Acho que você já perguntou por que tudo nesta vida é precário. A cada dia é preciso renovar uma série de procedimentos: dormir, tomar banho, alimentar-nos, renovar o desodorante vencido, a roupa suja, etc.. Tudo é precário, nada é duradouro, tudo deve ser repetido. A própria manutenção da vida depende do bater interminável do coração e do respirar contínuo dos pulmões. Todo o organismo repete sem cessar suas operações para a vida se manter. Tudo é transitório; nada eterno. Toda criança se tornará um dia adulta e, depois, idosa. Toda flor que se abre logo estará murcha, Todo dia que nasce logo se esvai… e assim tudo passa, tudo é transitório, Por que será? Qual a razão de nada ser duradouro? Compra-se uma camisa nova, e logo já está surrada; compra-se um carro novo, e logo ele estará bastante rodado e vencido por novos modelos… More »

BRAZIL/D. Hélder Câmara nos deixou alguns versos que nos ajudam a meditar:

“Quando teu navio, ancorado muito tempo no porto, te deixa a impressão enganosa de ser uma casa.

Quando teu navio começar a criar raízes na estagnação do cais, faze-te ao largo.

É preciso salvar a qualquer preço a alma viajora de teu barco e tua alma de peregrino”. More »