Se para os Judeus o local onde foi construído o Templo de Salomão é um local sagrado, para os muçulmanos também é.

Muro das Lamentações - Jerusalém

Muro das Lamentações – Jerusalém

Para os judeus é considerado sagrado, pois foi onde Abraão construiu um altar para oferecer Isaac em sacrifício ao Senhor. E para os muçulmanos é considerado sagrado, pois acredita que o profeta Maomé subiu aos céus por meio de uma carruagem de fogo.

Ambos têm este local como sagrado, mas hoje o templo pertence a fé islâmica.

Este templo é conhecido como Domo da Rocha e Cúpula Dourada, uma Mesquita construída que é frequentada pelos muçulmanos.

Jerusalém

Domo da Rocha ou Cúpula Dourada – Jerusalém

Já para os judeus restou uma parte do muro ocidental, o Muro das lamentações local onde eles oram e choram pela destruição de seu Templo.

O Judaísmo é uma das mais antigas religiões abraâmicas. O significado do termo judeu quer dizer “Filhos de Judá ou hebreus”.

Em frente a este muro os judeus fazem suas cerimônias, suas comemorações e deixam os seus pedidos de oração.

Os homens ficam em oração separados das mulheres. Eles à esquerda e as mulheres à direita.

Os pedidos de oração são colocados no Muro das Lamentações - Jerusalém

Os pedidos de oração são colocados no Muro das Lamentações – Jerusalém

Mulheres e homens rezando diante do Muro das Lamentações

Mulheres e homens rezando diante do Muro das Lamentações

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *