“Jesus, porém disse-lhe: “Espírito impuro, sai deste homem!” (Mc 5,8)

"Não acredito nestas coisas de possessões Diabólicas..."

Padre Gabriele Amorth

Há nos dias de hoje um grande mal que cerca há muitos sobre a realidade da existência do Demônio, de Satanás! Muitos acreditam que Satanás é somente uma invenção dos homens para poderem “transferir” suas culpas e responsabilidades para alguém e, não querer o próprio homem, assumir suas atitudes.
Isso é um erro tremendo, e pode vir a se tornar um desastre com graves consequências para a vida destas pessoas.

Satanás existe, ele é real, é sim um ser com muito poder, inteligente e astuto; é chamado pelo próprio Jesus como o Príncipe deste mundo, portanto realmente por esta afirmação compreendemos que nele há determinada força e poder…

Mas é claro que nada disso é comparado à força de Deus, ao Seu poder e realeza! Deus é infinitamente Superior a Satanás, e como muitos erradamente pensam, Deus não disputa poder e força com Satanás, pois o Maligno reconhece a superioridade de Jesus, e declara essa superioridade de Deus na própria Palavra quando diz: “Que queres de mim, Jesus, Filho de Deus Altissimo? Por Deus, não me atormentes!” (Mc 5,7)
É nesta passagem que Jesus diz ao Demônio: “Espírito impuro, sai deste homem!” (Mc 5,8)

Esta é uma das muitas passagens que Jesus nos ensina sobre a realidade do Demônio e sobre a Possessão Diabólica!
Mas infelizmente, muitos ainda acreditam que esta realidade sobre a Possessão Diabólica não é real, que ela não existe; e que são sempre frutos de mentes perturbadas com algum tipo de transtornos psicológicos…O que me deixa surpreso é que atualmente, existam pessoas da própria Igreja que não acreditam nesta realidade!

:: A incredulidade paralisa os Milagres!
:: A ação da Pregação no processo de Libertação
:: Preciso de Cura, Libertação ou Exorcismo? – Parte 1

Vou contar uma breve historia abaixo que foi o próprio Padre Gabriele Amorth (falecido em 2016) que contou, e que sempre, com o seu bom senso de humor, deu um lindo ensinamento sobre a realidade da Possessão Diabólica:

Então conta – nos Padre Gabriele Amorth que um dia um Bispo o encontrou e sabia que ele era o Exorcista famoso e de renome do Vaticano, e mesmo assim este Bispo falou ao Padre Gabriele Amorth que não acreditava na realidade de Possessões Diabólicas
Padre Gabriele, com a sua experiência e sabedoria, disse ao Bispo que ele poderia lhe recomendar 4 livros excelentes e que depois de lê – los o Bispo ficaria convencido da realidade das Possessões Diabólicas
O Bispo, curioso então por saber quais seriam estes tais livros que lhe convenceria da realidade das Possessões Diabólicas, perguntou então ao Padre Gabriele Amorth:

Me diga então quais são estes livros?

E Padre Gabriele lhe respondeu:

São os Evangelhos de Mateus, Marcos, Lucas e João…

Meu Deus quanta sabedoria nesta resposta de Padre Gabriele! Acredito que depois desta resposta, o Bispo deva ter se calado e refletido bastante…
Mas infelizmente esta é a realidade de muitas pessoas sobre este tipo de assunto!

O Evangelho está ai para nos ensinar o que precisamos saber sobre a realidade do Maligno!
E para ser bem sincero com vocês, nos tempos de hoje, onde vemos crescendo de maneira alarmante a realidade do Ocultismo em nosso meio, não são raros os casos de Possessões Diabólicas que surgem! Raros na verdade são as pessoas especializadas para discernirem tais realidades e ajudarem da forma correta!

Por isso mais do que nunca precisamos saber que o Maligno esta ai, e que precisamos como cristãos nos revestir das Armaduras de Cristo para combate – lo!

Deus abençoe a cada um de voces!
Rezem por mim!

– Nos siga no Instagram
– Acompanhe também nossa Pagina no Facebook
– Se inscreva em nosso canal no Youtube
– Me acompanhe diariamente pelo Twitter
Leia também:

1. Aprendendo mais sobre os Anjos

2. O Exorcismo, a Confissão e o Mal

3. O que é a Magia?

Danilo Gesualdo, é membro da Comunidade Canção Nova e atua junto ao Ministério de Cura e Libertação, residindo em nossa sede em Cachoeira Paulista.
Para contato me envie um e-mail:
livresdetodomal@cancaonova.com

15 Comentários

  1. Jesus e eu somos tão conectados, que as veses peço pedao por pedir coisas bobas, tipo: aonde está um objeto que depois de muito procurar e não encontrar, peço pra Jesus, e vou em cima daquilo na hora.
    Mas tem uma causa muito grande que não consigo alcansa-lo, Jesus atende todos os meus pedidos mas quando peço em desespero não alcanso sua graça, peço a Deus que almente a minha fé.Tenho fé que tudo vai dar certo.
    E quanto ao mal, ou pessoas possuídas, não acredito ou não sei, as veses as pessoas fazem coisas que chego a pensar, como podem fazer tanta crueldade , mas sera esse mal que todos falam que existe ? Como vou saber se e verdade.

