sobrinhos

A vida é um dom de Deus para ser vivída a dois, em família, em comunidade. Desde quando o Criador colocou o sopro da vida no homem, logo em seguida lhe encaminhou uma ajuda necessária, para dizer que ter companhia, estar com outra pessoa é uma necessidade existencial de toda pessoa humana.

Tenho experimentado em minha família uma grande dificuldade com minha mãe que é viuva já há 3 anos, e sofre muito por morar sozinha. Primeiro porque escolheu isto visto que não faltaram convites para morar com um dos filhos, que são seis; também porque a ajuda que Deus lhe deu: o marido, no caso meu pai, lhe faz muita falta e não existe substituição, apenas consolo e reconforto espiritual.  Estamos rezando e ela está discernindo sobre a possibilidade de morar comigo, com a minha família. Isto é uma grande vitória, pois acreditamos que ninguém foi criado para morar sozinho. Todos precisamos de estar ligados a outrem, por laços de amizade, pela convivência no lar.

Outra realidade também difícil é quando existe separação de casais, e a solidão impera sobre a vida da pessoa, muitas vezes a empurrando a se jogar em outro relacionamento, que pode até ser pior que o primeiro. A solidão é uma doença que está se alastrando nos nossos dias. Existe aquela solidão interior e escondida, onde a pessoa vive casada mas se sente sozinha. Isto porque o cônjuge não lhe dá atenção, não é presença, não conversa abertamente. É uma grande tristeza esta realidade tão presente nas vidas das famílias hoje.

Minha proposta é que cada um procure fugir da solidão. Quem está casado ou casada procure o ajuste da comunicação com seu conjuge, para que jamais ele ou ela se sinta sózinho. Quem está separada ou separado por esta ou aquela situação, busque refugio nos filhos, invista em estar com eles, não se isole, nem busque freneticamente outra companhia conjugal, para não cair no adultério. Se o problema é solidão busque os pais, tios, primos, construa novos relacionamentos de amizade, ninguém foi feito para ficar sózinho neste mundo. A mesma coisa eu proponho aos viuvos e viúvas. Os solteiros já estão sempre na busca de companhia, o que eles sofrem é aquela solidão de família: buscam nas amizades boas ou más preencherem suas vidas e deixam os pais de lado, e no íntimo acabam se sentindo solitários. Todos precisam do aconchego de família, só aí se esvai a solidão.

E até aqueles que realmente não tem ninguém para compartilhar a vida podem ter Deus a seu lado. Pela Sua Palavra Ele se comunica conosco e pela oração lhe respondemos, e o diálogo entre o céu e a terra se torna possível, para que ninguém possa ficar longe desta dinâmica comunicativa própria dos humanos.

Deus abençoe você, e que você saia da solidão, URGENTE.

Diácono Paulo Lourenço – Canção Nova

Print Friendly

Comments closed.

Network-wide options by YD - Freelance Wordpress Developer