“Jesus vê Natanael, que lhe vem ao encontro, e diz: Eis um verdadeiro israelita, no qual não há falsidade.” (São João 1,47)

Neste mundo perdemos nossa autenticidade pela avalanche de tendências e modas que nos envolvem. Na Canção Nova, nosso fundador Mons. Jonas nos conduz a buscar em nossa caminhada este homem novo que é  a restauração de nossa originalidade.

Na comunidade nos damos passos continuamente na busca desta autenticidade. É um percurso duro que fazemos respeitando nosso ritmo, fraquezas e limites. Temos somente uma ordem: “não podemos estacionar neste busca do homem novo a estatura de Cristo.”

Portanto, busquemos em Deus a nossa originalidade para sermos dignos de receber o elogio de Jesus: “Eis um verdadeiro israelita (cristão), no qual não há falsidade.”

Be Sociable, Share!

Nenhum comentário

  1. Pingback: Ademir Costa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *