Ontem estive em Capapava e tive a graça de presidir a missa de Corpus Christi. Milhares de católicos passearam com Jesus Eucarístico pelas ruas e praças. Esta é a festa do pão repartido, do povo unido da coragem de proclamar nossa fé na presença real de Jesus na Eucaristia. Ao mesmo tempo milhões de evangelicos se reuniam na já tradicional MARCHA PARA JESUS. Que bom. Rezar faz bem. Proclamar a palavra e o louvor é santo e sadio. Mas refletindo sobre as duas marchas de ontem um detalhe me chamou a atenção. Enquanto alguns marchavam PARA Jesus, outros marchavam COM Jesus. Por maior que seja a convicção ecumênica, não podemos repetir o discurso relativista que afirma que ser católico ou evangélico é a mesma coisa. Não é! A Igreja católica mantém o cristianismo pleno, do jeito que Jesus nos deixou. Um dos elementos desta plenitude é a fé na presença de Cristo na Eucaristia. Por isso não marchamos apenas para Jesus… MARCHAMOS COM JESUS E ELE CAMINHA CONOSCO… REAL… PRESENTE NO PÃO CONSAGRADO!!!

18 Comentários

  1. Pingback: Pe. Joãozinho, SCJ

  2. Pingback: Jerusa Pordeus

  3. Muito show este artigo…VLW Pe.Joãozinho

  4. Pingback: ieda floss pedrotti

  5. Bela reflexão, padre!

    Abraço!

  6. E acrescento uma coisa a mais Padre Joãozinho, enqto para a Marcha para Jesus muitos Evangélicos precisaram organizar caravanas para se deslocarem até um unico lugar, nós católicos pudemos participar da marcha com Jesus em nossas próprias dioceses, pois o que nos une é a Eucaristia, um sentido de universalidade e unidade da Igreja. O Deus que adoramos é o mesmo em todos os Sacrários, e prefigura a unidade do céu hoje já em nossas celebrações liturgicas pelo mundo afora.

  7. Pingback: Rosimeire

  8. Pingback: Bruno Melo

  9. PARABENS PADRE AMEI SEU RELATO !!! “MARCHAR COM JESUS” CORRETÍSSIMO!! ABRAÇOS SUA BENÇÃO!!

  10. POLIFERNANDEZ

    Noooossa Padre, nada a acrescentar.
    Sábio como sempre!
    Sua benção.

  11. Pingback: MARIA BEZERRA DA TRI

  12. Pingback: Olga Lavôr

  13. Sua benção padre!!! É isso mesmo marchamos com Jesus presença real na eucaristia, coisa esta dada somente a nós catolicos porque habitamos na verdadeira Igreja de Jesus Cristo, na qual as portas do inferno nao prevaleçerao contra ela. ACREDITAR EM JESUS NA HOSTIA SANTA É DOM DE DEUS. NÃO ACREDITAR EM JESUS NA HOSTIA SANTA É DOM DE LUTERO….
    Jesus corpo, alma, divindade na Hostia santa que se consagra no altar pelas mãos dos queridos padres espalhados pelo mundo inteiro.

  14. Pingback: Twitter Trackbacks for Corpus Christi: “Marcha COM Jesus” « Padre Joãozinho, scj [cancaonova.com] on Topsy.com

  15. Pingback: Ecclesis

  16. Pingback: Radio Boa Semente

  17. Pingback: Aline Brasil

  18. Pingback: Jota Junior

  19. Pingback: Carlos Belussi

  20. Obrigada padre por ser voz profética na nossa igreja com ousadia, sem medo de ser atacado …enquanto isso…em Campos dos goytacazes, sede de nossa diocese, o feriado foi retirado!!!

  21. Pingback: VANESSA M. MONTEIRO

  22. Pingback: Olga Silva de Souza

  23. olga amorim

    Bom dia padre.
    Sem dúvida a diferença é muito grande entre ir para ele e estar com ele, eu creio muiiiiito que ele está no meio de nós, mas que isto ele está em mim na eucaristia e tenho que ao menos tentar ser como ele com as pessoas com as quais convivo. Isto aumenta muito a responsabilidade.
    O padre Luiz Fernando falou algo muito marcante ontem na missa, a eucaristia não para nos fazer sentir bem e sim para que façamos o outro se sentir bem com nossa presença. Fique sempre com Deus.

  24. Pingback: Luzia Escongisk :)

  25. Pingback: Carlos Renê

  26. Pingback: Dariva

  27. Pingback: Amanda

  28. Sergio Souza

    Que bom padre que o senhor escreveu isso:

    “[…]Um dos elementos desta plenitude é a fé na presença de Cristo na Eucaristia…”.

    Espero que muito católicos lembrem-se que a EUCARISTIA não está presente nas igrejas ‘evangélicas’ e isso inclui suas: pregações, produtos, jeito, doutrina e MÚSICAS… Portanto, esqueçamos Lázaro, Ana Paula Valadão, Régis Danese…

  29. Olá minha bênção!!
    Como o Sr mesmo gosta de dizer…faço suas minhas palavras.
    Sou feliz por ser Católico… é bom demais!!! experimentamos em nossa vida a presença Real de Jesus Eucarístia,e a cada Santa Missa celebrada,nos encoraja a não desistir de nossas lutas por um mundo melhor, então, com Jesus, por Jesus, e para Jesus,vamos em frente,seguindo seus passos caminhando sempre juntos.
    Quanta verdade em td o Sr fala…é assim que nos sentimos,indo ao encontro de nosso Rei e Senhor,que quer fazer este caminho conosco.
    Bom final de semana padre,
    Deus o abênçoe!!

  30. Pingback: Alice

  31. Pingback: mioco gomes

  32. Simone Teixeira

    Que lindo! Sou feliz por ser Católica…

  33. Ricardo Zaki Francisco

    pe. joaozinho, como sempre sua inteligência e zelo apostólico nos presenteia com uma bela reflexão. estou passando por uma situação delicada e ontem, no dia de Corpus Cristhi, aqui na minha paróquia os padres deixaram o SSmo Sacramento exposto o dia inteiro até a hora da missa solene, às 16h. fui até a igreja fazer adoração e pude experimentar um milagre de Jesus Eucarísico. Graças e louvores se deem ao SSmo e DiSSmo Corpo e Sangue de Cristo, que nos liberta e cura. muitas bêncçãos para o seu sacerdócio e a presença da tão amada Maria, a quem o sr. tanto ama.

  34. a santa euraristia não eh para ser entendido, por isso tantos de fé pqnas nao nos entendem!!a eucaristia eh para ser sentida, vivida!!!Doce Pelicano que nos deu o que tinha de mais precioso para nos alimentar, o seu corpo e seu sangue!!!!
    Deus lhe abençoe!!!

  35. A NATUREZA HUMANA DE MARIA.
    I- PROFECIA DO NASCIMENTO DO MESSIAS LA NO EDEM
    Gn 3:15 … E da semente da mulher nascerá um que te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirá o calcanhar.
    “Semente da mulher” e’ claro e literalmente que a sua descendência seria a de Eva (a primeira mulher);
    • Apenas Jesus foi concebido sem pecado por obra do Espírito Santo.

    II- PROFECIA MESSIANICA DO NASCIMENTO DE JESUS. (ISAIAS)
    Is 7:14 – Portanto o Senhor mesmo vos dará um sinal: eis que uma virgem conceberá, e dará à luz um filho, e será o seu nome Emanuel.
    Is 9:16 Por que um menino nos nasceu, um filho se nos deu; e o principado esta sobre os seus ombros, e o seu nome será MARAVILHOSO, CONSELHEIRO, DEUS FORTE, PAI DA ETERNIDADE E PRINCIPE DA PAZ.

    III – O ANJO DO SENHOR ANUNCAI O NASCIMENTO DE JESUS
    Lc 1:30 Disse-lhe então o anjo: Maria, não temas, por que achaste graça diante de Deus
    Lc 1:31 E eis que em seu ventre conceberas, e darás a luz um filho, e por-lhe-ás o nome de Jesus.
    Lc 1:32 Este será grande e será chamado de Filho do Altíssimo; e o Senhor Deus lhe dara o trono de Davi, seu pai
    Lc 1:33 e reinara eternamente na casa de Jacó, e seu reino não terá fim.
    Lc 1:38 Disse, então, Maria: Eis aqui a serva do Senhor; cumpra-se em mim segundo a tua palavra…
    Maria, ao receber a notícia que seria mãe do Salvador, se pronunciou como necessitada de um Salvador: Disse, então, Maria: A minha alma engrandece ao Senhor, e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador (Lc 1.46-47).
    17
    IV – A GENEALOGIA DE JESUS.
    Mt 1: 17 – De sorte que todas as gerações, desde Abraão até Davi, são catorze gerações; e desde Davi até a deportação para a Babilônia, catorze gerações; e desde a deportação para a Babilônia até Cristo, catorze gerações.
    Mt 1:22 – Tudo isto aconteceu para que se cumprisse o que foi dito da parte do Senhor, pelo profeta, que diz;
    Mt 1: 23 – Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho, E chamá-lo-ão pelo nome de EMANUEL, Que t traduzido é: Deus conosco.

    Vemos conforme o texto acima, que Maria aqui não é da linhagem da casa de Davi e sim JOSÉ: Maria aqui é apenas serva do Senhor.(Lc 1:38);

