Meditemos com Santo Afonso Maria de Ligório sobre Nossa Senhora e a oração do santo Rosário.

Santo Afonso ensina que o santíssimo Rosário merece ser rezado com respeito e atenção, pois é uma devoção sublime e excelente sob todos os pontos de vista. Tanto que o Rosário foi aprovado pela Igreja, enriquecido de indulgências pelos Sumos Pontífices, e glorificado por Deus com milagres clamorosos.

Meditemos com Santo Afonso Maria de Ligório sobre Nossa Senhora e a oração do santo Rosário.

Nossa Senhora do Rosário

Este Saltério celeste, em razão das orações que o compõem, encerra em si tudo o que há de mais belo e precioso na Igreja Católica. Além disso, a meditação dos mistérios do Rosário eleva o nosso pensamento a Jesus Cristo, que é o centro de nossa fé. Sendo assim, neste mês mariano, – no qual celebramos a festa de Nossa Senhora do Rosário e encerramos o Ano Nacional Mariano – perguntemos a nós mesmos: Qual é a estima que temos para com tão precioso tesouro? Como é que costumamos rezar o Rosário? Continue lendo…

Neste mês de outubro, conheça três bons motivos para repararmos as ofensas cometidas contra o Imaculado Coração de Maria.

Neste mês de outubro deste Ano Mariano especialíssimo, temos pelo menos três bons motivos para que pratiquemos a devoção reparadora das ofensas cometidas contra o Imaculado Coração de Maria. Primeiramente, o próprio mês de outubro – que é um mês mariano no qual celebramos, entre outras festas, a de Nossa Senhora do Rosário, no dia 7, e a de Nossa Senhora Aparecida, no dia 12 – é um excelente motivo para repararmos o Coração Imaculado da Santíssima Virgem.

Neste mês de outubro, conheça três bons motivos para repararmos as ofensas cometidas contra o Imaculado Coração de Maria.

Imaculado Coração de Maria. Foto: Arquidiocese de Assunção.

Em segundo lugar, no dia 11 deste mês encerra-se o Ano Nacional Mariano, instituído pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) em comemoração pelos 300 anos de Aparecida. Por isso, seria uma graça fechar esse ano jubilar com essa devoção. A terceira razão é que, neste ano em que comemoramos os 100 anos das aparições de Nossa Senhora em Fátima, Portugal, no dia 13 deste mês aconteceu a última dessas aparições, o que nos faz recordar a Mensagem de Fátima. Continue lendo…

Saiba se o Rosário ou Terço é uma oração é mariana ou cristológica e como compreender teologicamente essa oração.

Neste artigo, respondemos a mensagem de Paulo Glicério de C. Reis, que tem uma dúvida teológica sobre o Santo Rosário ou Terço Mariano: “Sou da Legião de Maria e do Terço dos Homens e gostaria de saber se a oração do Terço é uma oração mariana ou cristológica”.

Saiba se o Rosário ou Terço é uma oração é mariana ou cristológica e como compreender teologicamente essa oração.

São Domingos recebe o Rosário da Virgem Maria – Catedral de Carlow, Irlanda – Foto de Andreas F. Borchert.

Responder a essa questão nesses dias é muito significativo, tendo em vista que estamos nos aproximando da festa de Nossa Senhora do Rosário e do encerramento do Ano Nacional Mariano. Gostaríamos de dar uma resposta mais breve, mas, devido à complexidade do tema e da ocasião oportuna – pois estamos no mês do Rosário e neste Ano Mariano especialíssimo, no qual celebramos os 300 anos de Aparecida e os 100 anos de Fátima – decidimos responder a questão em três artigos. Neste primeiro, trataremos do Rosário enquanto memorial de Jesus Cristo com a Virgem Maria e como escola mariana de aprendizado da mensagem do Evangelho. Continue lendo…

Neste Ano Nacional Mariano, aprendamos a amar com o Coração Imaculado da Virgem Maria.

A palestra “Aprendendo a amar com o Coração de Maria” foi realizada por Padre Francisco Amaral no dia 06 de Agosto de 2017, no Encontro Arquidiocesano de Catequistas da Arquidiocese de Cuiabá. Este aconteceu na Casa de Missão da Canção Nova de Cuiabá-MT.

Neste Ano Nacional Mariano, aprendamos a amar com o Coração Imaculado da Virgem Maria.

Imaculado Coração de Maria

Padre Francisco Amaral afirma, em sua palestra, que a Igreja é chamada a ser uma Mãe Misericordiosa e pode aprender isso espelhando-se no Amor de Deus e no Amor da Virgem Maria. Continue lendo…

No Concílio Vaticano II, a Virgem Maria é exaltada pela graça de Deus acima de todos os anjos e de todos os homens, logo abaixo do seu Filho Jesus Cristo.

A partir do século XIX, uma grande onda de devoção mariana surge na Igreja. A proclamação dos dogmas marianos da Imaculada Conceição, em 1848, e da Gloriosa Assunção de Maria, em 1950, se dão em um contexto que foi marcado pelos recentes santuários marianos na Europa, particularmente Lourdes e Fátima. Esta onda de devoção esteve ligada a uma das correntes teológicas de mariologia, dita maximalista, que teve influência no Concílio Vaticano II; tendo, porém, que se harmonizar no Concílio com uma teologia renovada, que era emergente (cf. LAURENTIN, 1969, p.11).

No concúiclio Vaticano II, a Virgem Maria é exaltada pela graça de Deus acima de todos os anjos e de todos os homens, logo abaixo do seu Filho Jesus Cristo.

Nossa Senhora, Mãe da Igreja

A corrente teológica que primava pelo maximalismo mariano, via no Vaticano II uma oportunidade para a proclamação de um quinto dogma mariano através do título de corredentora. Uma segunda corrente teológica, emergente no Concílio e ligada à teologia renovada, com ênfase nas fontes bíblico-patrísticas, tendia a preocupar-se mais em purificar abusos ou deturpações na devoção mariana que pudessem prejudicar a ação pastoral da Igreja e o diálogo ecumênico (cf. LAURENTIN, 1969, p.11).

Continue lendo…

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com