AUTOCONHECER

Ovulação: um sinal de saúde da mulher

O Método de Ovulação Billings™ ensina a mulher a se autoconhecer

 O Método de Ovulação Billings™ ensina a mulher a se autoconhecer, aprendendo a ler os sinais naturais de seu corpo, que refletem a sequência das mudanças hormonais do ciclo menstrual.

Qualquer mulher pode adquirir esse conhecimento, pois o método é simples e não tem qualquer contraindicação. Além disso, não interfere nas funções naturais do próprio corpo e não provoca danos à saúde.

Mob saúde reprodutiva do homem e damulher

 

O conhecimento dos sinais de fertilidade ou infertilidade deveria estar disponível para todas as mulheres, mas, infelizmente, muitos médicos ginecologistas desconhecem o método. Além disso, a indústria farmacêutica que lucra muito com a venda dos contraceptivos, também não tem interesse nenhum na difusão do conhecimento desse método.

Conhecimento da fertilidade 

O conhecimento da fertilidade é útil para ajudar a mulher a identificar os diferentes estágios de seu ciclo da vida reprodutiva. Uma mulher saudável tem ovulações frequentes, qualquer alteração na ovulação pode ser rapidamente identificada, sendo esse conhecimento uma ferramenta preciosa para ajudar a mulher a identificar doenças ginecológicas, problemas de ordem endocrinológica, metabólica ou infecções.

Quando uma mulher se queixa de anormalidades menstruais, ensiná-la a observar seus sinais de fertilidade pode ser o primeiro passo para habilitar o seu médico para descartar alguns problemas, como o aumento da insulina, que pode ser sinal de diabetes. Mulheres que conhecem seus padrões de fertilidade e infertilidade serão capazes de verificar se o tratamento para suas disfunções endocrinológicas está funcionando.

É possível ainda saber quando ocorreu a gravidez, antes de ser detectada através dos exames atualmente disponíveis. Então, caso ocorra alguma complicação no início da gestação, como um sangramento, a detecção precoce pode ajudar a impedir um aborto espontâneo, por exemplo.

Regular o ciclo menstrual através dos gráficos oferecidos pelo método, permite que a mulher saiba não apenas quando há a fertilidade ou não, mas também conheça informações sobre o seu padrão de ciclo e função ovariana. As doenças, o quanto antes diagnosticadas, mais facilmente são tratadas. Assim, se a jovem adolescente aprende a conhecer o seu corpo desde cedo, pode identificar logo algum sinal de mal funcionamento, podendo corrigi-lo antes que cause maiores problemas.

Educação Sexual

Além disso, programas de educação sexual que envolve o Método de Ovulação Billings demonstram uma grande diminuição no índice de gravidez na adolescência. Esses programas mostraram uma demora maior na iniciação sexual e a descontinuidade de atividade sexual em adolescentes já sexualmente ativos, o que é importante para a prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e gravidez.

Portanto, o conhecimento sobre a fertilidade adquirido através da auto-observação é um instrumento de valor incalculável para as mulheres que querem alcançar e manter um sistema reprodutivo saudável. A identificação das causas de anormalidades no ciclo menstrual pode indicar qual é a razão da existência da maior parte das desordens de fertilidade. O diagnóstico precoce dessas alterações, que pode ser alcançado através do conhecimento da fertilidade, não apenas poderá curar esses problemas de fertilidade, mas também, pode ajudar no diagnóstico e tratamento de outras doenças, tais como problemas endocrinológicos e metabólicos, alterações anatômicas, doenças inflamatórias pélvicas e até neoplasias.

Fabiana Azambuja, casada, mãe de quatro filhos, missionária, da Comunidade Canção Nova e Instrutora do Método de Ovulação Billings.

Comments

comments