Meio século depois do martírio de Santo Inácio de Antioquia, foi a vez do seu amigo São Policarpo (†155), bispo de Esmirna, na Ásia Menor, hoje Turquia, experimentar o mesmo sacrifício no tempo de Antonino Pio. Foi discípulo de São João em Éfeso, cidade próxima de Esmirna, e martirizado aos oitenta e seis anos. Seu martírio ficou muito bem documentado na carta que a comunidade de Esmirna enviou aos irmãos da Frígia a pedido destes.

Vejamos a narração do seu martírio por seus contemporâneos. No ano 155 doze cristãos de Esmirna foram presos e julgados. Apenas um não deu prova de fé admirável. Um deles, em pleno interrogatório chegou a bater no procônsul. A multidão enfurecida pediu a morte de todos, especialmente a de Policarpo. Vejamos o relato da Carta circular da igreja de Esmirna: More »

D. Estevão Bettencourt, osb, monge beneditino falecido, respondeu essa pergunta em um dos seus artigos da Revista: “PERGUNTE E RESPONDEREMOS” (Nº 6, Ano 1958, Página 223). Aqui coloco um resumo do seu artigo.

Ele explica que o milagre propriamente dito “é um fenômeno estranho ao curso natural das coisas, fenômeno que Deus produz como sinal da sua presença e ação neste mundo. É sempre um testemunho que Deus dá em favor de uma verdade ou de uma pessoa. Em consequência, escapam à qualificação de “milagre” certos fatos que, embora sejam admiráveis, não têm significado religioso, não elevam a Deus, mas, ao contrário, só servem para satisfazer ao capricho ou à vaidade de alguém. Quando Deus efetua prodígios o faz sempre a fim de chamar a atenção do homem para algum dos atributos divinos”. More »

Cuidado com a agenda cheia!

Um dos motivos que podem nos levar ao desânimo espiritual é o ativismo no apostolado, ou seja, o acúmulo de tarefas e funções dentro ou fora da Igreja.

Muitas vezes é um orgulho solerte que nos faz mergulhar no ativismo, mais do que o amor realmente a Jesus, à Igreja, e a salvação das almas. Talvez possa ser até um desejo não percebido, às vezes até inconsciente de se destacar. More »

O site forumlibertas.com, publicou em 16 de abril de 2007, declarações de 13 grandes líderes judeus em defesa do grande Papa Pio XII, acusado injustamente por muitos de ter sido omisso na defesa dos judeus diante de Hitler. Na verdade a Igreja, por orientação do Papa, agindo de maneira diplomática, conseguiu salvar cerca de 800 mil judeus de serem mortos pelos nazistas.

Segundo o site citado, essas declarações desmentem esta calúnia que foi fortemente propagada pelos adversários da Igreja católica. Elas começaram com a propaganda comunista nos anos 60 e se transmitiram pela “nova esquerda” por toda a Europa, junto com a obra financiada pela União Soviética “O Vigário”, de Huchhoth. Nela se baseia o filme “Amém”, de Costa-Gavras. More »

Para os exercícios espirituais da Quaresma a Igreja recomenda o jejum, a esmola e a oração, além de outras práticas como a meditação da Palavra de Deus, a Via Sacra, as peregrinações aos santuários, a Confissão, etc…

Sem oração é impossível caminhar na fé e fazer a vontade de Deus. Ela é a nossa força; por ela os santos chegaram à santidade; e, sem ela ninguém experimentará a glória e o poder de Deus. O Senhor Jesus nos manda “orar sempre sem jamais deixar de fazê-lo” (Lc 18,1), e São Paulo nos recomenda: “Orar sem cessar” (I Tess 5,17). Jesus foi muito claro, “Sem Mim nada podeis fazer” (João 15,5). More »