Pentecostes… tempo maravilhoso que, junto com o Natal e Páscoa alicerçam nossa fé…
A passagem que relata o momento de Pentecostes, At 2,1-11, diz que estavam todos reunidos: os apóstolos, já com Matias, substituindo Judas, e Maria.
Eles estavam amedrontados, pois já não tinham a presença de Jesus. Imagino que estavam como que sem saber o que fazer pois seu Mestre, que tinham a seu lado diariamente, por 3 anos, havia sido crucificado. More »

O medo sumiu… Foi essa experiência vivida pelos apóstolos e Nossa Senhor em Pentecostes… Sabiam agora que estavam com o Senhor, não mais fisicamente, mas espiritualmente, mas foi o Espírito Santo que concretizou essa certeza. A Promessa de Jesus se cumpre na vida deles.

Vejo que nós, nesse momento que vivemos, também somos convidados a deixar o Espírito Santo concretizar em nós a certeza de que não estamos sozinho. Jesus está conosco. Podemos, como Pedro, proclamar a Boa Nova, sem medo, mas precisamos ter a experiência com o Espírito. More »

Passei pela Dutra, por esses dias, e olhando para o Rio Paraíba do Sul, percebi que estava bem raso, e podia se ver as pedras, que sempre ficam submersas. Vendo as pedras, reparei que elas não possuem pontas, arestas, mas, ao contrário, são abauladas… Somente a água, que passa dia-e-noite, faz esse formato abaulado nas pedras. Ela tira as arestas, as partes pontiagudas das pedras. O único trabalho da pedra para ser abaulada é deixar a água passar constantemente por ela, dia e noite, por anos… More »

Embriagar no EspíritoNão é de hoje que sabemos da capacidade que o vinho tem de embriagar uma pessoa. É interessante pois a pessoa vai bebendo e, sem se dar conta, fica totalmente embriagada. Sai de si. O vinho tem a capacidade de nos tirar de nós mesmos, de nos tirar a consciência, transformando a nossa maneira de falar, de sentir e andar. Até a consciência das atitudes é perdida. More »

TemperançaComo são palavras parecidas, não é verdade? Mas têm sentidos bem diferentes:

=> Sentir: Perceber por meio dos sentidos

=> Consentir: Dar consenso ou aprovação a; permitir; admitir; tolerar; Dar ocasião a; tornar possível

Quando você sente algo, especificamente com relação aos relacionamentos, vontades, anseios e outras questões relacionadas a atitude, existe um intervalo entre esse SENTIR e o CONSENTIR.

O Catecismo da Igreja Católica nos fala sobre a Temperança, uma das 4 virtudes cardeais, dizendo-nos o seguinte no parágrafo 1809: More »