ago 282015
 

PARÓQUIA DOM BOSCO 010915

Canção Nova na Paróquia dia 01/Setembro!

Dia 01/Setembro a CANÇÃO NOVA NA PARÓQUIA São João Bosco!
Teremos a Santa Missa as 20h com Pe Gevanildo, Produtos Canção Nova e o Clube da Evangelização para você fazer sua doação.

Participe conosco!
Paróquia São
João Bosco
Rua Rio Japurá, 1277 – Bairro Alto – Curitiba

 Posted by at 14:18
ago 172015
 

QUARTA, dia 19, o assunto do dia na sua Rádio CN Ctba, é ”CASAIS RECASADOS”!

VOCÊ JÁ OUVIU FALAR SOBRE ”CASAIS RECASADOS”? Não? E ”CASAIS DE 2° UNIÃO”? Já? 

Se você quer saber mais sobre este assunto, não perca, o Especial CN da próxima quarta, dia 19, às 9h30 da manhã

Neste PROGRAMA ESPECIAL vamos esclarecer suas dúvidas a respeito deste TEMA.

No Especial CN deste mês a Rádio AM 13710, recebe o casal Paulo Roberto e Clarice Silva, que fazem parte da Pastoral Familiar da Arquidiocese de Curitiba e exercem a função de casal responsável pelo Projeto Bom Pastor, junto com eles a Rádio CN Nossa Senhora da Luz conta ainda com a participação do Diácono Permanente – Juarez Celso Krum, assessor eclesiástico da pastoral familiar do Regional Sul II da CNBB.

Casais de 2 uniao

Durante a programação especial nossos convidados estarão falando sobre este Projeto Bom Pastor, desenvolvido pela Pastoral Familiar Nacional, que tem como objetivo formar e orientar casais recasados, mais conhecidos como casais de 2° união.

Se você tem dúvidas ou quer saber mais sobre este assunto, não perca o ESPECIAL CN desta quarta-feira, dia 19, à partir das 09h30 na sua Rádio Canção Nova Curitiba, Am 1370!


Participações:

Diácono Juarez Krum – Assessor eclesiástico Pastoral Familiar do Regional Sul II da CNBB

Paulo Roberto Silva– Casal responsável pelo Projeto Bom Pastor

Clarice Silva – Casal responsável pelo Projeto Bom Pastor (Arquidiocese Ctba)

 Posted by at 13:41
ago 172015
 

De 19 a 25 de agosto a CNCtba terá o Cerco de Jericó “Liberta-nos repetindo os Teus milagres” Dn 3,43 . Com Santa Missa todos os dias ás 19h30!

Cerco de Jericó Agosto

Ligue para nós, agende seu horário e venha rezar conosco!

Canção Nova Curitiba
Av. Marechal Floriano Peixoto – 4809
Vila Hauer – Curitiba – Paraná
Fone: (41) 3091 1370

 Posted by at 11:54
ago 162015
 

A Igreja nesse domingo comemora a festividade da bem aventurança de Nossa Senhora.  Na primeira leitura apresenta a arca da aliança que é Maria que trouxe no seu ventre Jesus. O ventre que não provou a corrupção como comenta Padre Pio XII em suas encíclicas. Maria foi assunta e levada aos céus de corpo e alma. Nós também vamos ressuscitar assim como Ela. A segunda leitura de São Paulo, fala que também vamos passar pelo sofrimento se não vivermos com sentido a fé. O céu e a eternidade nos aguarda assim como Maria foi guardada por Deus por ser a escrava do Senhor e isso nos mostra que o caminho do serviço é o caminho para chegar à eternidade.

A família que reza unida tem muito mais força e não é destruída por qualquer vento. Quem não se ajoelha diante de Deus, se ajoelhar diante da vida.

Deus nos chama a servir, porém é preciso que nos esvaziamos de nós mesmos e deixemos que Deus entre e reine em nossa vida. Nos esvaziar através do perdão, diálogo, da compreensão para com os outros que convivemos. O Papa Francisco fala da importância de colocar o coração para rezar unidos em família. Quem reza, tem mais força e as muralhas caem. Quem não se ajoelha diante de Deus, se ajoelha diante da vida. Quando Deus age ninguém pode impedir, o combustível para o milagre é a nossa fé.

Adquira todas as pregações do Encontro de Oração desse final de semana e exercite o amor a humildade e o arrependimento para a cura e derramamento da graças sobre as maldições que derramaram em sua vida!

Ligue em nossa casa de evangelização pelo telefone 41 3091-1370 ou em nossa casa de missão Cancão Nova em Curitiba

Av Marechal Floriano Peixoto 4809 – Vila Hauer

ago 162015
 

Nesta manhã de domingo, Padre Adriano Zandoná, continua as reflexões sobre como alcançarmos a felicidade verdadeira encarando os problemas rotineiros como degraus. O problema prepara pessoas simples para destinos extraordinários e a felicidade é a sabedoria para administrar bem esses problemas.

Os motivos que nos tiram essa felicidade são as cargas das feridas emocionais e afetivas. Os sentimentos inferiores que geram complexos que bloqueiam os avanços da vida de uma pessoa. O indivíduo que vive desta forma sempre se observa de forma pejorativa. Já a afetividade, são as lentes que fazem enxergar o íntimo de nós mesmos. Com as lentes dos afetos machucados nos vemos sempre inferiores. Precisamos ter em mente que a glória de Deus é o ser humano realizado e progredindo, porém, quando presos nas feridas emocionais, não existirá avanço. Os processos que vivemos é a principal causa da formação de personalidade de um ser humano. Em cada estágio da vida desencadeia um processo, principalmente na infância no qual as crianças possuem a necessidade de afeto. Esses pequenos seres têm o filtro moral de se culpar e pegar tudo para elas. Tudo bem quando criança, mais há muito adulto vivendo assim. Precisamos amadurecer nosso registro afetivo e emocional para não vivermos essa “adultecência” devido aos sentimentos de culpas acumulados a partir da infância que em consequência desencadeiam na personalidade da pessoa.

O verdadeira vencedor é aquele que vence a si mesmo. A culpa nos torna pesados e empobrecidos e favorece a auto sabotagem. Precisamos combater o que gera esses sentimos, as raízes. A culpa gera consequências desastrosas gradativas durante a vida porque carregamos muitas coisas desnecessárias no coração. Muitos dos frutos de infelicidade que vivemos é consequência das más escolhas que tomamos.

A maioria desses processos estão em nosso inconsciência, não sabemos o que nos afetou positivamente ou negativamente, mais é preciso identificar, aceitar e aprender mesmo errando. Nada ensina o coração melhor como o erro. Se erramos temos que nos reconciliar com nossos erros, nos julgando com os critérios de hoje e não do passado. É preciso se abrir ao amor e a misericórdia de Deus.

Quando vivemos um sentimento de tristeza aguda ela pode matar a nossa essência e a alma. Não se destrua. Deus quer arrancar as raízes de tristeza que nasce das coisas que não deram certo. Temos que ser mais maleáveis com nós mesmos. Quando Deus quer alguma coisa os obstáculos se tornam degraus. As coisas nem sempre são do jeito que queremos, mais somos o ser humano que Deus quer. O único lugar que a felicidade pode acontecer é em nossa realidade e precisamos assumí-la para viver bem.

Adquira todas as pregações do Encontro de Oração desse final de semana e exercite o amor a humildade e o arrependimento para a cura e derramamento da graças sobre as maldições que derramaram em sua vida!

Ligue em nossa casa de evangelização pelo telefone 41 3091-1370 ou em nossa casa de missão Cancão Nova em Curitiba

Av Marechal Floriano Peixoto 4809 – Vila Hauer

ago 152015
 

A primeira leitura de hoje (Js 24, 14-29) fala de Josué que conduz o povo a maturidade, ensinando os a viver como adultos diante de Deus. O salmo 15 afirma sobre o servir com felicidade sem limites. A palavra nos leva a refletir sobre o poder das escolhas e as consequências que elas geram na vida.

Há coisas que vivermos que não escolhemos, más passamos para que saibamos como reagir diante disso, isso se chama maturidade. A felicidade não depende do dinheiro mais do sentido que fazemos as buscas pessoais de vocação. Não podemos permitir que o coração morra com as más escolhas dos outros, mas nos posicionar diante desses fatos utilizando os como degraus de superação. A felicidade não depende das condições, mais é questão de escolha. É desafiante mais é questão de sabedoria para gerir a vida com a força do Espírito Santo.

Josué desafia o povo a parar de seguir aos falsos deuses e a seguir a Deus. Ele fazia isso porque o povo tem uma tendência a viver no mal. O ser humano tem sede de segurança e de tocar nas coisas, mais Deus veio para salvar, sendo a nossa base de segurança e de fé que vem do alto. Temos a tendência de fazer só nossas vontades e esquecemos de sermos dependentes do alto. Nós criamos uma imagem de Deus que as vezes não é a real. A sede de segurança é falta de fé.

Tem gente que gosta de sofrer. Deus mostra os caminhos e muitas vezes não conseguimos enxergar o que Deus tem para nós. Você precisa ser feliz de dentro para fora. (Pe. Adriano Zandoná).

Podemos escolher o que queremos. Mais não existe vocação feliz sem renúncia. Quem ama não mima, quem ama faz crescer. Deus nos criou para a felicidade que nos faz crescer de dentro para fora assumindo desafios e renúncias da vocação. Ser feliz dá trabalho. Deus nos criou para felicidade. As grandes transformações só acontecem quando passamos pelo fogo dos desafios. Se fugimos continuaremos a mesma coisa por toda a vida, mais se mudamos pelas renúncias e sofrimentos podemos ser felizes e contagiarmos a todos a nossa volta.

Adquira todas as pregações do Encontro de Oração desse final de semana e exercite o amor a humildade e o arrependimento para a cura e derramamento da graças sobre as maldições que derramaram em sua vida!

Ligue em nossa casa de evangelização pelo telefone 41 3091-1370 ou em nossa casa de missão Cancão Nova em Curitiba

Av Marechal Floriano Peixoto 4809 – Vila Hauer