Sobre 3 pontos a Igreja Católica nunca vai abrir mão:

  1. A defesa da vida humana desde a concepção até a morte natural
  2. A manutenção do matrimônio formado por um homem e uma mulher
  3. O direito dos pais cristãos de educarem os  filhos segundo os próprios valores

Muito bem, quero falar sobre o direito nº 3, e que está sendo colocado em jogo  pela  famigerada “Lei da palmada”, que é o mais escancarado desrespeito do governo aos direitos individuais do cidadão e da liberdade dos pais em educarem seus filhos.

Se essa lei for sancionada estará inaugurado no Brasil o processo de tomada da guarda dos filhos pelo Estado, como já acontece, por exemplo, na Alemanha onde pais cristãos já foram, aos montes, condenados à prisão por não permitirem que seus filhos participassem de aulas sobre ”Educação sexual” do Governo. Já escrevi sobre isso; Veja matéria.

O problema quando se discute sobre essa lei é que sempre tem aqueles que não fazem a leitura de todo o contexto do que envolve o assunto e começam a confundir palmada com espancamento, cuja  punição já é prevista no Código Penal Brasileiro e precisa ser cada vez mais cumprida, totalmente diferente é a palmada. Continue Lendo…


O Sagrado e as marchas

Dom Antônio Augusto – Bispo Auxiliar do Rio de Janeiro

O respeito ao sagrado encontra-se presente ao longo de toda a história da humanidade, em todas as civilizações e culturas, e, ao ser reconhecido esse espaço divino na vida dos povos, é possível estabelecer as condições para que os lugares, as pessoas e os objetos sacros sejam realmente valorizados e protegidos.

Infelizmente, nos últimos anos, o Brasil tem presenciado, com surpresa e, às vezes, com justa indignação, uma série de ataques verbais e até mesmo físicos à Igreja Católica. Continue lendo…

Claro que as abortistas de plantão não iriam perder a oportunidade de colocar a culpa na Igreja Católica pelas suas frustrações pessoais.

A “Marcha das vadias” nomenclatura escolhida por elas mesmas, percorreu as ruas do Rio de Janeiro-RJ, sábado(26), reclamando o direito de matar seus próprios filhos. Aos berros e não satisfeitas com o vexame público, decidiram invadir a Missa das crianças que acontecia na Matriz de Nossa Senhora de Copacabana.

O grupo foi impedido pela polícia e por alguns paroquianos de avançar para dentro da Igreja mas antes agrediram uma senhora de idade que saiu com a mão sangrando.

Mas não se escandalize achando que o mundo está perdido e que o mau tomou conta, isso não é verdade, o que de fato acontece é que os bons são uma maioria tímida e muitas vezes covarde enquando os idiotas(no sentido mais etimológico da palavra) são minorias barulhentas.

“A audácia dos maus se alimenta da covardia e da omissão dos bons” Papa LeãoXIII

A marca brasileira de calçados “Melissa” tem causado indignação entre os católicos após produzir um ensaio fotográfico no interior de um Igreja onde a modelo deita sobre o altar, interpreta uma Virgem Maria censual, fotos ao lado de imagens de santos e da cruz, ajoelhada sobre o genuflexório,etc.

Conforme o código penal brasileiro a marca “Melissa” cometeu vilipêndio religioso, crime previsto no Código Penal no artigo 208: Escarnecer de alguém publicamente, por motivo de crença ou função religiosa; impedir ou perturbar cerimônia ou prática de culto religioso; vilipendiar publicamente ato ou objeto de culto religioso: Pena – detenção, de 1 (um) mês a 1 ano, ou multa.

Sugiro a todos que se sentiram desrespeitados por este ato de profanação promovido pela marca “Melissa” a não mais adquirirem seus produtos além de fazerem uma reclamação através do twitter da marca: @sigamelissa

Manifestemos nossa indignação de forma educada mas deixando claro o sentimento de ofensa e desrespeito que gerou o ensaio fotográfico.

Você pode se manifestar também através do site da “Melissa”: http://www.melissa.com.br/pt/contato

ASSISTA O VÍDEO AQUI

Eu sou um liberal nas questões sociais e isso é difícil de admitir, mas o Papa está realmente certo. A maior evidência que mostramos é que camisinhas não funcionam como uma intervenção significativa para reduzir os índices de infecção por HIV na África.

