Alterações do sono são frequentes naqueles que vivem as fases iniciais do luto. Estas pessoas podem ter insônia inicial, ou seja, não conseguem pegar no sono, ou acordam no meio da noite e não conseguem mais dormir.

Essas alterações quase sempre necessitam de cuidados médicos para se evitar complicações futuras. A insônia pode simbolizar para algumas pessoas, o medo de sonhar, de acordar na cama sozinho ou de não acordar.

Muitos colocam seus cachorros ou gatos de estimação para dormirem nas suas camas, confortando-se ao ouvirem a respiração dos seus animais. Isso pode confortar o enlutado e permitir que durma melhor.

Os distúrbios do apetite no luto normal, pode ser por excesso ou diminuição, levando a alterações para mais ou menos do peso.

Saiba mais sobre esses e outros assuntos relacionados à dor da perda de entes queridos, através do livro “Um dor sem nome”

dor sem

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para adquirir o seu clique aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *