O motivo mais importante é que Jesus Cristo ressuscitou no Domingo, inaugurando a “nova Criação” libertada do pecado. Assim o Domingo (= dominus, dia do Senhor) é a plenitude do Sábado judaico. Sabemos que o Antigo Testamento é um figura do Novo; o Sábado judaico é um figura do Domingo cristão. O Catecismo da Igreja assim explica:

§2175 – “O Domingo distingue-se expressamente do sábado, ao qual sucede cronologicamente, cada semana, e cuja prescrição ritual substitui, para os cristãos. Leva à plenitude, na Páscoa de Cristo, a verdade espiritual do Sábado judaico e anuncia o repouso eterno do homem em Deus. Com efeito, o culto da lei preparava o mistério de Cristo, e o que nele se praticava prefigurava, de alguma forma, algum aspecto de Cristo (1Cor 10,11)”.
Os Apóstolos celebravam a Missa “no primeiro dia da semana”; isto é, no Domingo, como vemos em At 20,7: “No primeiro dia da semana, estando nós reunidos para a fração do pão…” Em Mt 28, 1 vemos: “Após o Sábado, ao raiar o primeiro dia da semana, Maria Madalena e a outra Maria vieram ao Sepulcro…” Em Ap 1, 10, São João fala que “no dia do Senhor, fui movido pelo Espírito…” e a coleta era feita “no primeiro dia da semana” (1Cor 16,2).

Cadastre-se grátis e receba os meus artigos no seu e-mail

A Epístola de Barnabás (74 d.C.) um dos documentos mais antigos da Igreja, anterior ao Apocalipse, dizia: “Guardamos o oitavo dia (o domingo) com alegria, o dia em que Jesus levantou-se dos mortos” (Barnabás 15:6-8).

Santo Inácio de Antioquia (†107), mártir no Coliseu de Roma, bispo, dizia: “Aqueles que viviam segundo a ordem antiga das coisas voltaram-se para a nova esperança, não mais observando o Sábado, mas sim o dia do Senhor, no qual a nossa vida foi abençoada, por Ele e por sua morte” (Carta aos Magnésios. 9,1).


“Devido à Tradição Apostólica que tem origem no próprio dia da ressurreição de Cristo, a Igreja celebra o mistério pascal a cada oitavo dia, no dia chamado com razão o dia do Senhor ou Domingo” (SC 106). O dia da ressurreição de Cristo é ao mesmo tempo “o primeiro dia da semana”, memorial do primeiro dia da criação, e o “oitavo dia”, em que Cristo, depois do seu “repouso” do grande Sábado, inaugura o dia “que o Senhor fez”, o “dia que não conhece ocaso”. (Cat. §1166)

São Justino (†165), mártir, escreveu: “Reunimo-nos todos no dia do sol, porque é o primeiro dia após o Sábado dos judeus, mas também o primeiro dia em que Deus, extraindo a matéria das trevas, criou o mundo e, neste mesmo dia, Jesus Cristo, nosso Salvador, ressuscitou dentre os mortos“ (Apologia 1,67).

São Jerônimo (†420), disse: “O dia do Senhor, o dia da ressurreição, o dia dos cristãos, é o nosso dia. É por isso que ele se chama dia do Senhor: pois foi nesse dia que o Senhor subiu vitorioso para junto do Pai. Se os pagãos o denominam dia do sol, também nós o confessamos de bom grado: pois hoje levantou-se a luz do mundo, hoje apareceu o sol de justiça cujos raios trazem a salvação.” (CCL, 78,550,52)

Desta forma a Sagrada Escritura e a Sagrada Tradição da Apostólica nos mostram porque desde a Ressurreição do Senhor a Igreja guarda o Domingo como o Dia do Senhor.