Esta é a afirmação do médico e antropólogo Edward Green, uma das  maiores autoridades mundiais no estudo das formas de combate à  expansão da AIDS. Ele é diretor do Projeto de Investigação e Prevenção da AIDS (APRP, na sigla em inglês), do Centro de            Estudos sobre População e Desenvolvimento da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos. Uma das instituições educacionais mais prestigiadas do mundo.

Na terça-feira, 17 de março, em entrevista concedida a jornalistas no avião papal rumo à África, Bento XVI afirmou que a AIDS não vai ser controlada somente com a distribuição de preservativos. Para o Pontífice, a solução é “humanizar a sexualidade com novos modos de comportamento”. Por estas declarações, o Papa foi alvo de críticas.

Dr.  Edward Green,  com 30 anos de experiência na luta contra a AIDS, tratou do assunto no site National Review Online (NRO) e foi entrevistado no Ilsuodiario.net.

O estudioso aponta que a contaminação por HIV está em declínio em oito ou nove países africanos. E diz que em todos estes casos, as pessoas estão diminuindo a quantidade de parceiros sexuais. “Abstinência entre jovens é também um fator, obviamente. Se as pessoas começam a fazer sexo na idade adulta, elas terminam por ter menor número de parceiros durante a vida e diminuem as chances de infecção por HIV“, explica.

Green também aponta que quando alguém usa uma tecnologia de redução de risco, como os preservativos, corre mais riscos do que aquele que não a usa. “O que nós vemos, de fato, é uma associação entre o crescimento do uso da camisinha e um aumento dos índices de infecção. Não sabemos todas as razões para isto. Em parte, isso pode acontecer por causa do que chamamos ‘risco compensação‘”.

O médico também afirma que o chamado programa ABC (abstinência, fidelidade e camisinha – somente em último caso), que está em funcionamento em Uganda, mostra-se eficiente para diminuir a contaminação.

O governo de Uganda informa que conseguiu reduzir de 30% para 7% o percentual de contaminação por HIV com uma política de estímulo à abstinência sexual dos solteiros e à fidelidade entre os casados. O uso de camisinhas é defendido somente em último caso. No país, por exemplo, pôsteres incentivam os caminhoneiros – considerado um grupo de risco – a serem fiéis às suas esposas.

fonte: http://noticias.cancaonova.com/noticia.php?id=272608

09. fevereiro 2012 · 14 comments · Categories: Formação · Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Por trás do projeto para implantar o aborto estão basicamente dois interesses:

A Política Internacional de Controle de População, uma nova forma de colonialismo que os países do norte -países ricos – querem impor aos países do sul – paíseem desenvolvimento;

E o interesse financeiro na lucrativa Indústria do Aborto.

.       Existe de fato um esquema armado, bem estruturado com projetos e metas que envolvem Milhões de dólares visando o controle populacional; Estes projetos comportam organizações com representações em diversos países, inclusive no Brasil com o nome de “BEMFAM”, “Católicas Pelo Direito de Decidir”, “CEPIA”, entre outras.

Na cabeça da campanha está o Conselho Populacional da Organização da Nações Unidas (ONU) e uma série de instituições que apoiam e promovem as ações de grupos militantes disfarçados de ONGs. Assim como também é sistematicamente planejada e armada a conquista da lucrativa indústria do aborto.

No Brasil o esquema funciona da seguinte forma:

Grupos Eugenistas internacionais interessados na “melhoria da raça humana” (por isso o motivo do “controle demográfico” sobre os países pobres) e grupos interessados na lucrativa indústria do aborto, são financiados por instituições que abraçaram a causa.

No Brasil criou-se em 1990 a ONG “CEPIA”(Cidadania, Estudo, Pesquisa, Informação e Ação), que tem recebido apoio e verbas de diversas instituições, a maioria internacionais; São elas:

*Fundação Ford

*Fundação Rockefeller

*Fundação MacArthur

*ONU (Unicef, FNUAP e Unifem)

*O Programa de DST/AIDS do Ministério da Saúde

*SPM (Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres)

*Global Fund for Women

*OAK Fundation

São instituições que não desistem da idéia de um mundo dominado por poucos.

Para conquistarem seus objetivos, eles investem nas seguintes estratégias:

*Legalização do Aborto

*Esterilização

*União homossexual

*Contracepção

*Cultura de poucos filhos

*Educação Sexual Hedonista

Enfim, tudo que não gera filhos.

