Evangelho de São Lucas > Leitura #296

A solidez da nossa fé

A solidez da nossa fé não está apenas na sagrada escritura, mas num tripé bem definido e seguro da fé católica; magistério, tradição e escritura. Todos sagrados.

Para que conheças a solidez dos ensinamentos que recebeste.”

São Lucas escreve a Teófilo, as coisas do início, estudadas cuidadosamente, não só na investigação científica, mas sobretudo no testemunho dos primeiros cristãos, entre eles, Paulo apóstolo.

Ela traz a graça da sagrada tradição aliada à escritura para que, por esses meios, Teófilo tivesse a solidez dos ensinamentos da fé em Jesus Cristo.

Esta graça acompanha a Igreja desde seu início e fundamenta a nossa fé para que ninguém se perca ou se engane com um ensinamento diferente do que foi ensinado no princípio.

Sagrado magistério, Sagrada tradição e Sagrada escritura, sãos alicerces vivos da nossa fé em Jesus Cristo. Quem se apoia neles, não será confundido, não se perderá no caminho.

O primeiro áudio segue sobre esse trecho:

“Não tenhas medo, Zacarias, porque o Senhor ouviu o teu pedido.”

Isabel, tua esposa, vai te dar um filho e tu lhe porás o nome de João. É João Batista! O último dos profetas do antigo testamento e que abre as portas do novo testamento ao apontar o salvador: “eis o cordeiro de Deus.” Mas Zacarias e Isabel definitivamente não esperavam por esta visita, foi uma surpresa para eles.

Já eram velhos e não tinham filhos. Quantas vezes, Deus é quem sabe, eles pediram a graça de gerar enquanto ainda eram jovens, eram fiéis a Deus, mas o filho tão esperado, não chegava. Porque o anjo só chegou agora? Porque ele não veio mais cedo enquanto eram jovens e tinham força e vigor? – Eu me pergunto.

É porque Deus tem um tempo para cada coisa, e sempre cumpre suas promessas e profecias. Assim, era preciso que todas as pessoas envolvidas nesta promessa estivessem preparadas para recebê-la, e só então isso aconteceria. Para Deus tudo é possível!

Mas não foi fácil assim para Zacarias. Era muito difícil acreditar, era extraordinário, impossível! Mesmo que a visita de um anjo já fosse prova suficiente da presença terrível de Deus.

Para “ajudar” na fé de Zacarias, o anjo o deixou mudo a fim de que crê-se na sua palavra. E ela se cumpriu para casal de idosos que se tornaram pais do precursor.

Segue o áudio do segundo trecho:

Leia o trecho em Lc 1, 1-25

Na Bíblia cnbb página 1268-1269

Título: Prólogo e anúncio do nascimento de João Batista

Promessa

Lc 1, 13-17.20

“Não tenhas medo, Zacarias, porque o Senhor ouviu teu pedido. Isabel, tua esposa, vai te dar um filho e tu lhe porás o nome de João. Ficarás alegre a feliz e muitos se alegrarão com seu nascimento. Ele será grande diante do Senhor. Não beberá vinho nem bebida fermentada, e, desde o ventre da mãe, ficará cheio do Espirito Santo. Ele fará voltar muitos dos filhos de israel para o senhor, seu Deus. Caminhará à frente deles com o espírito e o poder de Elias, para fazer voltar o coração dos pais aos filhos e os rebeldes, à sabedoria dos justos. E para preparar um povo nem disposto para o Senhor.”

“E agora ficarás mudo, sem poder falar até o dia em que essas coisas acontecerem, já que não acreditaste nas minhas palavras, que se cumprirão no tempo certo.”

Ordem

Lc 1, 13

“Não tenhas medo, Zacarias, porque o Senhor ouviu teu pedido. Isabel, tua esposa, vai te dar um filho e tu lhe porás o nome de João.”

Qual a mensagem de Deus para mim hoje?

Aquele que reza precisa ter a expectativa de ser atendido por Deus, precisa ter fé carismática e preparar-se para receber a graça que foi pedida a fim de reconhecer o tempo em que for visitado por Deus.

Como posso pôr isso em prática?

Sabendo que a graça é de Deus, fazer tudo o que estiver ao meu alcance para recebê-la, no tempo em que ele me visitar.