TERCEIRA PROMESSA:

“Eu os consolarei em todas as suas aflições”

As promessas feitas pelo Coração de Jesus à Santa Margarida Maria não representam uma novidade total. Na verdade Jesus já tinha prometido estas coisas, com outras palavras, durante o tempo em que peregrinou entre nós aqui na terra. Está tudo registrado nos Evangelhos. Esta é a “plenitude da revelação”. Mas às vezes uma revelação particular, como estas a Santa Margarida Maria, nos ajudam a entender as promessas de Deus, escondidas nas redobras do manto da Sagrada Escritura, escondidas por detrás das palavras.

A terceira promessa é a que está mais clara e explícita na Palavra de Deus. Vou transcrever o texto todo aqui para que você possa meditar:

Vinde a mim, todos vós que estais cansados sob o peso do fardo,

E eu vos darei descanso.

Tomai sobre vós o meu jugo e sede discípulos meus,

Porque eu sou manso e humilde de coração,

E encontrareis descanso para vossas almas.

Sim, o meu jugo é fácil de carregar e o meu fardo é leve. (Mt 11,28-30)

Quem de nós não tem suas aflições, seus cansaços, desilusões, doenças e problemas. Tudo isso às vezes parece pesado demais. O peso de nossos problemas muitas vezes nos assusta e chegamos a pensar em desistir. Desanimamos porque é pesado demais. Conheço pais desanimados diante do peso de educar seus filhos. Muitos dizem: – antigamente era mais fácil; hoje temos que competir com a televisão, com os “amigos”, com a droga, com os modismos… está pesado demais.

Conheço doentes que carregam o fardo pesado de uma doença incurável como o câncer. Muitos desanimam e até perdem a vontade de viver. Chegam a pedir para morrer. Você conhece muitas outras situações. Se pudéssemos fazer uma lista, encheria esta revista inteira. Vivemos em um mundo de muitas e muitas aflições.

É para todos estes que o Coração de Jesus diz: Venha a mim. Quero ajudar você a carregar a sua cruz. Sim! No calvário Simão Cirineu ajudou Jesus a carregar a cruz. Hoje é Jesus quem nos ajuda a tornar mais leve o peso dos problemas e aflições.

Por que será que preferimos sempre sofrer sozinhos? Diante de um grande sofrimento a gente se cala e não partilha com ninguém. Reze ao Coração de Jesus. Confie em sua promessa. Ele manifestará concretamente a sua presença de amor na sua vida.

Quero lhe contar um fato. Morei três anos em São Paulo. Nos primeiros dias resolvi sair de carro para conhecer a cidade. De repente era final de tarde e eu estava completamente perdido. Fiquei muito aflito e com com medo. Mas lá pelas tantas reconheci uma avenida e consegui voltar para casa. Passou-se algum tempo e eu estava de novo perdido num dos bairros de São Paulo, já era noite, só que agora tinha uma diferença: havia outro irmão sacerdote comigo. Ele era tão analfabeto nas ruas de São Paulo quanto eu. Só que dessa vez não tive medo. Cheguei a uma conclusão. Estar perdido sozinho é muito pior. Se você estiver perdido nas estradas da vida, tenha certeza: não está sozinho. Não fique aflito, o Coração de Jesus está com você. Logo acharão o caminho de volta.

4 Comentários

  1. Pingback: Pe. Joãozinho, SCJ

  2. Pingback: Pe. Joãozinho, SCJ

  3. Pingback: lucianasilva

  4. Pingback: lucianasilva

  5. Pingback: Twitter Trackbacks for Terceira promessa « Padre Joãozinho, scj [cancaonova.com] on Topsy.com

  6. Pingback: Elimar

  7. Pingback: denise moro

  8. Pingback: Associação Jesse

  9. Pingback: mioco gomes

  10. Pingback: Olga Silva de Souza

  11. Pingback: Danielle M Tostes

  12. Marina Dalva

    Bom dia Padre Joãzinho. Foi maravilhoso a sua explicação na Canção Nova hoje de manhã sobre as promessas do coração de Jesus. Me prendi muito na explicação sobre a parte aberta do coração de Jesus. Passei a entender mais sobre o coração Dele e as promessas. Eu sempre fui apaixonada pelo coração de Jesus. Hoje entendi a misericordia do coração aberto. Agradeço muito por esse momento que o Sr. fez junto ao coração Dele cantando e louvando as musicas do Padre Zezinho. Deus abençõe o Sr. e cada vez possa mais acolher as pessoas que sofrem, com as orações do coração de Jesus, Amém.
    Marina Dalva – Nova Friburgo-RJ. Sócia da Canção Nova

  13. Pingback: Amanda

  14. Olá padre!
    Verdade meu amado padre, caminhar juntos,partilhando nossas vidas com o irmão ficamos mais leves,o difícil nestes tempos modernos é encontrar quem tem esse tempo para nos ouvir,se não conhecemos o coração aberto de Jesus aí fica impossivel mesmo, e chegamos a nos perder pela vida a fora.
    Fique com Deus!

  15. Pingback: MariaDenisiaS.Silva

  16. Olá Pe !!
    Amei a tua participação no programa Revolução Jesus .
    Parabéns pela tranquilidade e equilibrio para tratar de assuntos tão sérios e pesados .
    Que benção e que alegria …

  17. Pingback: LAERSON

  18. oi padre,
    sabe acho incrivel como Deus conversa e responde tudo que pergunto para ele.
    Eu e minha mae sempre adoramos ver suas paletras e seus programas…
    Havia muito tempo que nao via um ontem a noite e hoje seguidamente liguei na cação nova e tive a honra de ve-lo………
    a explicação do sagrado coração de Jesus foi belissima…
    mais o que mais ficou martelando na minha cabeça foi sua explicção sobre a musica….quero amar somente a ti….que vc explicou e achou que deveria cantar também a ti……é tão interressante que cantamos as vezes tantas musicas sem nem fazermos sequer uma analise profunda dela….acho que isso foi uma providência divina e não uma coincidência da vida.
    abçs..
    Que DEus continue te iluminando!!!!!!
    Rosemeire Ferreira Campidelli

Deixe uma resposta para Marina Dalva Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.