De cabeça inchada! O meu Santos foi eliminado das Libertadores pelo Corinthians… Mas tomo isto como lição porque é preciso aprender com as derrotas. Elas nos ensinam o caminho da verdadeira humildade.

Nós estamos muitos acostumados e preparados para as vitórias. Mas quando nos vem às derrotas, prostramo-nos por terra. Ninguém gosta de ser derrotado, seja até mesmo em um jogo de dominó. Mas precisamos aprender que a vida não é feita somente de vitórias, é certo que em um dia ou outro seremos surpreendidos com a derrota. O sentimento pós-derrota é de sentimento de frustação, tristeza, vazio, luto…

Mas passado este primeiro momento de frustação, devemos saber tirar lições das derrotas para que no futuro saibamos valorizar as vitórias de nossas vidas. Por fim, as derrotas é um caminho certo para humildade nas vitórias.

Parabéns Gilbertinho pelo seu Corinthians “quase campeão das Américas”, QUASE…

Temos a grande tendência de ficar lembrando somente as coisas ruins de nossas vidas. Mas façamos o exercício de fazer memória das coisas boas que vivemos neste ano. Isto cura nosso coração, aumenta nossa fé, nos aproxima de Deus, porque tocamos no fio de ouro com a qual Deus conduz nossa vida em nossa liberdade.

Em nossa vida existem momentos que são como estacas de Deus à manifestar sua presença em nossa história. temos muitas vitórias em nossas vidas, Deus caminha conosco.

Assim, como relebramos as grandes conquistas de nosso time de futebol, façamos memória das nossas vitórias em Deus, mesmo que talvez vocês esteja sufocado pelas derrotas do tempo presente. Em Cristo somos mais que vencedores, tudo concorre para o bem daqueles que amam a Deus.

Relebremos as conquistas que tivemos neste ano. Temos muito a agradecer e louvar ao Senhor. Talvez não tenhamos muito dinheiro no bolso, nem muita saúde para dar e vender. Mas temos Deus e isso basta…

Desejo um 2012, cheio de conquistas no Senhor…

Nos vemos ano que vem…

“Todo atleta se impõe todo tipo de disciplina. Eles assim procedem, para conseguirem uma coroa corruptível. Quanto a nós, buscamos uma coroa incorruptível.” (ICor. 9,25)

O Segredo para quebrar recordes chama-se ascese.

Um grande exemplo de ascese é dado pelo goleiro Rogério Ceni, que é o goleiro que mais fez gols na história do futebol no mundo, e que há alguns dias atrás fez 100 gols na carreira. Ele tem uma grande disciplina de treinar 50 a 60 faltas após o término dos treinos do time, e assim fazer gols e conseguir todas estas marcas.

Se um belo exemplo de ascese, como este, é capaz de quebrar recordes e marcar a história. Quanto mais nós devemos nos empenhar em uma ascese espiritual que conquista não troféus terrenos, mas a Vida Eterna. Devemos nos empenhar, treinar, esforçar-nos, ir além, rezar, rezar e rezar, criar calos nos joelhos…

“…Quanto a nós, buscamos uma coroa incorruptível.” (ICor. 9,25)