A mulher de valor

A mulher de valor, quem a encontrará?

Ela é muito mais preciosa do que as jóias.

Seu marido confia nela plenamente e não precisa de outros recursos.

Ela lhe proporciona sempre alegria, nunca desgosto, todos os dias de sua vida.

Abre suas mãos ao necessitadoe as estende para o pobre.

Fortaleza e dignidade são seus adornos; ela sorri para o futuro.

Abre a boca para a Sabedoria, e uma instrução bondosa está na sua língua.

São muitas as mulheres de valor, mas tu ultrapassaste todas!

O encanto é enganador e a beleza, passageira; a mulher que tem o Senhor, essa sim merece elogios!

 

Em todos os tempos, anos, meses, dias, lemos ou ouvimos algo sobre a mulher e seu papel na sociedade, o que é importante a nível moral e social, mas esta partilha é sobre quem somos sob o olhar do nosso Criador.

O primeiro passo é se questionar:

“Como vai o meu relacionamento com Deus?

Porque isso é importante?

Porque nesse relacionar-se está a vertente do nosso coração feminino, fomos criadas dentro de uma singeleza, com dons únicos, de uma beleza interna que foi traduzida na vida da Virgem Maria, aquela que foi cheia de graça.

 

Poderíamos partilhar aqui todos os dons que trazemos, mas hoje se trata de falar de como somos amadas pelo Senhor, ao escutar a palavra de Deus, tocar como Jesus em todas as circunstâncias nos traz para perto do Pai; de constatar que não é o que fazemos para o Senhor e sim de quem somos para Ele: únicas, irrepetiveis, valorosas, que precisa de cuidados e proteção.

 

Talvez no jardim de nossa existência, tenhamos percorridos caminhos, que apesar dos acontecimentos floridos, esbarramos em espinhos que nos feriram, levando diante da dar a ficarmos confusas , como naquela manhã da ressurreição de Jesus, que estava lá, para acolher e dar direção.

 

Os acontecimentos presente que envolvem todo o nosso ser feminino, sejam eles bons ou rins, não se comparam ao que o Pai tem para nós e para a vida eterna.

 

Sejamos neste dia, agradecidas ao Senhor, por ter nos criado mulher, filha do altíssimo. E com o coração cheio de ternura, ofertemos a nossa feminilidade, a beleza interna e externa,  com o dom particular que cada uma traz;

Tornando o mundo mais orante, mais sereno, mais belo, mais servidor, repleta de perdão e conciliação.

 

Nossa Senhora nos conduza na jornada da existência.

 

Feliz vida!

Feliz graça se ser mulher…


Adailton Batista é natural de Janaúba (MG). Membro da Comunidade Canção Nova, desde o ano de 2009, o missionário é graduado em Jornalismo. É também autor do blog.cancaonova.com/metanoia. Um apaixonado pela evangelização e utiliza de todos os meios digitais possíveis para promover experiência pessoal com Cristo. Resultado de imagem para favicon instagramResultado de imagem para favicon twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

comentários