“Abri as portas de vossa liberdade a seu amor misericordioso. Apresentai vossas alegrias e vossas tristezas a Cristo, deixando que Ele ilumine com sua luz vossa mente e acaricie com sua graça vosso coração. Nestes dias benditos de alegria e desejo de compartilhar, fazei a experiência libertadora da Igreja como lugar da misericórdia e de ternura de Deus para com os homens. Na Igreja e mediante a Igreja chegarão a Cristo que vos espera”. ( Papa Bento XVI)

Não existe coisa mais agradável a Deus do que sofrer com paciência e paz todas as cruzes por Ele enviadas”.(Santo Afonso de Ligório)

“Quem ama não precisa se justificar”. (Pe. Reinaldo)