No Brasil a taxa de 6 filhos por mulher caiu para menos de 2, da década de 60 até 2006, ou seja, taxa incapaz de repor a própria população existente (“Indicadores Sociodemográficos e de Saúde no Brasil – 2009”. IBGE )

Todo esse projeto que visa o Aborto legalizado, passou a ser conhecido à fundo após o documento do Conselho de Segurança Nacional dos Estados Unidos, até então CONFIDENCIAL, ter sido rejeitado pela Casa Branca em 1989;

O Documento foi chamado de Relatório Kissinger e foi a grande cartada na tentativa de implantar, de uma vez por todas, a ideologia da eugenia nazista(sem aspas) em nome do Controle Demográfico visando os interesses dos países ricos.

Este relatório veio à luz porque foi rejeitado pela Casa Branca, mas ganhou força após investimentos privados e se estruturou tornando-se assim uma grande máfia.

O documento, conhecido como Relatório Kissinger foi apresentado para o Governo Americano com o nome de “Implicações de crescimento da população mundial para a segurança e os interesses externos dos Estados Unidos”.

Esse Relatório, assinado pelo então Secretário de Estado Henry Kissinger, foi encaminhado para todas as embaixadas dos Estados Unidos, como instrumento de trabalho para que agentes pudessem pressionar os governos.

No Relatório Kissinger encontramos:

A condição e a utilização das mulheres nas sociedades dos países subdesenvolvidos são particularmente importantes na redução do tamanho da família… As pesquisas mostram que a redução da fertilidade está relacionada com o trabalho fora do lar(NSSM 200, Pag.151)

Ter como prioridade educar e ensinar sistematicamente a próxima geração a desejar famílias menos numerosas (idem pag.111)

A grande necessidade é convencer a população que é para seu benefício individual e nacional ter em média, só 3 ou então dois filhos” (idem pag.158)

…devemos mostrar nossa ênfase no direito de cada pessoa e casal determinar livremente e de maneira responsável o número e o espaçamento de seus filhos e no direito a terem informações, educação e os meios para realizar isso, e mostrar que nós estamos sempre interessados em melhorar o bem-estar de todos (idem pag.22, §34)

Há também o perigo de que alguns líderes dos países menos desenvolvidos vejam as pressões dos países desenvolvidos na questão do planejamento familiar como forma de imperialismo econômico e racial; isso bem poderia gerar um sério protesto” (idem pag.106)

Prestar serviços de planejamento familiar integrados aos serviços de saúde de maneira mais ampla ajudaria aos EUA a combater a acusação ideológica de que os EUA estão mais interessados em limitar o número de pessoas dos países menos desenvolvidos do que em seu futuro bem-estar (idem pag.177)

A assistência para o controle populacional deve ser empregada principalmente nos países em desenvolvimento de maior e rápido crescimento nos que os EUA têm mais interesses políticos e estratégicos especiais. Esses países são Índia, Bangladesh, Paquistão, Nigéria, México, Indonésia, Brasil, Filipinas, Tailândia, Egito, Turquia, Etiópia e Colômbia (idem, pag.14/15, §30)

Quanto diretamente ao aborto diz o documento:

Certos fatos sobre o aborto precisam ser entendidos:

Nenhum país já reduziu o crescimento de sua população sem recorrer ao aborto.

-As leis de aborto de muitos países não são estritamente cumpridas e alguns abortos por razões médicas são provavelmente tolerados na maioria dos lugares. É sabido que em alguns países com leis bastante restritivas, pode-se abertamente conseguir aborto de médicos, sem interferência das autoridades.

…sem dúvida nenhuma, o aborto legal ou ilegal, tem se tornado o mais amplo método de controle da fertilidade em uso hoje no mundo (idem.pag. 182/184)

A sanha para legalizar o aborto no Brasil não é porque estão interessados na tal “liberdade para as mulheres”, mas porque querem eliminar o números de pobres no país a preço de sangue e claro, implantar uma rede de clínicas de aborto, que no mundo é o segundo mais lucrativo mercado, ficando atrás apenas da indústria do sexo.

Nos EUA já conseguiram, pois a IPPF (a maior instituição que lutou a favor da legalização do aborto) hoje é a dona de 20% de todas as clínicas de aborto dos EUA, faturando Bilhões com a indútria abortista.

.      O absurdo não termina por aí, a insensibilidade é tanta que hoje já se encontra nos países onde o aborto é legalizado, a comercialização de Sopa de Feto, venda dos fetos para aproveitamento de órgãos e a venda dos fetos abortados para a indústria de Cosméticos.

