Foi anunciado neste dia 20, o nome do novo arcebispo da Arquidiocese de Palmas: Dom Pedro Brito Guimarães, atualmente bispo da Diocese de São Raimundo Nonato – PI.

O anúncio ocorreu durante Missa no Centro de Evangelização Casa de Maria Rainha da Paz, em Palmas, e foi feito por Dom Philip Dickmans, administrador apostólico dessa arquidiocese. “Este homem de Deus encontrará em Palmas uma ampla terra de missão”, afirmou o prelado.

A Arquidiocese de Palmas estava vacante desde o dia 30 de dezembro do ano passado, quando Dom Alberto Taveira Corrêa foi transferido para a Arquidiocese de Belém. Desde então, a Arquidiocese de Palmas vinha sendo administrada por Dom Philip Dickmans, bispo da Diocese de Miracema – TO.

Dom Pedro

No dia 22 de fevereiro de 1954, em Buriti, município de Eliseu Martins, Ana Francisca Guimarães Brito e Clemente Brito Porto, falecidos, recebiam, com alegria, o décimo dos seus doze filhos que, na pia batismal, recebeu o nome de Pedro.

Ali mesmo em Buriti , viveu seus primeiros anos de vida e deu início aos seus estudos que, mais tarde, tiveram continuidade em Eliseu Martins, onde cursou o 2º ano do antigo primário e metade do 3º ano. Seguindo para a Colônia do Gurguéia onde, em 1972 concluiu o 3º ano e foi autorizado a fazer o exame de admissão ao ginásio. Logrando aprovação, ingressou no Ginásio “Vale do Gurguéia”. Partiu para Floriano em 1973, onde concluiu o curso ginasial em 1974 na Unidade Escolar “Mons. Lindolfo Uchoa”.

Pedro, por razões de ordem financeira, teve de interromper seus estudos por um período de dois anos, quando trabalhou de professor e comerciário. Fez o teste para o Colégio Agrícola de Teresina, aguardando ser chamado, quando em 1976, após um período de engajamento pastoral como dirigente de celebração na Colônia da Aliança, ingressou no Seminário Menor de Oeiras, até concluir, em 1978, o curso científico na Escola Normal “Presidente Castelo Branco”. Dali foi enviado ao Seminário Maior de Fortaleza, onde estudou Filosofia e iniciou a Teologia, transferindo-se para o “Pontifício Colégio Pio Brasileiro”, em Roma, concluindo, após três anos na “Pontifícia Universidade Gregoriana”, seus estudos preparatórios ao sacerdócio.

Retornando ao Brasil, Pedro engajou-se na caminhada pastoral da Diocese de Oeiras-Floriano, como coordenador de pastoral, de Catequese e do Ensino Religioso, e como Reitor do Seminário Menor “João XXIII” (1985-1987).

Em Floriano, a 18 de agosto de 1985 recebeu os ministérios de Leitor e de Acólito. Foi ordenado Diácono no dia 1 de dezembro deste ano na Co-Catedral de São Pedro de Alcântara, em Floriano. E em 26 de janeiro de 1986, na cidade de Eliseu Martins, foi ordenado Sacerdote.

Em 1987, seguiu para Teresina para exercer as funções de Vice-Reitor e Professor no Seminário Maior “Sagrado Coração de Jesus”, permanecendo até

1988, quando retornou a Roma para fazer seu mestrado em Teologia Dogmática, na Pontifícia Universidade Gregoriana. Em 1990, retoma suas funções anteriores no Seminário Maior de Teresina, até 1992, quando novamente retorna a Roma para o seu doutorado em Teologia Dogmática na mesma Universidade. Conclui, em 1995 – com brilhantismo – seu doutorado com a tese: “Os Sacramentos como Atos Eclesiais e Proféticos. Um contributo ao conceito dogmático de sacramento, à luz da exegese contemporânea”, atualmente publicada sob o n.º 46 na coleção “Tesi Gregoriana”.

Tendo voltado ao Brasil, assumiu vários encargos, entre outros: Membro do Colégio dos Consultores da Diocese de Oeiras-Floriano e da Arquidiocese de Teresina; Juiz do Tribunal Eclesiástico Regional NE-IV; Assessor da Pastoral Vocacional do Regional NE-IV; Membro do Grupo de Assessoria Vocacional (GAV), do Setor Vocações e Ministérios da CNBB; É compositor de várias canções religiosas, tendo algumas gravadas em diversos Cd’s, principalmente no CD “O Espírito da Missão”, e no “Por amor de vocação”, em preparação. E para aperfeiçoar ainda mais os seus conhecimentos litúrgicos-musicais, faz o Curso de Formação e Atualização Litúrgico-Musical (CELMU), São Paulo; Reitor e Professor de Teologia Dogmática do Seminário maior “sagrado Coração de Jesus” em Teresina desde fevereiro de 1995 até 17 de julho de 2002, quando o Santo Padre o Papa João Paulo II, o elegeu Bispo da Diocese de São Raimundo Nonato – PI .

No dia 20 de outubro de 2010, é nomeado Arcebispo da Arquidiocese de Palmas, tornando-se o 2º arcebispo desta Igreja Particular.

Por PASCOM – Pastoral da Comunicação da Arquidiocese de Palmas

(Lucia Andre)

Foi grandiosa a festa de aniversário de 14 anos de instalação da Arquidiocese de Palmas.

Toda a Igreja se fez presente e cada um a seu modo deu a sua contribuição, no principal Evento, que foi o show Iluminar.

Padre Fábio de Melo, sempre foi próximo de Dom Alberto há muitos anos, a ponto de ter sido ele o bispo escolhido para ordená-lo padre. E na segunda visita do padre á Palmas, sendo a primeira em um show no “Adorai”, ele se colocou a disposição para voltar a Palmas realizar um show para angariar fundo para a arquidiocese. Demorou, a ponto de Dom Alberto nem estar mais na arquidiocese, mas, Padre Fábio de Melo cumpriu a promessa e veio realizar o show.

Tudo foi pensado para que arquidiocese estivesse unida em um grande momento de manifestação pública de fé. E ao mesmo tempo, que todos pudessem contribuir para a construção e manutenção do Seminário interdiocesano da arquidiocese, uma das obras que necessitam ser concluída na arquidiocese.

A Canção Nova se fez presente e colaborou a seu modo para que a grande festa fosse realmente um sucesso.

Os missionários: Lúcia Andreia, Rose, Adriano e Eder, contribuíram de perto, dentro da realização do show Iluminar. Mas, também participaram Beth e Flaviane de outras formas.

As missionárias de Aliança: Andreia e Rose estiveram desde o início na organização. Andreia como assessora de Comunicação do show Iluminar em Palmas e na divulgação como um todo em Araguaína e ainda no apoio a imprensa durante o show. Já Rose esteve presente na preparação do camarim, sobre tudo na obtenção de colaboração na alimentação para estar a disposição nos camarins dos músicos e do Padre Fábio de Melo.

Os seminaristas Adriano Zandoná e Eder, auxiliaram no dia do show. Adriano esteve na abertura do show junto com o seminarista Marco Aurélio como mestres de cerimônia. Já Eder atuou na cinegrafia das imagens que foram ao telão.

As missionárias Beth e Flaviane, também fizeram sua parte. Beth na divulgação do show na rádio com vinhetas e nos eventos da Canção Nova. Quanto a Flaviane, como administradora, preparou e ficou a frente da barraca da Canção Nova no evento.

Enfim a Missão Canção Nova se fez presente como Igreja de Palmas que é. E assim abraçou a causa maior que é fazer acontecer. E assim, ser parte dessa história, que a construção da arquidiocese de Palmas, que ainda há muito para se chegar a conclusão.

Foi lançado nesta terça-feira, dia 13, o Show Iluminar, com o padre Fábio de Melo, na sede da Organização Jaime Câmara (OJC), em Palmas.

O lançamento contou com a presença da diretora da Unidade Tocantins da OJC, Fátima Roriz, Monsenhor Rui Cavalcante Barboza, o deputado federal Eduardo Gomes (PSDB) e a equipe da organização do show.


O evento vai acontecer no dia 29 de maio, às 20 horas, na Praça dos Girassóis, para comemorar o aniversário de 14 anos da Arquidiocese de Palmas, no dia 31 de maio. O valor arrecadado com o show será revertido para a formação de padres no seminário da Capital. veja mais no blog da organização

.

Imagem de Destaque

“Se enviais, porém, o vosso sopro, eles revivem e renovais a face da terra.” (Sl 103,30)

Nós nos preparemos para a Festa de Pentecostes, rezando durante nove dias esta oração, clamando os dons do Espírito Santo sobre nós, nossas famílias e sobre toda a Igreja.

Vinde, Espírito de Sabedoria!

Instruí o meu coração para que eu saiba estimar e amar os bens celestes e antepô-lo a todos os bens da terra. (Glória ao Pai…)

Vinde, Espírito de Inteligência! Iluminai a minha mente para que entenda e abrace todos os mistérios e mereça alcançar um pleno conhecimento Vosso, do Pai e do Filho. (Glória ao Pai…)

Vinde, Espírito de Conselho!

Assisti-me em todos os assuntos desta vida instável, tornai-me dócil às Vossas inspirações e guiai-me sempre pelo direito caminho dos divinos mandamentos. (Glória ao Pai…)

Vinde, Espírito de Fortaleza!

Fortalecei o meu coração em todas as perturbações e adversidades e dai à minha alma o vigor necessário para resistir a todos os meus inimigos. (Glória ao Pai…)

Vinde, Espírito de Ciência!

Fazei-me ver a vaidade de todos os bens caducos deste mundo, para que não use deles senão para Vossa maior glória e salvação da minha alma. (Glória ao Pai…)

Vinde, Espírito de Piedade!

Vinde morar no meu coração e inclinai-o para a verdadeira piedade e santo amor de Deus. (Glória ao Pai…)

Vinde, Espírito de Temor de Deus!

Repassai a minha carne com o Vosso santo temor, de modo que tenha sempre Deus presente e evite tudo o que possa desagradar aos olhos de Sua divina majestade. (Glória ao Pai…)

Divino Espírito Santo, eu vos ofereço todas as preces da santíssima Virgem e dos apóstolos reunidos no cenáculo, e a estas uno todas as minhas orações, suplicando-Vos que Vos apresseis em vir renovar a face da terra.

– Enviai o Vosso Espírito e tudo será criado.

– E renovareis a face da terra.

Oremos: Ó Deus, que instruístes os corações dos fiéis com a luz do Espírito Santo, dai-nos pelo mesmo Espírito o conhecimento e o amor da justiça e que gozemos sempre da Sua consolação. Amém.

*** Rezar três Ave-Marias a Nossa Senhora de Pentecostes com a invocação:

“Rainha dos Apóstolos, rogai por nós!”