Prof. Felipe Aquino

21 Comentários

  1. Não é uma pergunta difícil de responder:A Igreja guarda o dia de Domingo,pois esse é o dia da Ressurreição de Cristo.O dia sagrado da Antiga Aliança era o Sábado,e o da Nova Aliança é o Domingo.Há alguns grupos cristãos que guardam o Sábado,mas isso é influência dos judaizantes.São Paulo vivia discutindo com cristãos de origem judia que forçavam os cristãos de origem pagã à seguir a Lei de Moisés.

  2. Alex A. Borges

    O Papa João Paulo II dedicou uma encíclica inteira ao Domingo. Chama-se Dies Domini ( O Dia do Senhor).

  3. Edem de Almeida

    Vale a oportunidade da citação do Prof. Felipe da obra de São Justino para mostrar como a Missa dos primeiros cristãos e a nossa Missa de hoje são idênticas(quando a comunidade não resolve inventar coisas para torná-la “mais legal”).

    A nossa unidade católica também diz respeito não só à mesma fé, mas na forma de expressar essa mesma fé, no tempo e no espaço:

    “No chamado dia do Sol (domingo), reúnem-se em um mesmo lugar todos os que moram nas cidades ou nos campos.

    Lêem-se as memórias dos apóstolos ou os escritos dos profetas, na medida em que o tempo permite.

    Terminada a leitura, aquele que preside toma a palavra para aconselhar e exortar os presentes à imitação de tão sublimes ensinamentos.

    Depois, levantamo-nos todos juntos e elevamos as nossas preces; como já dissemos acima, ao acabarmos de rezar, apresentam-se pão, vinho e água. Então o que preside eleva ao céu, com todo o seu fervor, preces e ações de graças, e o povo aclama: Amém. Em seguida, faz-se entre os presentes a distribuição e a partilha dos alimentos que foram eucaristizados, que são também enviados aos ausentes por meio dos diáconos.

    Os que possuem muitos bens dão livremente o que lhes agrada. O que se recolhe é colocado à disposição do que preside. Este socorre os órfãos, as viúvas e os que, por doença ou qualquer outro motivo se acham em dificuldade, bem como os prisioneiros e os hóspedes que chegam de viagem; numa palavra, ele assume o encargo de todos os necessitados” (Justino – I Apologia Cap. 66-67 : PG 6,427 – 431).

    “Designamos este alimento eucaristia. A ninguém é permitido dele participar, sem que creia na verdade de nossa doutrina, que já tenha recebido o batismo de remissão dos pecados e do novo nascimento, e viva conforme os ensinamentos de Cristo. Pois não tomamos estas coisas como pão ou bebida comuns; senão, que assim como Jesus Cristo, feito carne pela palavra de Deus, teve carne e sangue para salvar-nos, assim também o alimento feito eucaristia (…) é a Carne e o Sangue de Jesus encarnado. Assim nos ensinaram.” (Primeiro livro das Apologias de Justino, pag. 65-67.)

  4. queria pedir uma oração, pra familia stabile aqui de cambé, ja fui varias vezes a canção nova, e pretendo ir demais vezes, acho a canção nova um pedaçinho do céu.
    muito obrigado.

  5. EUDES MEDEIROS

    Apocalipse 14: 12 Aqui esta a perseverança dos santos os que guarda os mandamentos de DEUS (Não de Moises) e a fé em Jesus.
    I João 2:4 Aquele que diz, eu o conheço (JESUS) e não guarda os seus mandamentos e mentiroso e nele não esta a verdade

  6. Meyre Helen

    Amado preofessor sou e amo ser católica e sempre tive dúvida com relação ao sábado e sempre catequese nos explicou que era no antigo testamento e que na pascoa se instituiu domingo como dia do Senhor,só que ao le Issaias 66:22-24 e tb Hebreus 4;4-6 senti dúvida e pedi discernimento ao Espírito Santo,queria uma interpretação deste dois livros que li.Assito sempre Canção Nova;

  7. Pingback: Juventude Ativa!

  8. jeferson de oliveira costa

    olá Prof. como vai? Antes de mais nada deixo aqui meus sinceros votos de respeito por sua busca sincera pela verdade.

    gostaria q o senhor me ajudadasse a entender de que A Escritura Sagrada está tratando em Ap 17, e Dn 7,24

    Grato.

