Com um rosto sorridente, o homem duplica as capacidades que possui.

Esta é uma receita espiritual para quem quer vencer, em Deus, todas as suas tristezas; não guardá-las consigo, nenhuma, entregar todas a Deus, de verdade.

Se você quer ser feliz, então, proíba a si mesmo de cultivar a tristeza, se mostrar de rosto triste e mal-humorado. More »

“Quando dava a Sagrada Comunhão, aquele sacerdote tinha vontade de gritar: aí te entrego a Felicidade!” (Forja, nº 267).

“Não abandones a visita ao Santíssimo. – Depois da oração vocal que tenhas por costume, conta a Jesus, realmente presente no Sacrário, as preocupações do dia. – E terás luzes e animo para a tua vida de cristão” (Caminho, nº 554).

“Quando te aproximares do Sacrário, pensa que Ele… há vinte séculos que te espera” (Caminho, nº 537). More »

Deus é ciumento!

Ele disse a seu povo no deserto: “Não te prostrarás diante desses deuses nem lhes prestarás culto, pois Eu Sou o Senhor teu Deus, um Deus ciumento” (Ex 20,25).

O que Deus quer é o nosso coração, nada mais. Ele não quer nos dividir com ninguém e com nenhuma coisa. Ele nos dá tudo: a vida, a saúde, o alimento, os bens, esposa, filhos, casa, carro… mas quer que só nos apeguemos a Ele; porque Ele nos fez para Ele, por amor, para ser feliz Nele, pois só Ele pode satisfazer os anseios infinitos de nosso coração inquieto. More »

idosos1Qualquer que seja o nosso estado de vida, podemos ser felizes se vivermos em Deus e para Deus!

Fiquei viúvo há três anos. Nunca antes eu tinha pensado como seria a minha vida sem minha esposa, depois de 40 anos de casados e quatro de namoro e noivado. No final de sua vida ela me disse que tinha medo de me deixar sozinho… More »

homemsolliberdadeO que é ser livre? É fazer tudo o que quero?

A maior aspiração do ser humano é a felicidade. E isto é consequência natural de termos sido criados à “imagem e semelhança” (Gen 1,26) de Deus, para participar de sua vida bem-aventurada. O Catecismo, no primeiro parágrafo, afirma:

“Deus, infinitamente Perfeito e Bem-aventurado em si mesmo, em um desígnio de pura bondade, criou livremente o homem para fazê-lo participar da sua vida bem-aventurada”(n.1). More »