É possível o casal chegar ao orgasmo sexual juntos?

Esta é uma meta em que muitos casais procuram atingir. Alguns, bem poucos conseguem com freqüência. Um numero maior com respostas orgásticas mais pontuais espaçadamente , e a grande maioria como um sonho a ser realizado.

Mas o orgasmo conjugal é um dos mais nobres presentes que a biologia reservou para os casais, tanto, que aqueles que conseguem pontuar maior numero de relações sexuais com final feliz de orgasmo mútuo são ou estão muito fortalecidos no casamento.

MAS O QUE É O ORGASMO?

Esta é uma outra questão, pois a cinematografia romântica e as novelas, venderam um padrão de orgasmo que parece quase impossível uma pessoa sentir em uma relação sexual. Venderam a imagem de que o orgasmo é uma sensação de profundo êxtase, como se o casal entrasse em transe, algo indescritível.

Mas é preciso cada pessoa e o casal saber entender e diferenciar como funciona o seu orgasmo e como a sensação de orgasmo em uma atividade sexual é percebida pelo casal. O orgasmo é uma sensação plena de bem estar físico e emocional após a atividade sexual. Mas se não estiverem atentos, a dupla ficará esperando por respostas que já viram em filmes.

Lembro-me de uma senhora que em tratamento psicoterapêutico dizia que nunca tivera vivenciado uma sensação de orgasmo. Esperava sempre que fosse gritar, suar, seu corpo ficaria em espasmo, e ela teria a visualização de que estaria nas nuvens. Brinquei com ela devolvendo-lhe a idéia que esta sua fantasia parecia como a ilusão de morrer e estar chegando ao céu. Ela reagiu em brincadeira dizendo que não queria morrer tão cedo. Enfim, analisamos que ela deveria aprender a entender como se manifestava o orgasmo nela. Quando ela foi entender que o seu orgasmo funcionava de forma mais amena, uma boa sensação de relaxamento físico e emocional por ter sido amada – tanto que esta mulher dizia que ficava mais de uma hora abraçadinha ao seu esposo – e após descobrir que isto era orgasmo, descobriu outra coisa também muito maravilhosa, que seu esposo na maioria das vezes ejaculava no momento em que ela sentia a suavidade serena no corpo. Este casal descobriu que estavam muito bem sexualmente, sendo que passaram mais de 12 anos imaginando que não se adaptavam sexualmente um ao outro, pois ele também esperava que o orgasmo para ela deveria ser mais abrupto, imaginava que ele não a satisfizesse por ela não reagir assim.

O orgasmo em conjunto é uma realidade que pode ser vivenciado plenamente pelo casal, mas é preciso entender como cada um reage na atividade sexual – o seu perfil sexual ou o seu padrão orgástico – e abrir o jogo para comuni isas a dois.

Tags: , , , ,

Leave a Reply

Subscribe to RSS feed