  9. É uma pena que tantos se enganem. Jesus veio ao mundo para dar exemplo da Lei e não para mudá-la. Os 10 mandamentos foram escritos pelas mãos do Deus Pai, são imutáveis, e Jesus veio dar o exemplo de como o sábado deveria ser guardado.
    Ele foi morto numa sexta, DESCANSOU no sábado, e ressuscitou no domingo.
    Se o sábado tivesse sido abolido, o que explica que os apóstolos continuaram guardando o SABADO após a morte de Cristo??
    É fácil um padre escrever um texto defendendo o domingo usando passagens de textos católicos e da biblia católica.
    Se lerem a bíblia original, JAMAIS encontrarão UM verso que altere qualquer um dos 10 mandamentos de DEUS.

  10. Ricardo Campos

    Na onde, em toda a bíblia se faz referencia do Domingo como dia sagrado, santificado por Deus??
    Creio na Bíblia, os Dez mandamentos não são escritos por Homem, o Próprio Deus os escreveu em tábuas de pedras, não foram por mãos humanas como presume o irmão Eudes.
    Sábado sempre foi e pra Sempre será dia de Santificado por Deus!!
    Que Deus possa iluminar a todos e abrir-lhes o Coração!!

  11. Na minha opinião Jesus ressucitou no domingo justamente para guardar o sábado!

  12. Na minha opniao nos devemos guardar o sabado e nao o domingo por que em Mateus 5:17-18 diz: Nao penseis que vim revogar a Lei ou os profetas; nao vim para revogar, vim para cumprir.por que em verdade vos digo:ate que o ceu e a terra passem, nem um i ou um til jamais passara da Lei que tudo se cumpra. Voce pode ver tambem no livro de Exedo20. Nos dez mandamentos da igreja catolica diz que os mandamentos foram escritos pelo dedo do homem, e o santo Agostinho foi quem dividio o desimo mamdamento em dois e tiraram o sabado e como houvi a divisao ficou igual.Nòs Adventistas do Setimo dia temos a Bíblia como nosso proprio guia

  13. Na nova aliança não guardamos mais um dia,seja sábado ou domingo,mas todos os dias. Consagramos portanto todos os dias ao Senhor.

  14. gostei muito dessa página me ajudou bastante

  15. irmão venho lhes falar pois esta na biblia lucas 4;16 fala sobre o costume de nosso SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTRO,o sabado é o dia do SENHOR e tambem em lucas 23;56 fala sobre o sabado ,quem mudou o sabado para o domingo foi um imperador romano, sem contar que ele que colocou imagens na igreja, sendo assim o 2°mandamento fala sobre imagen de escultura.
    que o espirito santo ilumine todos pois o sabado é o dia do senhor

  16. NO LIVRO DE DANIEL VEM ABORDANDO UMA PROFECIA,IRIAM MUDAR OS TEMPOS EA LEI.AGORA ME RESPONDAM;NÃO MUDARAM OS TEMPOS E AS LEIS?MUDARAM E VOU PPROVAR,MUDARAM O SABADO EOS CALENDARIOS O DOMINGO SENDO O PRIMEIRO DIA DA SEMANA VEM SENDO O SÉTIMO,AGORA PENSEM NÃO FOI O QUE ACONTECU?O PROPIO SENHOR FALOU NÃO VIM ABOLIR VIM CUMPRIR.ERRAIS POR NÃO ESTUDAR AS ESCRITURAS. E TAMBEM CONHECEREIS A VERADE E A VERDADE VOS LIBERTARÁS

  17. Ok estão falando do domingo e citando cada coisa que pessoas escrevem, porém não existe dentro das Escrituras Bíblicas (falo da versão original e não adulterada) nenhuma menção sequer de que Deus tenha mudado o dia de guarda. Inclusive, em Mat. 5:17 e 18 Jesus deixa claro que nem ele mudaria a Lei. Em Jo 14:15 está escrito: Se me amais guardareis os meus mandamentos, ainda em Jo 15:10 diz: “Se guardares os Meus mandamentos, permanecereis no Meu amor; assim como também Eu tenho guardado os mandamentos de Meu Pai e no Seu amor permaneço.” Os 10 mandamentos está no livro de Exodo 20 leiam e vejam quais mandamentos Jesus estava falando e que guardou aqui na terra!

