"Se Deus é por nós, quem será contra nós?"

Estamos nos preparando para uma acampamento de oração muito importante e muito forte no início desse mês de agosto, onde estaremos meditando sobre o que São Paulo afirma: “Se Deus é por nós, quem será contra nós”. (Rm 8, 31).

A primeira coisa que temos que assumir é a verdade dessa palavra: “Deus é por nós”. O interessante é entendermos que o nosso Deus é imutável, é um atributo do Senhor, é doutrina da Igreja, e por não mudar, assim como esteve com o povo no Antigo Testamento, vencendo as batalhas, acompanhando-os em todos os momentos, fazendo milagres, sinais e prodígios, está da mesma forma conosco, para nos dar a vitória, fazendo milagres, prodígios e sinais em nosso favor. Precisamos tomar posse, assumir essa verdade, Deus é por nós. Aleluia.

O outro ponto é entendermos que se Ele é por nós, ninguém pode contra nós. As vezes fico pensando nas pessoas que dão muita força para o demônio na sua vida, permitindo que essse derrotado as leve a uma experiência de derrota, porque não fazem a opção acertada de estar do lado de Jesus, do vencedor. Só acredito que o demônio atue na vida da pessoa que não vive a Eucaristia, ou seja, que não vai à Santa Missa, que não adora o Santíssimo Sacramento, que não busca o Sacramento da Confissão, que não mantém uma vida de oração, e não dá oportunidade para Deus ser Deus em sua vida, não permite que Deus guie a sua vida, buscando outros guias, falsos guias, então o inimigo domina essa pessoa, levando-a a uma experiência de derrota. Precisamos deixar Deus ser Deus na nossa vida e aí venceremos.

Se colocamos Deus à nossa frente, ninguém pode contra nós. O inferno não pode contra nós, os inimigos não podem contra nós, os maldosos não podem contra nós, os impios não podem contra nós. Eu te pergunto nesta hora: “Se Deus é por nós, quem será contra nós?”.

Eu preciso perguntar a você nesta hora: Você tem deixado Deus ser Deus na sua vida? Você tem permitido que Ele vá à sua frente conduzindo o seu caminho? Você tem obedecido a Deus e aos seus mandamentos?

Se você disser que sim, posso afirmar sem medo, ninguém poderá ser contra você!

Esses dias recebemos a noticias de Cristãos mortos no Afeganistão, foram queimados por terem Jesus como Salvador, como Redentor, como libertador, algo muito triste nos tempos atuais, onde falamos de liberdade religiosa, onde propomos o amor, e talvez algumas pessoas possam dizer – “mas eles foram derrotados pelo inimigo” – aparentemente sim, mas na verdade eles receberam foi a coroa da vitória, venceram, Terteuliano já dizia: “O Sangue dos mártires é semente de novos Cristãos”. O diabo pensou que tinha vencido quando Jesus foi crucificado, mas ali estava exposta a derrota definitiva do mal, a morte foi vencida e todos nós redimidos, salvos, resgatados por aquele sangue. Não tenho dúvidas da vitória daqueles cristãos que deram a vida por amor a Jesus Cristo.

Estamos entrando num tempo difícil, onde vamos precisar dar testemunho da nossa fé. Temos visto que o Brasil já começou a aderir a perseguição de uma forma camuflada, basta vermos o que o MP de São Paulo está querendo, quando propõe a ser aprovada uma lei para retirar os simbolos religiosos dos locais públicos. Queridos, se existem pessoas que se sentem afetadas pelos simbolos religiosos vamos ter que demolir a sétima maravilha do mundo, o Cristo Redentor no Rio de Janeiro; neste raciocionio do MP, se uma pessoa não gosta de futebol, ela também terá direito de pedir a demolição do Maracanã, do Morumbi, etc. Isso é um absurdo, ilógico, fruto de um pensamento que deseja banir Deus da sociedade, afirmando que somos uma nação laica e não temos que ter nada de Deus nela. Não podemos negar o nosso passado, pois a primeira coisa que foi feita no descobrimento do Brasil foi a celebração da Santa Missa. Aleluia.

É hora de nós assumirmos quem nós somos, cristãos, católicos, o povo de Deus, que tem seus direitos e que não pode permitir que isso aconteça na nossa nação. O Brasil é do Senhor. Aleluia. Se for preciso, não teremos medo de dar a própria vida como aqueles cristãos deram a sua vida no Afeganistão nessa semana, não foi no primeiro século, foi ontem.

Proclame isso: “Se Deus é por nós, quem será contra nós?” Gandhi já dizia: “O mal cresce no mundo porque os bons estão em silêncio”. É hora de mostrarmos quem somos, é hora de viver pra valer a nossa fé, é hora de ser cristão autêntico, é hora de ser católico pra valer.

Meu convite é para que você venha para o Acampamento de Oração no Combate da Oração, onde Pe.José Augusto, eu e toda a Canção Nova estaremos proclamando sem medo: “Se Deus é por nós, quem será contra nós?”

One Response Subscribe to comments


  1. Sílvia Helena

    RT @perogerluis: Se Deus é por nós, quem será contra nós?" # http://t.co/9Ok9skg

    jul 25, 2011 @ 12:32

Reply