Deus que escolheu o caminho da Cruz para nos salvar

Mas que sentido tem exaltar a Cruz?

Bento XVI, Angelus, 17 de Setembro de 2006

A tradicional imagem da Crucifixão representa a Virgem Maria aos pés da Cruz, segundo a descrição do evangelista João, o único Apóstolo que permaneceu junto de Jesus agonizante. Mas que sentido tem exaltar a Cruz? Não é talvez escandaloso venerar um infamante patíbulo? Diz o apóstolo Paulo: “Nós anunciamos Cristo crucificado, escândalo para os judeus e loucura para os pagãos” (1 Cor 1, 23).

Os cristãos, porém, não exaltam uma cruz qualquer, mas aquela Cruz que Jesus santificou com o seu sacrifício.

Imagem ilustrativa - Arquivo/Canção Nova

Imagem ilustrativa – Arquivo/Canção Nova

Os cristãos, porém, não exaltam uma cruz qualquer, mas aquela Cruz que Jesus santificou com o seu sacrifício, fruto e testemunho de imenso amor. Sobre a Cruz Cristo derramou todo o seu sangue para libertar a humanidade da escravidão do pecado e da morte.

cadastre-se grátis e receba todas as novidades do blog por e-mail

Portanto, de sinal de maldição, a Cruz foi transformada em sinal de bênção, de símbolo de morte em símbolo por excelência de Amor que vence o ódio e a violência e gera a vida imortal. “O Cruz, ave spes unica! Ó Cruz, única esperança”. Assim canta a liturgia. Narra o evangelista: aos pés da Cruz estava Maria (cf. Jo 19, 25-27). A sua dor forma uma só coisa com a do Filho. É uma dor cheia de fé e de amor. A Virgem no Calvário participa do poder salvífico da dor de Cristo, unindo o seu “fiat”, o seu “sim”, àquele do Filho. Caros irmãos e irmãs, espiritualmente unidos a Nossa Senhora das Dores, renovamos também nós o nosso “sim” ao Deus que escolheu o caminho da Cruz para nos salvar. Trata-se de um grande mistério que está ainda em acto, até ao fim do mundo, e que pede também a nossa colaboração. Maria nos ajude a tomar cada dia a nossa cruz e a seguir fielmente Jesus no caminho da obediência, do sacrifício e do amor.   Fonte: http://www.vatican.va/

Leia outras reflexões espirituais

Comments

comments