Não podemos compactuar com o crime organizado mais terrível dos últimos tempos, e nem nos omitir

.

_________________________________________________________________________

25% dos doentes de AIDS em todo mundo são acompanhados por instituições Católicas

Informação destinada aos anti católicos

“25% dos doentes de AIDS em todo o mundo, hoje, são acompanhados por instituições católicas. […] a Igreja é a única instituição verdadeiramente próxima das pessoas, muito concretamente: no prevenir, no educar, no auxiliar, no aconselhar, e no estar ao lado; e porque como ninguém mais, cuida de tantos doentes de AIDS e, em particular, de inúmeras crianças atingidas por esta doença.”

Igreja Católica é responsável por mais de um quarto de toda a assistência sanitária prestada aos soropositivos no mundo.

Fonte: Livro Luz do Mundo (entrevista com BentoXVI)

. E não somento isso, a Igreja Católica é maior instituição caritativa do mundo, ninguém fez ou faz tanto quando a Igreja aos mais nescessitados e faz  a mais tempo que qualquer outra instituição do planeta, veja um pouco que já foi feito pela Igreja Católica:

A Igreja e as crianças:

.    A Igreja Católica pregou contra e aboliu a prática do infanticídio que era considerada moralmente aceita pelos antigos gregos e romanos. Platão disse por exemplo, que um velho pobre e doente que não pode trabalhar, poderia ser abandonado a morrer; Le Goff afirma que Sêneca escreveu: “Nós afogamos as crianças que nascem doentes e anormais”.

A Igreja e as mulheres:

.    A Igreja Católica promoveu a mulher e sua dignidade quando:

Ensinou que adultério não é só a traição da esposa para com o marido, mas também do marido para com a esposa.

Só pelo Catolicismo foi possível existir as comunidades religiosas de mulheres que se auto-governavam; algo que jamais houve no mundo antigo.

Onde as mulheres eram capazes de manter sas próprias escolas, conventos, colégios, hospitais e orfanatos fora da Igreja?

A Igreja lutou contra a imposição do casamento; numa época em que os pais escolhiam com quem a filha deveria se casar.

Não será por isso e por tantas outras coisas que as mulheres amam mais a Igreja que os homens? Não será por isso também que 70% do rebanho da Igreja é de mulheres? Ninguém as defendeu tanto ao longo da história.

INQUISIÇÃO:

.    Muito se fala erroneamente sobre a inquisição, sobre as cruzadas e se quer analisá-las fora do contexto da época, isso é um absurdo histórico;

ninguém pode entender um fato fora do seu contexto: moral, social, psicológico, cultural, da época.

.    Muitos não sabem que a inquisição era prática social dentro do contexto da época e que a Igreja entrou com o julgamento aos acusados, anos mais tarde, e deu a eles o direito de defesa, por esse motivo salvou milhares da morte.

Antes da Igreja intervir, muitos, para serem condenados, bastava uma simples acusação.

  • O único caso de pessoa alvo da Inquisição por ter defendido idéias estritamente científicas foi Galileu Galilei, por defender o heliocentrismo. Mesmo nesse caso, sua condenação envolve elementos muito mais complexos do que uma simples controvérsia entre “fé” e “ciência”. Galileu não morreu na fogueira. Ele foi colocado em prisão domiciliar, onde pôde receber visitas e continuou tendo acesso a instrumentos científicos. Foi nessa época que ele elaborou conceitos sobre o movimento dos corpos que se tornaram os fundamentos da dinâmica;

O erro está em tentar interpretar um acontecimento fora de seu contexto. E a verdade é que não se estuda de fato a história dentro de seu contexto é mais cômodo acreditar no que diz o revoltado professor da escola.

CIÊNCIA E RELIGIÃO, FÉ E RAZÃO:

Pra começar,o número de cientistas religiosos ao longo da história é infinitamente superior ao número de cientistas materialistas, e os materialistas sempre foram representados por cérebros inferiores, porque são incapazes de entender as coisas além de um certo nível, como por exemplo:Epicuro, Zenão, Demócrito,etc.

O próprio fato de crer na existência de Deus não é artigo de fé, é matéria de prova racional; a teodicéia, a metafísica deixa muito isso claro.

Não se pode admitir que a totalidade da religião é matéria de fé, de pura irracionalidade; de forma alguma; Existem sim matérias dentro da religião que são exclusivamente de fé, mas na totalidade, a religião exige racionalidade e concepções lógicas.

