2012, um ano redondo.

Viaduto na rodovia Carvalho Pinto próximo de Taubaté-SP

Este é um daqueles anos que promete muito. É redondo. Estou chegando de viagem e estive em vários lugares do estado de São Paulo. Vi muitos parentes e amigos e fiquei encantado com as cidades do interior. Parece que São Paulo é um outro país.

Ao subir pelo Rio de Janeiro, já observamos as diferenças. parece que o descaso público com os municípios é absurdo. Passamos pelo litoral capixaba até chegar á São Mateus-ES, que pena, neste Estado parece que estamos no quarto mundo.

Mas cheguei para a terra que escolhi viver, pois gosto deste estado do Espírito Santo, pois aqui temos muito o que fazer.

Se ainda você não entendeu o por que este ano é um ano redondo, vou lhe dar uma dica: – é porque as coisas começam, terminam e se encontram novamente. As águas que caem do céu, transbordam cidades mal planejadas e desaguam no mar que voltarão novamente em forma de torrentes chuvosas.

É redondo porque os nossos usurpadores do dinheiro público, voltam para suas casas felizes da vida.

Porque o prédio de São Paulo que era para cair todo, ficou manco apenas, inclusive de opiniões, do prefeito e do perito.

Mas , feliz 2012, bem depois de já ter começado.

No litoral sul do Espírito Santo, em Piuma-ES. Nada de gestão pública

Tags: ,

Leave a Reply

Subscribe to RSS feed