Carta a Tito > Leitura #290

Cuidado com as Fábulas

Cuidado com as fábulas. Elas podem confundir as pessoas que tem fé e desencaminhá-las da igreja. Suas mentiras são tão nocivas que seria melhor ser surdo.

 

“É preciso fechar-lhes a boca.”

Dureza e energia nas palavras de Paulo quanto aos falsos mestres. E tem que ser assim mesmo! Não se pode admitir que alguém da comunidade cristã ensine heresias ou qualquer outra coisa que não esteja de acordo com a tradição apostólica na transmissão do Evangelho. É, de fato a contaminação doutrinal quem realiza a confusão na fé da comunidade que fica vulnerável aos ensinamentos de quem se deixa levar por ela.

As fábulas ‘religiosas’ e os ‘preceitos mundanos’ são os vilões de sempre contra a fé da Igreja pelos séculos. Atacaram e sempre atacarão de uma forma ou de outra. Jesus, porém nos garantiu que a Igreja não sucumbirá a elas, mas permanecerá fiel graças a ação poderosa do seu Senhor e da militância dos homens e mulheres de Deus.

Leia o trecho em Tt 1, 10-16

Na bíblia cnbb página 1471

Título: Os falsos mestres

Ordens

Tt 1, 11a

É preciso fechar-lhes a boca.”

Tt 1, 13-14

Este testemunho é verdadeiro, então repreende-os severamente para que sejam sãos na fé e não deem ouvidos às fábulas judaicas , nem a preceitos de pessoas que voltam as cosas à verdade.”

Princípio Eterno

Tt 1, 15-16

Para os puros, tudo é puro, mas para os impuros e incrédulos, nada é puro; até o seu pensamento e a sua consciência estão manchados. Confessam que conhecem a Deus, mas o negam com seus atos. São pessoas abomináveis, rebeldes e incapazes de qualquer boa obra.”

Qual a mensagem de Deus para mim hoje?

É preciso defender a fé Católica, cristã. Não permitir que alguém ensine palavras estranhas aos irmãos na fé, antes, denunciar.

Como posso pôr isso em prática?

Atenção à Palavra pregada na Igreja e atitude de repreender quando necessário.