Sinal de Consagração a Deus

“Qual o significado do TAU?”

É comum, hoje, encontrar jovens e adultos e mesmo artistas de televisão, usando um adorno chamado TAU. Normalmente é carregado ao pescoço e pode ser de madeira, resina ou metal. Este sinal está ligado à figura de São Francisco de Assis, santo que viveu na Idade Média e que influenciou a vida religiosa de seu tempo e ainda está influenciando a nossa época.

Ele buscou na Bíblia e na Igreja apoio para assumir o TAU como sinal de sua opção pelá vida evangélica.

É bom lembrar que o TAU é a última letra do alfabeto hebraico.

Em Ezequiel, capítulo 9 versículo 4, se fala de uma marca que os justos recebem em sua fronte para serem preservados da punição de Deus. Os que suspiram, desejando o triunfo do bem e não se conformam com o mal praticado no mundo, serão livres do castigo e terão uma particular proteção da Providência Divina. Esta marca com que eles são assinalados é a letra TAU. Ela tem a forma de uma cruz sem a parte superior da haste. Em 1215 o Papa Inocêncio III interpretou o significado do TAU como sinal da pertença a Cristo. “Sede, pois, campeões, do TAU e da Cruz,”, dizia aos cristãos daquele tempo, aproximando o TAU ao símbolo da cruz.

São Francisco que, após sua conversão, cultivava especial devoção à Santa Cruz, adotou-o como sinal de esperança, de fé em Jesus Cristo. Escrevia o TAU nas cartas, nas paredes das moradias dos frades e o recomendava por palavras e por escrito.

Para São Francisco o TAU era lembrança da salvação realizada por Jesus Cristo morrendo na cruz. Indicava o caminho de renúncia para todos aqueles que queriam seguir a Cristo. Era motivo de alegria e ao mesmo tempo, de perseverança no compromisso de seguimento ao Cristo crucificado. Podemos dizer que São Francisco descobriu o TAU uma expressão simbólica de sua espiritualidade.

Surge o questionamento: aquelas pessoas que, atualmente, utilizam o TAU são movidas pelos ideais de São Francisco ou isso é fruto de uma moda?

A impressão que se tem é que a grande maioria traz o TAU em função de um “modismo”. Não faltam, no entanto, irmãos e irmãs franciscanas e outras pessoas de fé engajadas na Igreja, para quais o TAU assume um significado forte e vital.

Seguindo o exemplo de São Francisco, o TAU, para estas pessoas, é símbolo de consagração ao Evangelho. É sinal de uma vida alicerçada na prática do PAZ e do BEM.

 

 

Fonte – O Mensage

 

 

Comments are closed.

Wordpress