sexualidade

Frase do dia - Santo Agostinho..sobre o amor...

” ..não existe dom de Deus mais excelente do que o amor; é o único que distingue os filhos de Reino…”

Hoje esta frase me fez pensar…

-” No meu cotidiano , sou expressão autêntica deste Dom de Deus?”
– “Sou reconhecida como filha de Deus
na minha convivência diária: marido, filhos, vizinhos, colega de trabalho, comunidade, grupo de oração…?”

Santo Agostinho, rogai por nós e intercedei a Deus por nós!

"Santo Agostinho, rogai por nós!"

terça-feira, fevereiro 9th, 2010 sexualidade Nenhum Comentário

A MELHOR AULA DE SEXUALIDADE PARA JOVENS

festa-do-sah-036.jpg

*GERSON ABARCA

Os casais quando vêem seus filhos adentrarem na adolescência ficam desesperados em busca de um curso de sexualidade para eles. Pensam que os cursos podem salvar as escolhas dos filhos.
Já ministrei muito curso para jovens, ao longo dos últimos 22 anos, e atualmente tenho repensado a real validade dos mesmos. Principalmente depois que reencontrei-me com jovens que já haviam realizado a formação comigo e depois que tornaram-se adultos tiveram dificuldades sérias nos posicionamentos da sexualidade pessoal. Lembro-me de um jovem já nos 25 anos que chegou até mim dizendo que estava frito, pois tinha saido com a namorada e teve relação sexual com ela e havia engravidado-na. ” Sabe cara, na prática a teoria é outra…”, revelou-me.
Hoje, repensando em meu tempo de Pastoral de Juventude, começo a lembrar que não tínhamos muitos cursos de sexualidade, acho que não lembro de nenhum. Mas o Pe. Denizar Coelho dava muita formação Bíblica e muito trabalho. Ele sempre falava:”Mente jovem parada, apodrece”. E dava trabalho para a moçada. As vezes não tínhamos tempo de respirar. Hoje, vejo que a galera daquela época que estava nesta Pastoral, estão bem graças a Deus em seus casamentos. Não que eramos santos, pois tinhamos muitos jovens com sérios problemas de ordem sexual, e que na Pastoral encontravam um nova perspectiva de vida, o compromisso da vida Cristã.
Com certeza, a melhor aula de sexualidade que os jovens podem ter, é trabalho e compromisso de evangelização;é estarem apaixonados pela pessoa de Jesus Cristo, por isto muito estudo Bíblico, pois esta paixão vira Amor pela Igreja e pelo Reino; é conduzir os jovens para o reencontro com sua famílias. Nós faziamos as serestas de madrugada para todas as mães dos componentes da pastoral, íamos almoçar na casa da galera e promoviamos estudos Bíblicos na casa dos jovens. Vi muito jovem colaborando na conversão de muitos pais. Inclusive meu pai ( em memória), no dia de minha formatura, chegou falando baixinho ao meu ouvido:”você já me ensinou muito, não sei como que de mim saiu uma pessoa com tanta fé, sou orgulhoso de você”. Interessante que imaginava que meu pai estivesse tão alheio ao meu envolvimento na PJ. Depois disto, fizemos um levantamento para saber quantos eram os pais dos participantes da PJ que eram envolvidos com a Igreja. Detectamos que era um grupo muito pequeno, mas por incrível que pareça, eles queriam nossa presença nas casas deles, de violão na mão e muita música de amor.
É aí que brota a verdadeira percepção da sexualidade como expressão de vida. Como defino no meu livro “Sexualidade na contramão” , Ed Paulus-sp. Os jovens de hoje já sabem muita teoria sobre sexualidade. Está faltando uma vivência comunitária da solidariedade, do compromisso, de projetos de um mundo melhor. Sexualidade teórica, é vulcão em mente parada, só desperta desejos e fantasias.
Gosto muito de ter contato com a moçada que trabalha na T.V. Canção Nova, lá o tempo não para, e trabalho também. Tenho visto poucos grupos de jovens desenvolvendo trabalhos concretos, e por isto sofrem eternas crises existenciais além de estarem se reduzindo a meia dúzia de jovens descomprometidos.
Muito trabalho e vida em comunidade, faz com que os jovens se quer tenham tempo para ver se tem tempo de pensarem nas tramas das fantasias da sexualidade, principalmente daquelas que só se afunilam na genitalidade.

* PSICÓLOGO

sábado, maio 24th, 2008 sexualidade 1 Comentário