    V – A FAMILIA DE JESUS:
    Lc 8:19 E foram ter com ele sua mãe e seus irmãos e não podiam aproximar-se dele, por causa da multidão.
    Lc 8:20 E foi lhe dito: estão lá fora tua mãe e teus irmãos, que querem ver-te.
    Mt 13:55 Não e este o filho do carpinteiro? E não se chama a sua mãe Maria, e seus irmãos, Tiago, e Jose, e Simão, e Judas.
    Mt 13:56 E não estão entre nos todas as suas irmãs? …
    Atos 1.14 Quando ela se encontrava em oração com os demais seguidores de Jesus: Todos estes perseveravam unanimemente em oração e súplicas, com as mulheres, e Maria, mãe de Jesus, e com seus irmãos.
    Maria surgiu na história com uma missão específica: trazer o Messias ao mundo, por meio da concepção. Ela figura não mais como um “canal” ou “meio” pelo qual o Filho veio ao mundo. Sua vida pode ser vista como exemplo de fé e devoção, mas não como um objetivo de culto.
    • Nota-se que Maria não permaneceu imaculada (virgem) e teve outros filhos e filhas conforme o texto acima.
    • É um erro pensar que Maria permaneceu virgem por toda a vida, uma vez que o relato de Mateus parece não deixar dúvida.
    • “E José, despertando do sono, fez como o anjo lhe ordenara e recebeu sua mulher, e não a conheceu até que deu à luz seu Filho, o primogênito…” (Mt. 1.24)
    • Essa passagem declara que, depois do nascimento de Jesus, José e Maria tiveram uma vida conjugal normal como qualquer outro casal. Mateus é incisivo em dizer que “José não a conheceu até que…”, uma vez que tanto a palavra “conheceu” como a preposição “até”, possuem um mesmo sentido no texto. Primeiro, sempre que a Bíblia emprega o termo “conheceu”, ele está associado a uma relação sexual. É o que encontramos em Gêneses 4.1. “E conheceu Adão a Eva, sua mulher, e ela concebeu e deu à luz a Caim..”. Segundo, sabemos pelos evangelhos que Maria teve outros filhos além de Jesus.
    • Maria não era “Santa”, mas levou uma vida de santidade.
    • Maria, mãe do corpo físico de Jesus e não “mãe de Deus” como ensina os católicos, viveu a fé que Cristo seu filho deixou e morreu como todos os Cristãos.
    • Veja que Maria nasceu em pecado, viveu em pecado e só pôde ser salva mediante sua fé em Cristo Jesus. Os que rezam para Maria blasfemam contra Deus, fazendo desta serva do Senhor um ser divino.
    • Ao afirmar que ela ouve orações, os católicos romanos concedem-lhe atributos que pertencem exclusivamente a Deus. Ora, Maria não é onipresente, onisciente e onipresente, e, portanto não pode ouvir orações.
    • Não há outro intercessor entre o céu e a terra a não ser Jesus… “creio piamente nisso,mas devemos respeitar a mãe de nosso JESUS,dando a ela o que e de direito, respeito, pois deve ter sido uma grande mulher, para te sido escolhida por DEUS para carregar,cuidar e educar “seu filho”.
    • Após a morte segue-se o juízo, Certamente Maria morreu já que era de natureza humana e deve estar num lugar de gozo (seio de Abraão ou paraíso) aguardando o grande dia do Senhor.
    • A Bíblia desde Genesis a apocalipse nunca fez menção de Maria, diz apenas que da semente da mulher nasceria o Messias…
    • Note que tanto nos evangelhos como nas epistolas ninguém nunca reverenciou ou adorou a Maria, mesmo sabendo que ela era mãe do Filho de Deus;

    Infelizmente, os católicos, com seu preconceito e seu rancor cegaram sua razão e em vez de buscarem a verdade que liberta da mentira religiosa, a qual é facilmente encontrada na Bíblia e em bons livros de história (muitos deles de autores católicos), preferem fechar os olhos. Confiam em seus padres e bispos, os quais, segundo disse o Senhor, referindo-se aos fariseus do Seu tempo, “… são condutores cegos. Ora, se um cego guiar outro cego, ambos cairão na cova” (Mt,15:14).
    Gostaria de comentar o assunto…

  36. PE. JOÃOZINHO, AMEI AS SUAS PREGAÇÕES, NÃO SABIA QUE O SENHOR ERA TÃO CARISMÁTICO, A CANÇAO NOVA PODIA TE CHAMAR SEMPRE PARA FAZER ACAMPAMENTOS DE ORAÇÃO, POIS ESSES ACAMPAMENTOS FAZEM TÃO BEM A ALMA,

  37. Pe. Joãozinho,”participei” com minha esposa do Acampamento do Sagrado Coração, pela internet e amamos as pregações e os momentos de oração, com destaque para as colocações que o Sr. fez sobre as Promessas do Sagrado Coração de Jesus. Parabéns pelo seu Carisma, tanto de cantar como de pregar. Deus te abençoe e continue te dando este amor ao Sacerdócio. Fique com a benção de Nossa Senhora.

  38. Adrianinha

    Padre, fantástica reflexão.
    Abraço.

  39. Sergio Souza

    “Sagrado Coração de Jesus, fazei o nosso coração semelhante ao vosso”.

    Sergio, meu caro irmão, a julgar seu texto percebe-se que quanto mais você se inflama acusando católicos de rancorosos e preconceituosos, mais você demosntra senti-los.

    Quando você estiver mais calmo, sugiro inclusive a colocar outras passagens da Bíblia, digamos “esquecidas” por você, na qual, por exemplo, há escrito na Bíblia (inclusive ‘evangélica’) que MARIA É A MÃE DO SENHOR! Ok?

    Boa marcha para Jesus, porque COM JESUS, nós estaremos orando por você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.