Os artífices do virtual

Homenagem do Dado Moura para todos os profissionais web.

Os artífices do virtual

Muita gente, assim como eu, entende tanto de tecnologia como entende da mecânica de um automóvel. Quando se trata de um automóvel sabemos, muito bem, abastecer, calibrar os pneus e mais nada. Diante do primeiro defeito, estacionamos o carro no acostamento e desejamos ardentemente a presença de um mecânico.

No que se refere a tecnologia na internet, ouvimos falar em usabilidade, acessibilidade, plataforma, CSS, Widgets, entre outros… para muitos, poderia ser comparado a uma sopa de letrinhas. São tantas as inovações que tenho a impressão que a cada segundo surge novas ferramentas que facilitam a navegação na internet, mas não sabemos de onde vêm ou para onde irão…

Com tamanha evolução acontecendo em tão pouco tempo, a inter-relação no mundo cibernético ficou tão interativo quanto à relação que mantemos com o vizinho, ou amigo de escola. A navegação pelos sites, assim como, o seu aspecto visual ficaram mais fáceis e mais agradáveis para o internauta.
A nós, meros usuários, aproveitamos dessas facilidades sem entender a complexidade do que está por trás de uma página de um portal ou até mesmo de um blog como este. Para muitos, de todas as outras teclas de um teclado, as mais usadas seriam <ctrl+c> e <ctrl+v>, isto é, fazer cópias!

Dessa maneira, de que nos serviria tanta tecnologia se não houvesse pessoas dispostas a fazê-las acessíveis para nós, pobres “analfabetos tecnológicos”?
O objetivo deste texto é parabenizar e valorizar os trabalhos de muitos profissionais, que despendendo horas atrás de um monitor, concentrados na programação de uma linguagem “alienígena” e com fones nos ouvidos, fazem seus trabalhos no anonimato, trazendo à luz de pobres mortais, novidades que certamente permanecerão inéditas por pouco tempo até surgir outras nos próximos segundos.

Um abraço a esses profissionais, em especial, aos amigos do Artífice Web.

Dado Moura

www.dadomoura.com

Este conteúdo foi plublicado na(s) categoria(s) reflexões.
↑ topo