Print Friendly

No livro de Gênesis, capítulo 37, podemos acompanhar toda a história da vida de José. Filho de Jacó concebido na sua velhice. E Jacó amava mais José. Por justamente ser o mais novo, isso causava certa inveja em seu irmãos que a cada dia aumentava.

Quantos de nós também não vivemos situações assim onde somos invejados, mais as vezes também invejamos.e acabamos por falar que é inveja santa. Bom inveja é inveja que se não cortada pela raiz virá ódio.

(Galeria/cancaonova.com)

(Galeria/cancaonova.com)

Mas caminhando aqui na história de José havia uma promessa de Deus na vida dele. E Deus cumpre todas as suas promessas assim, como esta escrito em Jeremias 29,10.

Já no livro dos Números 23, 19 a palavra diz que Deus não é homem pra mentir e nem alguém pra se arrepender o que fala executa e o que promete cumpre. Continue lendo

Print Friendly

 As origens de Jesus no Evangelho de João

A fé cristã professa que Jesus existe desde toda a eternidade ao lado do Pai. Ele é Deus, como o Pai é Deus. Contudo, a união entre os dois não os separa quanto à divindade. Não cremos em três deuses, mas em um só Deus formado por três pessoas divinas. Deus cria por meio de Jesus. A origem da vida está em Jesus, pois ele é o portador da vida.

Imagem 022

“Eu sou a luz do mundo” (Galeria/cancaonova.com)

No princípio era o Verbo, e o Verbo estava junto de Deus e o Verbo era Deus. Ele estava no princípio junto de Deus. Tudo foi feito por ele, e sem ele nada foi feito. Nele havia a vida, e a vida era a luz dos homens. A luz resplandece nas trevas, e as trevas não a compreenderam (Jo 1,1-5).

Por que o apóstolo João afirmou que Jesus é criador, eterno, o portador da vida e a luz? A afirmação de João tem origem nas próprias palavras de Jesus. João narrou certa vez:

Dirigiu-se Jesus para o monte das Oliveiras. Ao romper da manhã, voltou ao templo e todo o povo veio a ele. Assentou-se e começou a ensinar. Os escribas e os fariseus trouxeram-lhe uma mulher que fora apanhada em adultério. Puseram-na no meio da multidão e disseram a Jesus: Mestre, agora mesmo esta mulher foi apanhada em adultério. Moisés mandou-nos na lei que apedrejássemos tais mulheres. Que dizes tu a isso? Perguntavam-lhe isso, a fim de pô-lo à prova e poderem acusá-lo. Jesus, porém, se inclinou para a frente e escrevia com o dedo na terra. Como eles insistissem, ergueu-se e disse-lhes: Quem de vós estiver sem pecado, seja o primeiro a lhe atirar uma pedra. Inclinando-se novamente, escrevia na terra. A essas palavras, sentindo-se acusados pela sua própria consciência, eles se foram retirando um por um, até o último, a começar pelos mais idosos, de sorte que Jesus ficou sozinho, com a mulher diante dele. Então ele se ergueu e vendo ali apenas a mulher, perguntou-lhe: Mulher, onde estão os que te acusavam? Ninguém te condenou? Respondeu ela: Ninguém, Senhor. Disse-lhe então Jesus: Nem eu te condeno. Vai e não tornes a pecar (Jo 8,1-11).

:: Como ler a Bíblia?  Continue lendo

Print Friendly

Rebeldia do adolescente como uma necessidade de se auto afirmar

É muito comum ouvirmos quanto um ou outro adolescente foi rebelde, não é verdade? O problema é que rotulamos sem fazer um esforço para compreender o porquê de tal comportamento.

Todos nós já passamos pela fase da rebeldia, até aqueles que foram os mais quietinhos. A questão é que a sociedade identifica apenas uma forma de rebeldia, o que é uma mentira, pois existem diversas formas, e é isso que vamos tratar aqui hoje:
Na expectativa de viver a passagem de uma identidade reconhecida a partir da identificação dos pais, para uma identidade assumida, independente. O adolescente se lança a diversas experiências.

"Todos nós já passamos pela fase da rebeldia" | (Galeria/cancaonova.com)

“Todos nós já passamos pela fase da rebeldia” | (Galeria/cancaonova.com)

Marino Yela, diz que existe 4 tipos de rebeldia juvenil:

1) Rebeldia Regressiva: “é gerada pelo medo de agir, assumir novas responsabilidades, levando a fechar em si mesmo.” Neste caso encontramos adolescentes que sentem medo desse novo. E que não sabem lidar com a novidade do corpo, das emoções, relações e assim permanece o desejo de continuar a ser criança. Como se fosse uma forma de recusar o adolescente que surge.

Continue lendo

Print Friendly

Entre os dias 16 a 18 de setembro acontecerá na sede da Comunidade Canção Nova Minas, em Belo Horizonte, o Encontro de Cura e Libertação com o tema: “Jesus, o amor que cura”. O evento contará com a presença da missionária Irmã Maria Eunice, padre Ademir Costa, dos cantores católicos Robinho e Octávia.

:: Faça AQUI a sua inscrição

07-Encontro-Cura-01web

Durante o encontro, será trabalhado o livro da missionária Irmã Maria Eunice: “Jesus, o amor que Cura”. Nele, a missionária fala a respeito do poder do Nome de Jesus: “Pronunciar o Nome Jesus. Esta  é uma forma simples de rezar para receber a salvação, a libertação e a cura. Basta dizer, repetir este nome diante do pecado, da tentação, enfermidades e de todas as situações de perigo, para receber auxílio. Dizer este Nome é uma poderosa forma de oração”.

O encontro acontecerá na Avenida Isabel Bueno, 400, no bairro Jaraguá, em Belo Horizonte. Inicia-se na sexta-feira, às 19h30 com a Santa Missa presidida pelo padre Ademir Costa. No sábado (17), retorna a partir das 13h30. No domingo (18), último dia do encontro, começa às 8h.

Irmã Maria Eunice
Membro da Comunidade Canção Nova, estive em uma Congregação Religiosa por 22 anos. Por um chamado especial de Deus à missão direta e o fervor missionário, trocou a vida reclusa do convento pela evangelização no Brasil e no mundo. Tem se dedicado com renovado amor ao Projeto Dai-me Almas, que mantém o Sistema Canção Nova de Comunidade. Atualmente é pregadora da Palavra de Deus, escritora e serva no ministério de cura e libertação.

Cura e libertação
A cura e a libertação são etapas fundamentais no processo de conversão de uma pessoa. Muitas vezes, o simples fato de perdoar alguém, ou se perdoar, é capaz de curar muitas marcas e feridas em nossas vidas.

Esperamos por você!

Print Friendly

Confira, na íntegra, a última pregação do Fábio Lira na Experiência de Avivamento

"É tempo de avançar, não perca tempo"

“É tempo de avançar, não perca tempo”

Print Friendly

Ouça a homilia da Santa Missa com padre Ademir na Experiência de Avivamento

Santa Missa na Canção Nova Minas

Santa Missa na Canção Nova Minas

Print Friendly

Ouça a segunda pregação do missionário da Canção Nova Fábio Lira na Experiência de Avivamento na Canção Nova Minas

 

Print Friendly

Confira, na íntegra, a primeira pregação do missionário da Comunidade Canção Nova Fábio Lira no Encontro “A Experiência do Avivamento”

"Deixe o Avivamento chagar até você!"

“Deixe o Avivamento chegar até você!”