“No momento favorável, eu te ouvi, no dia da salvação, eu te socorri. É agora o momento favorável, é agora o dia da salvação” (2 Cor 6,20).

Todo tempo é pleno dos favores divinos e de graça que conduz ao encontro com a misericórdia de Deus, mas agora nossos corações devem se mover com maior fervor para a perfeição espiritual.

Quaresma tempo de nos intensificarmos no Senhor.

Tempo e serviço intenso para o Senhor.

Tempo de busca de fazer obras santas para nos prepararmos para combater as tentações. E assim precisamos nos aplicar para a nossa salvação.

Tempo de tirar os germes estranhos do campo do nosso coração; incontinência, trevas da mentira, orgulho, raiva, maldades da língua.

Tempo favorável para afastar-se de toda espécie de iniqüidade.

Tempo para refrear os impulsos carnais, submetendo o corpo ao domínio do Senhor e de mortificar a língua de toda calunia e de vãs palavras.

Tempo de mansidão e paciência, paz e tranqüilidade.

Tempo de abandonar os vícios e praticar as virtudes.

Tempo continuo de perdoar as faltas, relevar as ofensas e esquecer as injúrias, praticar a misericórdia.

Tempo de banir as murmurações, reclamações e lamentações de nossa vida.

Tempo de se alegrar e não ficar triste.

Tempo de abstinência para vencer a gula.

Tempo de acautelar-se até mesmo do que é permitido e quando necessário viver com maior mortificação.

Tempo de eliminar a ira, apagar os ódios, amar, ajudar uns aos outros.

Tempo de cessar as vinganças, as ofensas sejam perdoadas, transformar a severidade em doçura, a indignação em mansidão e a discórdia em paz.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *