenças e as tradições que marcaram a sua história, e que demonstram isso de diferentes maneiras, através das artes, em apresentações artísticas, através da culinária, através de roupas, enfim, de diversas maneiras expressam a sua cultura. Interessante que a palavra “cultura” vindo do latim significa “cultivar”, portanto é o cultivo destas riquezas próprias de uma determinada civilização. Basta nós olharmos para o nosso próprio país, em suas diferentes regiões que logo perceberemos a diferença cultural, e as particularidades de cada lugar. Você conhece a sua cultura?

Mas você sabia que existe a cultura cristã? Isso mesmo, diversas culturas são marcadas pelo Cristianismo, isto é, trazem valores próprios os quais Cristo anunciou, defendeu, como a caridade, a bondade, a solidariedade, a dignidade da pessoa, e nós como cristãos precisamos cultivar estes valores na cultura a qual nos encontramos, da qual fazemos parte, e é importante lembrar, que nada pode estar acima de Cristo, por isso fiquemos atentos para aquilo que chamamos de valores anticristãos, isto é, que vão contra aquilo que Cristo anunciou, propagou, ensinou, pois tudo aquilo que Ele disse é a verdade sobre nós e sobre todas as coisas.

Uma bandeira que o nosso querido Papa Francisco tem levantado é a “cultura do encontro”, isto é, cultivarmos o encontro, irmos ao encontro das pessoas, especialmente daquelas que mais necessitam da nossa atenção, do nosso cuidado, aqueles mais esquecidos e desvalorizados, cultivando tal atitude perceberemos o quanto vamos mudar as realidades. E aí vamos nessa? Conhecer a nossa cultura que diz de nós, respeitar as diferenças, sem nos esquecermos que a cultura cristã precisa estar presente em nossa vida devendo ser cultivada, e junto com nosso Papa levantarmos esta bandeira da “cultura do encontro”.

Valeu galera, #semprejuntos

Tiago – BDH

2 comentários

  1. Refaela de Jesus Araujo Nascimento disse:

    q bom eu nunca parei para olhar bem a cultura paraense sempre fiquei mais ligada na religiosa mesmo e tambem e bom a gente olhar para a nossa cultura e a cultura religiosa q sempre marca
    bjs
    tchau :) :) :) :)
    #ebemdahoraserdedeus:)**

  2. Luana Aparecida de sousa disse:

    é bom saber que a cultura que a tradição que marca a nossa história demostram isso, diferente dos outros países.

Comentários foram desabilitados.