  2. Gostaia que rezasse pro meu filho junior para liberta_lo das drogas…

  3. Peço orações para minha família que precisa de uma conversão nos corações e nós Neto filhos irmão irmã e tudo que precisa

  4. A mentalidade do clero brasileiro é fortemente racionalista, procurando explicações naturais para tudo, até para os fenômenos de origem diabólica. Esse mentalidade racionalista atinge até mesmo alguns exorcistas, não são todos, mas alguns acabam tendo essa mentalidade racionalista. Outro dia eu estava escutando, pela internet, um programa de rádio de um exorcista brasileiro e, ao meu ver esse exorcista fez uma generalização errada e perigosa. Ele dizia que a maioria das pessoas que o procuravam eram pessoas com problemas apenas emocionais ou psicológicos. Eu conheço esse exorcista e a cidade onde ele atua. Sei que ele estava dizendo a verdade, mas não é porque a situação específica da cidade dele é desse jeito que em todos os outros lugares será do mesmo jeito. Há lugares em que a presença do mal é fraca e leve, logo os problemas das pessoas acabam se limitando a problemas de relacionamento e problemas emocionais e psicológicos, sem uma intervenção maligna ou demoníaca. Mas, há outros lugares em que há uma forte presença e atuação do mal. Nesse lugares não é raro os fieis sofrerem de alguma forma de perturbação diabólica, inclusive possessões. Nesse sentido, penso que seja importante fazer um trabalho de conscientização da existência de problemas espirituais de origem diabólica, evitando racionalismos. Também penso que os sacerdotes exorcistas, pelo menos no Brasil, deveriam evitar a acumular funções e se dedicaram mais exclusivamente aos exorcismos.

  5. Danilo, A Paz de Cristo!
    Gostaria de fazer mais um comentário.
    Tenho visto notícias pela internet que o número de exorcistas tem aumentado em outros países e continentes, como nos EUA e na Europa, mas aqui no Brasil, pelo contrário, há ainda muito preconceito e muita resistência do clero em relação aos exorcismos etc. Há, por exemplo, uma tendência do clero brasileiro em tentar explicar os fenômenos ou distúrbios de origem demoníaca como se fossem meras doenças mentais ou problemas psicológicos. Você acha que poderia ser feita algum tipo de campanha para conscientizar o clero sobre a realidade dos distúrbios de origem diabólica? Você acha que os fieis poderiam fazer também uma cruzada de orações para que os bispos o demais clero reconhecessem a necessidade de socorrer pastoralmente através de exorcistas os fieis que passam por graves problemas espirituais? Você acha que poderia ser redigida alguma oração específica nessa intenção? Ou se poderia simplesmente rezar uma oração já existente nessa intenção?
    Peço também orações por mim, pois estou precisando de um exorcista e não encontro saída para esse problema!!!

  6. Danilo, A Paz de Cristo!
    Alguns anos atrás, eu escrevi uma carta ao meu bispo pedindo a ele a nomeação de um exorcista para a minha cidade, na esperança de eu ter um exorcista que me atendesse.
    Eu tentei também convencer alguns amigos católicos a fazermos uma petição com o nome de várias pessoas pedindo ao bispo que nomeasse um exorcista ou mais de um exorcista para a minha cidade. Infelizmente, acredito que por excessivo temor humano, esses amigos não quiseram fazer essa petição. Então, só eu enviei a carta ao bispo pedindo a nomeação do exorcista, mas ele, o bispo, não quis nomear o exorcista. Não cito os motivos aqui porque entra em questões pessoais, mas eu pude notar que o bispo tinha preconceitos em relação aos exorcismos.
    Gostaria de saber sua opinião sobre a ideia que eu tive de fazer uma petição com o nome de várias pessoas ao bispo pedindo a nomeação de um exorcista? O que você achou dessa ideia? Você acha que é um bom meio de conseguir um exorcista? E a recusa de meus amigos em fazerem a petição? Você acha que eles agiram certo ou que foi uma omissão deles?

  7. Nessas missas de cura e libertação, podemos ver essas possessão diabólica Danilo?

    Uma pessoa que tem dons, pode se manifestar o espírito do mal, e nos confundir?

    Que você esteja sobre a proteção de Senhora e que Deus te abençoe.

  8. Excelente artigo, Danilo!
    Que Deus sempre te abençoe!

  9. Peço a libertação de todos os males em minha vida e na vida de minha família, principalmente das invejas.

  10. Pois é… amo demais a minha igreja, mais infelizmente tenho visto MUITOS PADRES que não acreditam nesta realidade…. penso que a formação deste é muito precária

  11. Danilo, a paz, lhe escrevi no seu e-mail, se possível aguardo resposta. Obrigada

  12. gostaria que fizesse uma oraçao pelo alcoolismo de meu marido orlando ha 37 anos de vicio nunca adoeceu esta cada vez mais forte tenho rezado todos dias e a graça nao acontece depois de tanto anos de casada nos tornamos inimigos pois acho que esta possuido pelo maligno de tanto beber ajude me amemobrigada

  13. a paz Danilo, lhe escrevi no seu e.mail, se possível, aguardo resposta
    obrigada
    Solange

  14. Boa tarde Sr. Padre
    Gostaria que rezassem por um filho meu: Chama-se Pedro Rui. para que volte ao bom caminho e compreenda quanto está errado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com