Do Coração de Jesus brotam os raios de misericórdia que geram um verdadeiro avivamento.

PALAVRA DE PODER

“Quem crê em mim, do seu interior manarão rios de água viva!” Jo 7,38. Rezar terço bizantino.

LECTIO DIVINA

“Eu, a sabedoria, fiz correr os rios, sou como o curso de água imensa de um rio, como o canal de uma ribeira, e como um aqueduto saindo do paraíso. Eu disse: “Regarei as plantas do meu jardim, darei de beber aos frutos de meu prado”, e eis que meu curso de água tornou=se abundante e meu rio tornou-se um mar”. Eclo 24, 40-43

“…Mas um dos soldados abriu-lhe o lado com uma lança e, imediatamente, saiu sangue e água. (…) Olharão para aquele que transpassaram!” Cf. Jo 19,34.37

INTERCESSOR DO DIA


Dom Bosco

Na Basílica do Sagrado Coração de Jesus em Roma, construída por Dom Bosco, a capela no fundo, à esquerda de quem entra no santuário, encontramos a Imagem do Sagrado Coração. É pequenina, graciosa, muito recolhida e adaptada à oração. Muitas vezes se observam devotos e peregrinos em oração e recolhimento.

Pela grande devoção que tinha Dom Bosco, ele mesmo escreve, depois das revelações de Santa Margarida Alacoque:

Esta devoção foi adaptada por clérigos e leigos com um entusiasmo singular, já que ela correspondia a uma necessidade presente no coração”.

Essa devoção de Dom Bosco é testemunhada, também, pelo P. Barberis (SDB), que escreveu:
“Era admirável a devoção de Dom Bosco ao Sagrado Coração de Jesus. Recomendava-a muito aos seus jovens…”

E demonstrou esse amor e devoção já no fim da sua vida, construindo a Basílica do Sagrado Coração com grandes sacrifícios e humilhações, junto da estação Termini em Roma, em 1887.

Conta-nos a história que, um dia, o Papa Leão XIII reuniu os cardeais e disse-lhes: “Devemos prosseguir os trabalhos da construção da Igreja do Sagrado Coração de Jesus, mas não temos condições financeiras e os recursos estão esgotados. Pergunto aos cardeais se têm alguma idéia a sugerir-me sobre isso, pois não podemos interromper tão grandiosa obra”.
Foi então que o cardeal Alimonda, de Turim, disse: “Santo Padre, tenho uma sugestão: confie essa empresa a Dom Bosco e eu asseguro que ele levará avante esse projeto”.
“Mas Dom Bosco aceitará?” – perguntou o Papa. “Eu tenho certeza disso, pois conheço Dom Bosco e sei que um desejo do Papa será uma ordem para ele”. O Papa não perdeu tempo. Dom Bosco estava em Roma e, imediatamente, o Pontífice o chamou e confiou- lhe seu desejo. Dom Bosco voltou a Turim e reuniu o Capítulo da Congregação Salesiana (evento que convoca a todos da Congregação para, guiados pelo Espírito do Senhor, “conhecer, em determinado momento da história, a vontade de Deus para melhor servir à Igreja” – art. 146). O Capítulo foi contra a aceitação de tal incumbência, pois Dom Bosco estava idoso, doente e com acúmulo de compromissos e dívidas. Mas Dom Bosco fora categórico ao expor o pedido do Papa e mostrou-se desejoso de atendê-lo, pois sabia que não lhe iriam faltar recursos. Fez-se nova votação e todos os capitulares votaram a favor.

Assim, no decorrer do ano de 1880 foi reiniciada a construção da Basílica do Sagrado Coração de Jesus, com muito entusiasmo. Dom Bosco saiu à procura de recursos financeiros, viajando até à França. No dia 14 de junho de 1887, o templo era consagrado na presença de uma multidão de fiéis e muitos cardeais e bispos.

Cultivemos também esse amor ao Sagrado Coração de Jesus.

Digamos sempre: “Sagrado Coração de Jesus, eu confio em Vós”.

MEDITAÇÃO

Portanto, ao contemplar esse Coração pleno de amor e de ternura, somos curados, somos restaurados e afervorados. Trata-se de uma promessa de avivamento espiritual: um grande despertar com frutos abundantes para nós e para todos os que nos rodeiam! Os raios de misericórdia que brotam do Coração Fiel são a expressão visível do Espírito Santo. Esses raios atingem nosso peito, exatamente porque já ofertamos nosso coração ao Senhor Jesus! O Espírito Santo que fecundou o seio da Virgem Maria gerou nela o Coração de Jesus que pulsou pela Primeira Vez. É esse mesmo Espírito que vindo a nós através da chaga do Fiel Coração – fará em nós o Grande Transplante. Plantará em nosso peito o Coração Fiel de Nosso Senhor. Vinde Espírito Santo! Vinde operar em nós! Vinde com seu Poder e Unção! Vinde realizar em mim a Vontade do Altíssimo!

PC 17,n.3

ORAÇÃO

Vinde Espírito Santo! Ajudai-me a aprender do Coração de Jesus, as virtudes e sentimentos que farão de mim: Templo amável de vossa presença. Dá-me a sensibilidade necessária para jamais ofender o Coração de Jesus, e assim caminhar cheio e conduzido pelo teu Espírito.

Amém!

PROMESSA DE JESUS

“As almas tíbias tornar-se-ão fervorosas pela prática dessa devoção”.

“Darei aos sacerdotes que praticarem especialmente essa devoção o poder de tocar os corações mais endurecidos”.


AÇÃO CONCRETA

Hoje faça o esforço de fazer bem feito as coisas mais simples.