«

»

jul
11

Os Prodígios de São Bento de Nursia

No fim do século V, em Nursia, na Itália, vieram ao mundo duas crianças gêmeas, Bento e Escolástica.

Nasceram no Palácio de Anícios, próprio de seus pais, Eutrópio de Abundancia, gente de alta nobreza romana.

Obedecendo às ordens paternas, Bento, jovem ainda, deixa a austera e serena atmosfera de palácio para estudar em Roma. O rapazinho era ajuizado. Não quis saber das vaidades e divertimentos do mundo. Percebendo muitos de seus colegas naquela vida livre de estudante caiam no abismo do pecado, teve receio de perder também a amizade de Deus, a graça recebida no Batismo.

No desejo de agradar ao Senhor, fugiu da cidade de Roma e foi morar numa aldeia chamada Enfide.

Acompanha-o a fiel ama Cirila que lhe queria ternamente. Lá, hospedaram-se próximo à Igreja de são Pedro.

Certo dia, Cirila pede emprestada a vizinhança uma vasilha a fim de peneirar o trigo. O objeto de barro, mal equilibrado sobre a mesa, caiu e quebrou-se.

Aflita, cheia de cuidados, a boa ama chora.

Bento consola-a carinhosamente, junta os cacos e reza ao Pai do céu.

Finda a oração, o piedoso rapaz verifica com surpresa que a vasilha está inteira, nova, luzidia. Corre à sua ama e vai relatar o sucedido.

Milagre! Milagre! Milagre! Exclamou a governanta estupefacta.

Sua fama espalhou-se por toda a parte.

Sentindo-se atraído mais para Deus do que para a fama, procurou um retiro deserto na gruta de Subiaco.

Um monge chamado Romano o descobriu e levou para ele, um pedaço de pão.

Alguns pastores o encontraram na caverna e percebendo que era um homem de Deus. Bento tornou-se conhecido

Os Monges de Vicevaro, homens de maus costumes, pediram a Bento que fosse seu Abade. Bento recusou-se, porém, diante de tanta insistência, aceitou. Como Bento procurasse corrigir os maus costumes dos Monges de Vicevaro, eles planejaram envenená-lo, oferecendo-lhe uma bebida. Ao traçar o sinal da cruz, o cálice estalou e fez-se em pedaços.

Ao ver que o quiseram envenenar, levantou-se, rosto pálido, mente tranqüila, convocou os irmãos e orou por eles. Assim, voltou ao seu refúgio de solidão, o Subiaco, sob o olhar do contemplador divino.

Crescendo em santidade e milagres, Bento foi reunindo muitas pessoas no lugar, para o serviço de Deus Todo – Poderoso. Assim, pode construir doze Mosteiros para que nele Deus fosse glorificado.

Os nobres começaram a trazer-lhes seus filhos para que os formasse para Deus. Equicio trouxe-lhe Mauro. Tetule trou-xe-lhe Plácido ainda menino.

Em três Mosteiros faltou água. Por sua oração, Deus faz brotar água do rochedo.

Bento construiu um Mosteiro em Monte Cassino.

São Bento e Santa Escolástica são irmãos pela graça e pelo sangue. Encontravam-se uma vez por ano e falavam sobre as coisas do céu.

Na última visita, Santa Escolástica insiste para que se demorem mais louvando a Deus. Pela oração de Santa Escolástica, Deus envia uma grande chuva. Três dias depois do encontro com Santa Escolástica Bento vê a alma de sua irmã penetrar no céu.

São Bento escreveu uma regra de vida para os que desejam seguir o seu ideal. A regra é um conjunto de normas de natureza espiritual e jurídica que dão forma e direção à vida religiosa. A vida religiosa que no ambiente beneditino é sinônimo de vida monástica na adoção permanente e estável dos Conselhos evangélicos, pobreza, castidade, obediência e é uma forma de especial de vida cristã. São Bento previu o dia de sua morte. No dia da sua partida fez-se levar ao oratório, apoiando-se nos seus discípulos, ficou de pé, elevou seus braços aos céus e exalou o último suspiro.

São Bento terminou sua carreira no dia 21 de março de 547

Link permanente para este artigo: https://blog.cancaonova.com/padrebruno/2011/07/11/os-prodigios-de-sao-bento-de-nursia/

2 menções

  1. Pe Bruno Canção Nova disse:

    RT @PadreBrunocn: Os Prodígios de São Bento de Nursia # http://t.co/DP9MJF6 SÃO BENTO, Rogai por Nós! Deus abençoe e Todos! RT

  2. maria de lourdes do disse:

    RT @PadreBrunocn: Os Prodígios de São Bento de Nursia # http://t.co/DP9MJF6 SÃO BENTO, Rogai por Nós! Deus abençoe e Todos! RT

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>