Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Esta reflexão visa ajudar você a viver a verdadeira felicidade. A celebração profunda do dom de Deus que marca a história, um tempo, a eternidade, deve ser a graça que rege as nossas vidas. Celebrar o que permanece para sempre, que não passa, escolher a melhor parte.

Como é Deus que faz tudo subisistir, nada pode destruir o que é de Deus. A bondade vem de Deus, ele é a fonte, por isso, marca Senhor Jesus o nosso coração com a tua presença. Com isso, o essencial tem ocasião de nos governar, e isso nos favorece a não ter um coração insatizfeito, insensível e amargo por causa das circunstâncias da vida. A bondade marca, e dá um forte sentido de pertença e amor, só o amor persevera, tudo que não é amor, fica pelo caminho. O que é passageiro nos aniquila, o que permanece para sempre, nos eleva para Deus.

Felizes os olhos que vêem e ouvem. Assumir o mistério da bem aventurança, da eleição divina é uma necessidade para todo aquele que caminha na fé. Sou feliz por aquilo que sou e recebi de Deus? Num coração assim, o veneno da insatizfação não corroí. O discípulo deve ter essa consciência clara e permanente: a felicidade está na Adesão a Cristo Jesus. O que é mais forte dentro do seu coração? Responda essa questão no seu interior, e passe a celebrar e guardar no seu coração o que provém de Deus, ou seja, saboreie o mistério, para que ele te transforme na totalidade.

Com minha benção sacerdotal,

Pe. Eliano Luiz Gonçalves.

Vice Reitor do Seminário Diocesano Nossa Senhora Mãe dos Sacerdotes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *