Reze com os avós de Jesus: São Joaquim e Sant´Ana

Por no dia jul 26th, 2010 sobre Devoção aos Santos.


Ana e seu marido Joaquim já estavam com idade avançada e ainda não tinham filhos. O que, para os judeus de sua época, era quase um desgosto e uma vergonha também. Os motivos são óbvios, pois os judeus esperavam a chegada do Messias, como previam as sagradas profecias.

Assim, toda esposa judia esperava que dela nascesse o Salvador e, para tanto, ela tinha que dispor das condições para servir de veículo aos desígnios de Deus, se assim Ele o desejasse. Por isto a esterilidade causava sofrimento e vergonha e é nessa situação constrangedora que vamos encontrar o casal. A tradição diz que Joaquim nasceu em Nazaré, e casou-se com Ana quando ele era jovem. Ele era um rico fazendeiro e possuía um grande rebanho. Como não tivessem filhos durante muitos anos Joaquim era publicamente debochado.

O Pai de Ana teria sido um judeu nômade chamado Akar que trouxe sua mulher para Nazaré com sua filha Ana. Após o casamento de sua filha com Joaquim também ficou triste de não terem sido agraciados com netos.

Mas Ana e Joaquim não desistiram. Rezaram por muito e muito tempo até que, quando já estavam quase perdendo a esperança, Ana engravidou. Não se sabe muito sobre a vida deles, pois passaram a ser citados a partir do século II, mas pelos escritos apócrifos, que não são citados na Bíblia, porque se entende que não foram inspirados por Deus. E eles apenas revelam o nome dos pais da Virgem Maria, que seria a Mãe do Messias.

No Evangelho, Jesus disse: “Dos frutos conhecereis a planta”. Assim, não foram precisos outros elementos para descrever-lhes a santidade, senão pelo exemplo de santidade da filha Maria. Afinal, Deus não escolheria filhos sem princípios ou dignidade para fazer deles o instrumento de Sua ação.

São João Damasceno exorta Joaquim e Ana como modelos de pais e esposos cujo principal dever era educar seus filhos. São Paulo diz que a educação dos filhos pelos pais é sagrada. Maria ao nascer no dia 08 de setembro de um ano desconhecido, não só tirou dos ombros dos pais o peso de uma vida estéril, mas ainda recompensou-os pela fé, ao ser escolhida no futuro para ser a Mãe do Filho de Deus.

O Imperador Justiniano construiu em Constantinopla, uma igreja em honra de Santa Ana lá pelos anos de 550. Seu corpo foi trasladado da Palestina para Constantinopla em 710 e algumas porções de suas relíquias estão dispersas no Oeste. Algumas em Duren (Rheinland-Alemanha), em Apt-en-Provence, (França) e Canterbury (Inglaterra).

O culto litúrgico de Santa Ana apareceu no sexto século no leste e no oitavo século no Ocidente. No século décimo a festa da concepção de Santa Ana era celebrada em Nápoles e se espalhou para Cantrbury lá pelos anos de 1.100 d.C e daí por diante até século 14, quando o seu culto diminui pelo crescente interesse pela sua filha, a Virgem Maria. O culto a Santa Ana chegou a ser até atacada por Martinho Lutero, especialmente as imagens com Jesus e Maria, um objeto favorito dos pintores da Renascença. Em resposta, a Santa Sé estendeu a sua festa para toda a Igreja em 1582.

A princípio apenas Santa Ana era comemorada e, mesmo assim, em dias diferentes no Ocidente e no Oriente. Em 25 de julho pelos gregos e no dia seguinte pelos latinos. A partir de 1.584, também São Joaquim passou a ser cultuado, no dia 20 de março. Só em 1913 a Igreja, determinou que os avós de Jesus Cristo deviam ser celebrados juntos, no dia 26 de julho.

Depois de rezar clique em comentários e deixe seu testemunho sobre seus avós e os seus pedidos de orações.

Oração: Ó Deus, Forte e Imortal, que concedestes a Santa Ana e a São Joaquim a graça de serem os pais daquela que foi concebida sem a mancha do pecado original, Maria Santíssima dai-me a Graça que tanto vos peço. Por Cristo e Maria, amém.

Ó São Joaquim e Santa Ana protegei as nossas famílias
desde o início promissor até à idade madura
repleta dos sofrimentos da vida e amparai-as na fidelidade às promessas solenes.

Acompanhai os idosos que se aproximam do encontro com Deus.

Suavizai a passagem suplicando para àquela hora a presença materna
da vossa Filha ditosa a Virgem Maria e do seu Filho divino, Jesus! Amém.

A minha benção para nossos avós.

Padre Luizinho,
Com. Canção Nova.

twtter.com/padreluizinho

3 Responses to “Reze com os avós de Jesus: São Joaquim e Sant´Ana”

  1. Carla Simone says:

    Hoje cedo já estive com meu esposo, aqui em minha cidade(SALVADOR)em visita a igreja de SENHORA SANTANA.Com devoção peço que nesse dia de hoje por intercessão de Santa Ana e São Joaquim meu casamento alcanse a graça da gravidez.

  2. nicacia says:

    Peço oração, pela aprovação da aposentadoria do meu pai Francisco Elino,pois depois de ser negada várias vezes, nesse momento 27/07/2010, está havendo uma audiência para que seja aprovada e meu pai e minha mãe (Fátima), possam ter uma vida mais tranquila e honrar seua compromissos financeiros, em nome de Jesus Senhor e Rei, amém

  3. eliana says:

    padre luizinho sua bencao venho te pedi que intercessao de santa ana e sao joaquim que eu eliana me liberte de toda anciedade quero ser paciente amoroza humilde quero dicirnimento e sabedoria para criar minha filha tao abencoada maria eduarda que nossa senhora tao pura cubra ela com seu manto sagrado que nos proteja …peço tambem que sr padre luizinho reze por mim que estou com uma açao na justiça por danos morais que possa ter um acorda nao pra riqueza mais pra ser liberte todo o passado que sofri pois o passado ja foi o vento levou agora quero viver o hoje pois tenho tudo saude e o amor da minha filha e dos meus pais e peço que se for da vontade de deus que me abencoe que me case com jefferson que ele possa ser o pai adotivo da minha maria eduarda que respeite e ame como filha e nunca olhe com outros olhos que eu possa confiar e realmente viver como uma familia meu sonho e ainda ter mais um filho ou filha que seja feita a vontade de deus nao a minha amem

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.