  18. Pingback: Vanessa Abreu

  19. O sábado como eu disse, já existia antes dos mandamentos… Vejamos a razão do sábado estar entre os mandamentos: « Recorda-te de que foste escravo do país do Egipto, donde o Senhor, teu Deus, te fez sair com mão forte e braço poderoso. É POR ISSO que o Senhor, teu Deus, te ordenou que guardasses o dia de Sábado » (Dt 5,15)…. Agora,depois que passou-se a sombra do que havia de vir, a realidade é CRISTO!… O fato é que Deus escolheu o domingo, o fato é que Deus fez a verdadeira libertação no domingo, ao ressuscitar… e o fato é que a criação bela e perfeita como Deus a sonhou, foi consumada no domingo, na salvação, na ressurreição!… Isto complementa o que eu disse anteriormente!..

  20. É por isto que o TESTEMUNHO dos PRIMEIROS CRISTÃOS citados no artigo do Prof Felipe são a realidade toda do cristianismo primitivo à respeito do dia do Senhor(Domingo)… Iluminados pelo Espírito Santo que Jesus prometeu, eles notaram esta bela e magna realidade dominical. ;D

  21. Guarda o Domingo porque se rebelaram contra Deus, Seguem o que foi determinado por um homem, Constantino, 400 dc.

  22. Se este é um site católico o que as pessoas de outras religiões vem discutir, isto é o que cremos, ponto e acabou se vcs não concordam não criticam.
    E mais uma coisa os adventistas não fazem nada aos sábados, mas lembre-se JESUS fez milagres no sábado. Sem mais!!

  23. Podemos discutir tanto sobre estas duas realidades Sábado ou Domingo, sobre a violação ou não dos mandamento, o que é certo é que apegando-se cada um nos argumentos que as suas bases doutrinais fornecem nunca chegaremos a consenso e também acredito que não foi este o objectivo do Professor Filipe, convencer ou mudar o coração dos irmãos que têm o Sábado como o dia reservado para adorar a Deus. O professor Filipe quer de modo substancial ajudar aos próprios Católicos melhir entenderem a razão de guardarmos o Domingos e todos outros dias, pois os católicos louvam a Deus 24 sobre 24 h, tem missas todos os dias, pois todos os dias pertencem a Deus.
    Usando como fundamento do nosso argumento as Sagradas escrituras, quando Jesus resumiu os dez mandamentos deu prioridade a amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos (Mc. 12:28-34): Jessus não colocou no seu resumo ao dia em que Deus deveria ser adorado. E o que é ainda mais interessante é que o mais importante não é o dia em que adoramos a Deus, mas sim como adoramos e como vivemos Deus no nosso dia dia. Pois disse Jesus nem todo aquele que me diz Senhor, Senhor entrará no reino dos ceus (Mt 7:21-23). Ainda seria interessante ver como é que Jesus guardava o descanso do Sábado, Ele ia à Sinagoga, cura dentro da sinagoga, permitia que os seus discípulos colhessem trigo, etc. Portanto, não façamos da religião um campo de batalha e nem utilizemos a bíblia como uma arma com qual devemos matar as outros filhos de Deus. Deus é Pai para todos nós, Deus é misericordioso. Não jugueis para não serdes julgados (Mt 7:1), e S.Paulo nos pede para não julgarmos antes do tempo, o único juiz e o Senhor 1Cor 4:1-5).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>