Aproxima-se o segundo turno. Agora é Dilma X Serra. Os dois deverão mostrar claramente seu projeto para o Brasil. Serra já sabe que Dilma aprendeu a se expressar. Dilma já sabe que o país quer opinar. Não aceita uma candidata simplesmente porque foi proposta pelo presidente de maior apoio público da história “desse país”. O povo disse nas urnas que admira e ama Luiz Inácio Lula da Silva. Nos próximos 300 anos os alunos terão que estudar este nome nas escolas do país. Ele já entrou para a história. Dilma ainda não. Mas pode entrar como a primeira mulher presidente do Brasil. Mas antes terá que passar pela prova de “segunda época”.

Uma das primeiras questões na “prova do segundo turno” será clarear a visão de cada candidato sobre o aborto. Não é uma questão marginal. A vida está no centro das atenções. Marina relegava estrategicamente a questão a um plebiscito. Já foi. Serra e Dilma têm história nesta questão. Ambos já tiveram inclinação favorável à tese abortista. Digo mais. PT e PSDB terão que se pronunciar. Qual a posição do partido nesta questão? PT é acusado de ter assumido compromissos internacionais em favor da legalização do aborto no Brasil. É verdade? O Ex-ministro José Serra é apontado como um ativo defensor de algumas teses abortistas quando ministro da Saúde. É verdade? Com a palavra, os candidatos e seus partidos! Queremos saber. O aborto não é uma questão marginal, pois a vida vem em primeiro lugar!!!

COMPOSIÇÃO DO SENADO

PMDB- 19
PT- 14
PSDB- 11 (perdeu 5)
DEM- 7 (perdeu 6)
PSB- 4
PDT- 4
PP-4
PR-4

SENADORES ELEITOS

AC
Jorge Viana (PT)
Petecão (PMN)

AL
Benedito de Lira (PP)
Renan (PMDB)

AM
Eduardo Braga (PMDB)
Vanessa Grazziotin (PC do B)

AP
Randolfe (PSOL)
Gilvam Borges (PMDB)

BA
Walter Pinheiro (PT)
Lídice (PSB)

CE
Eunício (PMDB)
Pimentel (PT)

DF
Cristovam Buarque (PDT)
Rollemberg (PSB)

ES
Ricardo Ferraço (PMDB)
Magno Malta (PR)

GO
Demóstenes Torres (DEM)
Lúcia Vânia (PSDB)

MA
Lobão (PMDB)
João Alberto (PMDB)

MG
Aécio Neves (PSDB)
Itamar Franco (PPS)

MS
Delcídio (PT)
Moka (PMDB)

MT
Blairo Maggi (PR)
Pedro Taques (PDT)

PA
Flexa Ribeiro (PSDB)
Marinor Brito (PSOL)

PB
Vitalzinho (PMDB)
Wilson Santiago (PMDB)

PE
Armando Monteiro (PTB)
Humberto Costa (PT)

PI
Wellington Dias (PT)
Ciro Nogueira (PP)

PR
Gleisi (PT)
Requião (PMDB)

RJ
Lindberg (PT)
Marcelo Crivella (PRB)

RN
Garibaldi Alves Filho (PMDB)
José Agripino (DEM)

RO
Valdir Raupp (PMDB)
Fátima Cleide (PT)

RR
Romero Jucá (PMDB)
Angela Portela (PT)

RS
Paim (PT)
Ana Amélia Lemos (PP)

SC
Luiz Henrique da Silveira (PMDB)
Paulo Bauer (PSDB)

SE
Eduardo Amorim (PSC)
Valadares (PSB)

SP
Aloysio Nunes (PSDB)
Marta Suplicy (PT)

TO
João Ribeiro (PR)
Marcelo Miranda (PMDB)