Um dia eu disse um SIM a Deus

Cada vocacionado tem um sim que testemunha Deus

Por Mirla Rocha

Artigo enviado por internauta.

Um dia eu disse meu sim a Deus. E, desse sim, vi a ação de Deus em mim e na vida de muitos que estiveram comigo. O sim de um, guia milhares, não é mesmo? Basta nos lembrarmos do sim de Maria, do sim de todos os santos, da entrega de Nosso Senhor na cruz por nós!

Cada vocacionado tem um sim que testemunha Deus. Em algumas visitas que fiz na semana santa deste ano, por exemplo, vivi várias experiências da graça de Deus no sim e testemunho de muitas pessoas: santos ocultos do nosso dia a dia.

O sim a Deus existe! Um sim que desperta o sim de outros!

O sim a Deus existe! Um sim que desperta o sim de outros!

Fiquei impressionada! Em umas dessas visitas, eu estive com uma mulher que cuida de sua mãe, uma senhora idosa. E, nos últimos anos, essa senhora passou por hospitais duas vezes, com suspeita de câncer. Bem, na verdade não era suspeita, pois, de acordo com os médicos, era certeza! Porém, quando o médico foi avisar a filha sobre o câncer da mãe, ela respondeu calmamente: “Ela não está com câncer, Doutor. Respeito muito o senhor que é médico, mas o primeiro médico da minha mãe é Deus, depois vem o senhor, que é Deus quem abençoa. Ela não está com câncer”. E, movido por aquela certeza da mulher, o médico refez os exames, incluindo biópsias.

E o resultado foi negativo. O câncer inicial havia desaparecido! Que fé firme dessa filha! E, se não bastasse uma vez, anos depois, aconteceu de novo: a mãe foi diagnosticada com câncer e a filha mais uma vez bateu o pé: “Não é câncer! Eu creio em Deus”! E, mais uma vez, no retorno de todos os exames, sem sequer fazer o tratamento, os resultados deram negativo. Não era câncer. Foi um sinal de Deus na vida de quem acredita, de quem tem fé, como foi com Maria:”‘Feliz é aquela que teve fé no cumprimento do que lhe foi dito da parte do Senhor”. (Lc 1, 45)

Leia outros artigos da autora

E esse não foi o único fato onde testemunhei a ação de Deus na vida daqueles que acreditam. Visitei outra mulher diagnosticada com câncer. Se ela não me falasse que tinha câncer, eu não saberia, pois parecia saudável, sem aparentar a doença. E, ainda, vivia muito feliz, sem reclamar, murmurar ou se incomodar com os infortúnios da doença. Eu me espantei quando ela, ao lado da jovem filha, disse que estava na luta contra o câncer. E ela ainda completou: “Nunca questionei a Deus. Só peço força”. Sorria com a certeza de que Deus é quem cuidava da vida dela. “Todos morrem algum dia. Se tiver que ser a minha hora, o que eu posso fazer. Deus sabe o que é melhor para nós”. Ao ouvir isso, eu me lembrei de Jesus em sua Paixão, que aceitava todo sofrimento com paciência. É certo que Deus age em toda a nossa vida e cuida de nós, inclusive nos nossos sofrimentos. E esses são exemplos de fé que testemunham o cuidado de Deus!

O sim a Deus existe! Um sim que desperta o sim de outros!

Ainda participei de um velório, onde todos ao redor recordavam a santidade do homem que havia morrido. Davam, um após o outro, testemunhos das boas ações feitas por ele, da Igreja que ele construiu, da comunidade paroquial que ele ajudou, das pessoas que ele resgatou. No velório, vivia-se a certeza da ressurreição daquele homem. A própria esposa contou que, no leito de morte do marido, ela vendo que ele já estava prestes a falecer, virou-se para ele e disse: “Perdoe-me por tudo que já te causei nesta vida e eu te perdoo também. Vai em paz. Das mãos de Deus eu te recebi no nosso casamento e nas mãos de Deus eu te entrego hoje”.

Quanto a mim, só posso agradecer a Deus por presenciar tais testemunhos tão profundos de fé! Cada um tem um sim a Deus que desperta a minha alma a viver cada vez mais mergulhada em Deus! São histórias reais, do nosso tempo, deste ano, na minha cidade. O sim a Deus existe! Um sim que desperta o sim de outros! Eu já dei o meu sim e outros tantos ainda estão dando o seu sim, nos sofrimentos e lutas diárias, dispostos a viver um testemunho de fé! E, você, caro leitor, o que tem para testemunhar? Já deu o seu sim a Deus?

A fé é a certeza daquilo que se espera, a demonstração de realidades que ainda não se veem. (Hb 11,1)

Mirla Rocha
Comunidade Filhos de Maria – Montes Claros/MG

Comments

comments