.    Impressiona o número de padres cientistas na Idade Média; Isso mostra que nunca houve para a Igreja antagonismo entre Ciência e Religião, entre Razão e Fé, uma vez que ambas procedem do mesmo Deus.

Alguns poucos exemplos:

Pe. Nicholas Steno ( considerado o “o pai da geologia” )

Pe. Athanasios Keicher (o pai da egiptologia)

Pe. Giambattista Riccioli (a primeira pessoa a medira a taxa de aceleração de um corpo em queda livre)

Pe. Robert Boscovich (considerado o pai da teoria atômica moderna)

Os Jesuítas ( a sismologia veio a ser conhecida como a “Ciência Jesuítica”Especializaram-se em Terremotos.

Trinta e cinco crateras da lua foram nomeadas por cientistas e matemáticos Jesuítas.

Monge Franciscano Roger Bacon (foi considerado precursor do método científico moderno, defendendo como método a experiência; Fez importantes descobertas sobre a ótica com estudo sobre refração, aberração esférica e reflexão, além de ter feito invenções mecânicas como a máquina a vapor, navios mecânicos, carruagens; desenvolveu a câmera para observação de eclipses, e deixou cálculos matemáticos em relação à lentes e inventou os óculos)

Bispo Silvestre II, (seis séculos antes de Galileu, sofreu incompreensões e perseguições por causa de suas ideias científicas, e seus perseguidores não foram da Igreja;)

Bispo Robert Grosseteste (1168-1253) (Fundou a Escola Oxford , escreveu tratados de ótica, som, astronomia, geometria e aritmética.)

Pe Nicolau Steno, (estabeleceu os princípios básicos da geologia moderna e chamado de “pai da estratigrafia”, estudo das camadas da terra.)

Pe Christóforo Scheiner (1573-1650) (Descobriu as manchas solares em Janeiro de 1612, Galileu as descobriu em Março. Fabricou o primeiro telescópio; descreveu a determinação do raio da curvatura da córnea.)

Pe. Francisco de Vitória, (professor que ganhou o título de “pai da lei internacional”;)

Pe. Atanasius Kircher, (criador da geologia moderna; foi o primeiro a defender que as doenças eram causadas por microorganismos)

Pe. Rudjer Josef ( precursor da teoria atômica; esboçou algumas idéias da teoria da relatividade)

Pe Mateo Ricci e companheiros Jesuítas ( influenciou fortemente o desenvolvimento científico na China, quando a China ainda estava “anos luz” do desenvolvimento da Europeu; Escreveu mais de-20 livros de ciência para Chineses,; construiu o quadrante solar na China , relógios, esferas celestes e terrestres; elaborou o primeiro Mapa da China que o Ocidente conheceu; recebeu dos Chineses o título de Doutor Mateus ‘Li Matheus”.

Redigiu o tratado de geometria Euclidiana em Chinês; Provou ao imperador que o calendário Chinês continha erros. Etc.

A lei canônica foi o primeiro sistema legal da Europa, o que deu início ao primeiro corpo docente de leis.

A Igreja ensinou que conflitos, estatutos, casos e doutrina podem ser reconciliadas por análise e síntese.

A Igreja Católica deu mais suporte financeiro e Social ao estudo da astronomia, por mais de seis séculos, do que qualquer outra instituição.

E como eu já disse, a Igreja Católica é a maior obra caritativa do planeta. Nenhuma instituição no mundo faz mais ou tanto quanto a Igreja pelos que mais precisam.

Foram os monges copistas da Igreja que preservaram a herança literária do mundo antigo, após a queda de Roma diante dos Bárbaros em 476.

Os Monges deram à toda Europa um rede de fábricas, centros de criação de gado, centros de educação,

O monge São Bento é chamado de “O pai da Europa”

Etc,etc,etc.

A Igreja Católica berçou a Civilização Ocidental em todos os seus campos:

arte, filosofia, física, matemática, música, arquitetura, direito, economia, moral, ciência, letras, língua,etc.

.    A única instituição que resistiu após a queda de Roma diante da invasão dos Bárbaros no ano de 476. A Igreja soube lidar com eles e catequiza-los à longo prazo.

O que é a França se não os Bárbaros convertidos?

Portanto,afirmar que a Igreja impediu ou impede o avanço científico ou qualquer outro avanço, seja cultural, moral, democrático,etc, é no mínimo covardia intelectual.

FONTE: Livro “uma história que não é contada” Prof Felipe Aquino.

.

.

_______________________________________________________________________________

AS 115 escapadas do Papa João Paulo II

João Paulo II saiu às escondidas do Vaticano para esquiar em 115 ocasiões durante seus 27 anos de pontificado e visitou diversos pontos da Itália, revelou Claudio Paganini, conselheiro espiritual do Centro Esportivo Italiano.

A reportagem é da Agência Efe, 26-04-2011. A tradução é do Cepat.

Em entrevista para a Notimex, o sacerdote assegurou que não obstante fosse Papa, às terças-feiras escapava secretamente do Vaticano e ia esquiar em diversas estâncias dos Apeninos Centrais em Los Abruzzos, nos Dardamelos ou nos Alpes.

A paixão pelo esqui do futuro beato foi confirmada por um de seus colaboradores mais próximos, Joaquín  Navarro Valls, histórico porta-voz e diretor da sala de imprensa vaticana.

“Agora se pode dizer: às vezes, nas terças-feiras, que continua sendo o único dia da semana no qual o Papa não recebe pessoas e que é usado para escrever e ler documentos, se saía e com um carro se ia esquiar por três ou quatro horas”, disse em entrevista ao canal de televisão Rai 1.

“Em silêncio se saía e se atravessava Roma. Imagina, às seis da tarde como é o tráfico romano. Minha insegurança: seguramente alguém descobre o Papa neste carro. Era um carro anônimo, sem a identificação do Vaticano, mas nunca ninguém o reconheceu”, disse.


O amor de João Paulo II pela neve e pela montanha ficou gravado no centro de esqui Campo Felice, na região italiana de Los Abruzzos, a cerca de 200 quilômetros a leste de Roma, onde atualmente uma pista leva seu nome.

Segundo Paganini, o Karol Wojtyla deixou claro que não se pode eliminar a fé e a cultura do esporte, nem deixar a espiritualidade de lado na hora dos esportes.


Recordou que desde a sua juventude caminhava, andava de bicicleta, jogava vôlei e praticava caiaque, mas gostava muito de esquiar.

“Um homem que sabe viver como João Paulo II a fé, os valores e o esporte faz compreender que o esporte é um ingrediente importante para a formação. O homem de hoje se realiza quando une a atividade física à oração, ao estudo e à cultura”, indicou.

“Não surpreende que um Papa tenha tempo para fazer isto, pensamos que quem produz e ganha dinheiro é importante, absolutamente não. Wojtyla nos ensinou que ter tempo para si mesmo, para praticar esporte, é fundamental para a santidade”, considerou.


Para Claudio Paganini, atualmente o esporte deve aprender que um código de ética não tem muito sentido, que é necessário formar a pessoa globalmente porque um homem bem formado vive o esporte corretamente, mas se carece de valores não pode ser honesto.

Como homenagem ao “Papa peregrino”, o Centro Esportivo Italiano decidiu nomeá-lo “capitão” da edição 2011 da Clericus Cup, a “Copa do Mundo” de futebol exclusiva para seminaristas e sacerdotes, organizada por essa associação com o aval do Vaticano.


Também em entrevista, Kevin Lixey, responsável pelo Escritório Igreja e Esportesda Sé Apostólica, disse que João Paulo II será um beato esportista.

“O mesmo foi um grande esportista, um beato pode fazer esportes, ele mesmo beatificou Pier Giorgio Frassati que escalava montanhas, esquiava; isto é importante para que os jovens saibam que também o tempo livre pode ser um espaço de santidade”, apontou.


Fonte: blog do Carmadélio

.

_____________________________________________________________________

Mesmo em tempos de relativismo e subjetivismo a ciência ainda é apresentada como exceção, ela seria então onipotênte?A única forma de conhecimento que realmente prevelace?

O argumento: ‘O que a ciência não prova não pode ser considerado’ é usado por muitos ateus para tentar “provar” a inexistência de Deus. A falta de prova cietífica seria a “prova” que Deus não existe. Deu pra endenter?

Dizem que a via científica é a única via satisfatória, real, verdadeira e aceitável para se chegar ao conhecimento de qualquer verdade.

Esse tipo de pensamento ainda é muito comum na maioria dos debates sobre fé e razão, sobre  religião e ciência.
Neste vídeo do debate entre Willian Craig e Atkins, vemos a fragilidade da ciência quando tenta se impor como onipotente, capaz de tudo explicar:

.

_____________________________________________________________________