Você sabe a importância de se estudar a História da Igreja? E de que forma podemos fazer este estudo?

A Igreja é o Corpo de Cristo, o Sacramento Universal da Salvação; a Igreja é a nossa Mãe!

Neste vídeo, o Prof. Felipe Aquino explica porquê devemos entender a História da Igreja e apresenta o novo tema de nossa Escola da Fé Online: História da Igreja – Antiga. More »

Deus nos ama profundamente e quer estar em comunhão íntima conosco. Ele tem sede da nossa alma, de morar nela…

Mas Deus não pode habitar um coração que não o deseja e não o procura. O profeta disse que “Deus se deixa encontrar por aqueles que O procuram”. Ele não é um oferecido que se entrega a qualquer um e de qualquer jeito. Tudo que é precioso deve ficar bem guardado, escondido, como Jesus no Sacrário, como a joia no cofre. Precisamos buscá-lo!

Quando abrimos o coração para Ele, Ele abre o Seu para nós. More »

Você já conhece a Escola da Fé Online? Sabe como participar?

Este novo projeto da Editora Cléofas proporciona a você que se aprofunde nos conhecimentos de doutrina e de fé sem precisar sair de sua casa…, em outras palavras, é um verdadeiro curso de teologia para leigos; basta estar conectado à internet por qualquer computador, tablet ou smartphone. More »

Amigos,

comunico que no dia 22 de abril, as  20.40 hs, entrevistarei D. Filippo Santoro, bispo de Petrópolis, na Escola da Fé, Tv Canção Nova; vamos conversar sobre o Ano Sacerdotal, questão da pedofilia, PNDH-3, participação das Comunidades e Novos Movimentos nas dioceses e paróquias, e outros temas. Poderá haver participação pelo email escoladafe@cancaonova.com e pelo tel 12-3186 2600.

No dia 29 de abril entrevistarei o Dr. Ricardo Marques Dip, Desembargador do Tribunall de Justiça do Estado de São Paulo, diretor do Centro de Estudos de Direito Natural do Conselho de Estudos Hispânicos “Felipe II”, é um dos representantes mais caracterizados em nossos dias da tradição clássica do direito natural.

Prof. Felipe Aquino

 

 

Você sabe o que é redução embrionária?

 

Quando se faz a inseminação artificial, vários óvulos de uma mulher são fecundados pelos espermatozóides. Algumas vezes cerca de 8,9,10 óvulos são fecundados e surgem os embriões humanos. Desses, uns quatro ou cinco podem ser implantados na mulher para a gravidez acontecer. Pode acontecer de todos vingarem, ou mesmo nenhum deles vingar, isto é, sobreviver e se desenvolver.

Mas, quando vários vingam, três, quatro, cinco… então, para que não aconteça uma “gravidez de alto risco”, se faz a “redução embrionária”; isto é, são eliminados (abortados), descartados, um ou dois embriões, os fetinhos, indesejáveis, que tenham menos condições de se desenvolverem bem.

O que você pode ver no filme acima é o um filme real de um ultra–som, onde se pode ver nitidamente a eliminação (aborto) de um fetinho de dez semanas (cerca de 4 cm) no interior do útero da mãe, através de uma agulha que lentamente chega ao coraçãozinho do feto e ali lhe aplica um veneno mortal. São três fetos e é feita a eliminação de um. Isto é a “redução embrionária”, usada algumas vezes na inseminação artificial.

Este filme real nos foi cedido pela Dra. Alice Teixeira Ferreira, formada em Medicina pela Escola Paulista de Medicina, doutora em Biologia Molecular e com pós-doutorado na “Research Division of Cleveland Clinic Foundation, Cleveland, Ohio, Estados Unidos em 1972”; e Livre Docente em Biofísica, pela Universidade Federal de São Paulo – EPM em1996.

Penso que o horror que você vai ver dispensa maiores comentários e mostra a gravidade do crime do aborto, especialmente neste caso de se eliminar um feto já em desenvolvimento.

Prof. Felipe Aquino – www.cleofas.com.br