Com todo o nosso coração e nossa alma, elevemos ao Senhor o nossa oração!

Alma de Cristo

Alma de Cristo, santificai-me!
Corpo de Cristo, salvai-me!
Sangue de Cristo, inebriai-me!
Água do lado de Cristo, purificai-me!
Paixão de Cristo, confortai-me!
O’ bom Jesus, ouvi-me!
Dentro de vossas chagas, escondei-me!
Não permitais que eu me separe de vós!
Do inimigo maligno defendei-me!
Na hora da minha morte, chamai-me!
E mandai-me ir para vós
Para que com vossos santos, vos louve
Por todos os séculos dos séculos.

Amém

Dá-nos, Espírito Santo, uma coração adorador como o de Maria, hoje e sempre.

Fátima

“Quem não deseja agradar aos homens e não teme desagradar-lhes gozará de grande paz. O amor desordenado e o vão temor suscitam inquietação do coração e dispersão dos sentidos.”

(Imitação de Cristo)

“Ó Senhor, és minha defesa, és a minha glória” (Sl 3,4)

Quando temos a coragem de viver e fazer a vontade de Deus, podemos dizer, sem medo, que o Senhor nos sustenta e protege.

Nem sempre a vontade de Dele se manifesta como gostaríamos ou imaginamos, mas o segredo está em acolhê-la e render-se a ela de coração.

O caminho certo para a santidade é fazer a vontade de Deus a cada momento da nossa vida. Essa é a via mais segura para que consigamos lutar e alcançá-la.

Peçamos hoje ao Senhor, insistentemente, que Ele corte de moda radical tudo o que não for da vontade de vontade de Dele em nossas vidas.

Rezemos: Senhor, dá-nos a graça de estarmos inteiros na tua vontade no dia de hoje e que nada e ninguém nos tire da tua presença.

Jesus, eu confio em vós!

“Mostra-me os prodígios do teu amor; tu que salvas dos inimigos”(SL17,7)

Não podemos parar nos nossos limites humanos. Precisamos avançar, dia após dia, com coragem e determinação É claro que sozinhos não conseguiremos nada, apoiados na Misericórida Divina, somos capazes de caminhar a passos largos e desbravar novos horizontes, porque ela nos traz a força da vida que vem de Deus e nos sustenta.

É tempo de começar tudo de novo. O que não deu certo ontem, hoje pode dar, basta que tenhamos fé em Deus e confiemos na sua bondade.

Rezemos: Eu te invoco, meu Deus, dá-me resposta; dá-me ouvidos, escuta a minha voz. Derrama sobre nós a sua misericória, Senhor, e nos impulsione para os seus caminhos. Livra-nos dos inimigos, enfrenta-os por nós, abate-os.

Jesus eu confio em vós!

fonte: LV Comece bem o seu dia – Luzia Santiago

A curiosidade me levou a pesquisar mais do que o significado em alguns dicionários, mas a origem das palavras: criar e educar.
Encontrei alguns:

“criar” vem do Latim CREARE, “produzir, criar”, relacionado com CRESCERE, “crescer”.
educar” vem do latim educare,  instruir, cultivar, formar… ,por sua vez “educação” esta  ligado a “educere“, verbo composto do prefixo “ex” (fora) + “ducere” (conduzir, levar), e significa literalmente ‘conduzir para fora’, ou seja, preparar o indivíduo para o mundo.
Estas definições me levaram refletir, que a nós pais  é confiado uma missão muito especial e particular. A missão de educar, cultivar, formar, trazer para fora, trazer à luz , “aquele” e “aquela”  que Deus criou a Sua imagem e semelhança. Esses que chamos de filho e filha, pequenas sementes de um homem e uma mulher de Deus que precisam do nosso amor incondicional e responsável.
Deus que conhece tudo de nós, sabe que há em nós  o pai e a mãe que ele pensou para seus filhos.
Diante desta linda realidade, não estamos sós. Graças a Jesus, somos filhos de um Deus que é Pai e Criador, temos também Maria, por Ele nossa Mãe e Formadora.
Portanto se faz necessário que em todo nosso modo de ser pai e mãe, possamos dizer ao Senhor,  junto com nosso filhos a uma só voz:
“Fostes vós (Senhor) que plasmastes as entranhas de meu corpo, vós me tecestes no seio de minha mãe.Sede bendito por me haverdes feito de modo tão maravilhoso. Pelas vossas obras tão extraordinárias, conheceis até o fundo a minha alma.” (Sl 138,14-15)