BRASÍLIA, quarta-feira, 7 de julho de 2010 (ZENIT.org) – A Comissão Episcopal para a Doutrina da Fé, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), passa a disponibilizar na página da internet http://www.cnbb.org.br/ um cadastro de pós-graduados.O organismo pretende com esse serviço oferecer um banco de dados, dinâmico e atualizável, sobre pessoas ligadas à Igreja que tenham pós-graduação em áreas diversas de conhecimento.

Segundo informa o Pe. Wilson Angotti, da Comissão para a Doutrina da Fé, o cadastro possibilitará melhor visibilidade e aproveitamento dos estudos de cada um e, consequentemente, um melhor serviço à Igreja.

“Esse serviço possibilita facilidade em ter acesso a informações sobre as pessoas e suas áreas de conhecimento e também identificar as áreas em que mais faltam pessoas preparadas”, explica.

Na internet: www.cnbb.org.br/posgraduados

A primeira leitura da liturgia de hoje é um poema de ternura. O profeta Oséias costuma retratar o amor e a misericórdia de Deus com linguagem poética e forte. Lendo este texto podemos experimentar novamente o colo do nosso Deus que tem materna paternidade!

Quinta-feira da 14ª semana do Tempo Comum

Livro de Oseias 11,1-4.8-9.
Quando Israel era ainda menino, Eu amei-o, e chamei do Egipto o meu filho.
Mas, quanto mais os chamei, mais eles se afastaram; ofereceram sacrifícios aos ídolos de Baal e queimaram oferendas a estátuas.
Entretanto, Eu ensinava Efraim a andar, trazia-o nos meus braços, mas não reconheceram que era Eu quem cuidava deles.
Segurava-os com laços humanos, com laços de amor, fui para eles como os que levantam uma criancinha contra o seu rosto; inclinei-me para ele para lhe dar de comer.
Como poderia abandonar-te, ó Efraim? Entregar-te, ó Israel? Como poderia Eu abandonar-te, como a Adma, ou tratar-te como Seboim? O meu coração dá voltas dentro de mim, comovem-se as minhas entranhas.
Não desafogarei o furor da minha cólera, não voltarei a destruir Efraim; porque sou Deus e não um homem, sou o Santo no meio de ti, e não me deixo levar pela ira.